Skip to main content
Poesia de Cozinha

Poesia de Cozinha

By Fernando Serra
O Poesia de Cozinha surgiu da minha vontade de falar e explorar a poesia ao redor do mundo. Achei que depois de tentar escrever poesia e nunca me sentir satisfeito, o melhor era ler a poesia dos outros e tomar um chá.

Poesia de Cozinha é exatamente isso, a impressão de um leitor em sua cozinha, tomando um chá, comendo um biscoito enquanto explora a cultura, o contexto e a história do poeta em questão.
Where to listen
Amazon Music Logo

Amazon Music

Apple Podcasts Logo

Apple Podcasts

Castbox Logo

Castbox

Google Podcasts Logo

Google Podcasts

Spotify Logo

Spotify

Currently playing episode

Caetano de Costa Alegre - O criador da Negritude em poesia

Poesia de Cozinha

1x
Causos de Varanda: Estação Brasil
Olá, meus queridos amigos ouvintes! Sejam bem vindos ao Poesia de Cozinha, o podcast feito de leitor para leitor, sem a pretensão de ser técnico, pedante ou acadêmico demais, afinal, como já dizia Belchior, eu sou como você, que me ouve agora. Nesse episódio bônus, vamos visitar dois contos brasileiros e uma crônica, afinal, estamos falando de Brasil e é óbvio que eu puxaria a sardinha pro nosso lado, com um pouquinho mais de podcast pra vocês. Eu espero que gostem desse episódio, tanto quanto eu gostei de produzi-lo! Os Contos presentes nesse episódio são: A Idade das Trevas, de André Sant’anna Tangerine-Girl, de Rachel de Queiroz e a crônica A última crônica, de Fernando Sabino. As músicas que você pode ouvir nesse episódio são: Canto de Ossanha, por Baden Powell e Vinícius de Moraes; Jazz Brunch, por Kevin MacLeod; Smooth Lovin, por Kevin MacLeod; O descobridor dos sete mares, por Tim Maia. As fontes de pesquisa para esse episódio foram: Revista Interdisciplinar Ano 5, v. 10, jan - jun de 2010 – ISSN 1980-8879 | p.271-282 acessada em 20 de Setembro de 2022 às 15h20; Folha de São Paulo, acessada em 20 de Setembro de 2022 às 16h37; Porta Escrevendo o Futuro, acessado em 21 de Setembro de 2022 às 11h33; Livro, "O melhor da crônica brasileira", José Olympio Editora - Rio de Janeiro, 1997, pág. 47. Imagem do episódio retirada do livro Caravelas, jangadas e Navios de Rodolfo Espínola
37:10
September 24, 2022
Lino Guedes: Jornalismo, Ativismo e Poesia
Olá, meus queridos amigos ouvintes! Sejam bem vindos ao Poesia de Cozinha, o podcast feito de leitor para leitor, sem a pretensão de ser técnico, pedante ou acadêmico demais, afinal, como já dizia Belchior, eu sou como você, que me ouve agora. Vamos começar essa edição com alguns recadinhos importantes: Infelizmente os meses de julho e agosto foram super corridos para mim e não tivemos episódios nesse período, mas isso não significa que o podcast acabou, a diferença é que agora eu vou ter de publicá-lo com intervalos irregulares. Agora, falando do nosso episódio, o que eu tenho para começar é que, hoje, dia 06 de Setembro, nada melhor pra voltar à ativa, do que fazer um episódio falando de Brasil, certo? Então pra celebrar a nossa independência e trazer um trabalho legal sobre nosso país, vamos falar sobre Lino Nascimento, um poeta paulista, da cidade de Socorro. Eu espero que gostem! Fontes para esse episódio: Passei Web  Literafro   Toda Matéria   Guia da Semana  Músicas do Episódio: Negro é Lindo - Jorge Ben; A Carne - Elza Soares; Refavela - Gilberto Gil; Preto Cismado - Aláfia.
38:55
September 06, 2022
Causos de Varanda: Contos da Ucrânia
Olá meus amigos! Nesse episódio, veremos um pouco da prosa Ucraniana, com dois contos selecionados para vocês, o primeiro deles Andriyko Mudriyko é uma clássica história infantil contada pelos pais e avós daquela linda terra! É um conto doce, delicado e com muito aprendizado para as crianças. Você pode ler este conto aqui neste link: Portal Minha Ucrânia O Segundo conto, escrito por Volodymyr Vynnytchenko (1880 - 1951) é um pouco mais sombrio e é carregado de impressões, de motivação e de contestação, A fome fala das crises que ocorriam nas terras eslavas, especialmente durante as épocas de baixa safra e de guerra. A fome sempre foi uma companheira constante no final do século XIX e no começo do século XX praqueles lados. Vários relatos na literatura histórica e ficcional comprovam essas características e esse conto retrata bem esse período. Você pode encontrar este conto e outros no livro A Canoa no Mar: Contos Ucranianos nesse link aqui: Portal Diasporiana Conforme mencionei no episódio, tem mais um link de livro pra vocês, ele se chama Contos Ucranianos e pode ser acessado aqui: Portal de Literatura em Língua Ucraniana chtyvo.org.ua Espero que tenham gostado e vejo vocês na próxima!
34:26
June 24, 2022
Taras Shevtchenko, um visionário da Ucrânia Moderna
Boa noite! Primeiramente, desculpem-me pelo atraso na publicação! Época de provas, mudança de emprego, várias coisas acontecendo ao mesmo tempo, então eu acabei não conseguindo honrar o prazo que gostaria para o Poesia de Cozinha. Nesse episódio, vamos visitar a Ucrânia e conhecer a poesia de Taras Schevtchenko, um dos maiores, senão o maior poeta Ucraniano. Vamos também aprender uma receita de panqueca de batata muito boa, que eu fiz aqui e recomendo fortemente a vocês! Não esqueça de visitar o Post de Apoio! As músicas presentes nesse episódio são: Nos Montes Cárpatos  Old Ukrainian Folk Song  Ukrainian Patriotic Folk Song  Ei Falcões!  Kukushka As fontes de pesquisa principais para o episódio foram: BBC Wikipedia Mundo Educação Minha Ucrania Receita De Deruny - Blog do Edu Guedes
23:42
June 08, 2022
Causos de Varanda: Contos de São Tomé e Príncipe
Olá meus amigos! Mais uma vez, trago uma palhinha de prosa pra vocês, com os "Causos de Varanda", aqueles causos bons de contar no entardecer, acompanhados de um chazinho quente, um cafezinho fresco ou um chimarrão fervendo! Dessa vez, vamos ouvir dois contos folclóricos tradicionais de São Tomé e Príncipe, que se chamam "A tartaruga Manhosa" e "A lenda de Cantagalo". Aqui vou deixar as fontes, bem como o link do Youtube do Canal do Chico Abelha, onde você pode ouvir os contos do Pedro Malasartes e do Bocage que eu mencionei durante o episódio. Espero que gostem! Até a próxima! Fontes:  Blog Linhas de Espuma Site Lápis Mágico Masarykova Univerzita Canal do Chico Abelha As música que podem ser ouvidas durante esse episódio são: Banda Leguela - San Zuana Sangazuza - Papafigo
14:27
May 18, 2022
Caetano de Costa Alegre - O criador da Negritude em poesia
Bom dia, Boa tarde, Boa noite! Esse é o terceiro episódio do Poesia de Cozinha e na viagem de hoje, nós vamos conhecer as Ilhas de São Tomé e Príncipe, bem como O Criador da Negritude em Poesia e Poeta da Cor Dolorosa, Caetano de Costa Alegre, um estudante de medicina, que, embora tenha falecido precocemente, entrou para a história de seu país com versos maravilhosos e muita persistência para vencer na vida. Os trechos de música presentes nesse episódio são: Flacon - Os Quibanzas Tó - Dexa da Ilha do Príncipe Não chora não - Bulawe Ribeira Funda Você - África Verde A principal fonte deste episódio, foi o artigo publicado pela Professora Doutora Naduska Mário Palmeira, na Revista Crioula, de número 20, no 2° Semestre do ano de 2017: DOI: 10.11606/issn.1981-7169.crioula.2017.137532 Outras Fontes de Pesquisa: Brasil Escola Banco Mundial Portal São Francisco Afrolink Deutsche Welle Não esquece de acompanhar o Post de Apoio para ver fotos da nossa receita do episódio e também para curtir uma playlist de São Tomé e Príncipe e ver as fotos da Deutsche Welle sobre o Tchiloli
19:15
May 07, 2022
Di Brandt, a primeira poetisa laureada pela Cidade de Winnipeg
Di Brandt foi a primeira poetisa laureada de Winnipeg, através de um prêmio concebido pelo Winnipeg’s Arts Council, nos anos de 2018 e 2019. Ela é uma poetisa, autora, ensaísta e crítica literária de renome internacional e premiada em diversas esferas da poesia. A Di já publicou vários livros desde seu mais recente “Glitter & Fall: Laozi’s Dao De Jin, Transinhalations” pela Turnstone Press, do Canadá, sem tradução para o Português ainda. Aliás, por falar em tradução, fico contente de dizer que sua primeira tradução para o português, autorizada pela própria, foi feita por este que vos fala! Esse prêmio, do conselho de arte de Winnipeg, funciona como uma espécie de mandato de dois anos, onde o poeta é convidado em escolas, palestras e se torna uma espécie de embaixador da cultura local. A Di, por exemplo, apresentou uma palestra em comemoração ao Mês Nacional da Poesia e sim, o Canadá, tem um mês inteiro dedicado a isso, onde ela falou para o conselho municipal da cidade, sobre a história dos poetas de Winnipeg e a influência que eles tiveram na construção da vida local. A Foto da Capa do Podcast está disponível em seu perfil no site da Turnstone Press. A música de fundo desse episódio, se chama At Rest de Kevin MacLeod Não esqueçam de conferir o Post do Episódio! Di Brandt é uma poetisa internacionalmente aclamada de Winnipeg, Canadá, cujos títulos de poesia incluem questions I asked my mother (2016, 1987), Agnes in the sky (1990), Now You Care(2003), Walking to Mojacar, com traduções em francês e espanhol de Charles Leblanc e Ari Belathar (2014), e Glitter & fall: Laozi's Dao De Jing, Transinhalations (2018). "Mid-Afternoon Benediction" e "River people" foram escritas durante a nomeação de Di Brandt como Poeta laureado inaugural da cidade de Winnipeg, e podem ser encontradas (juntamente com outros escritos) no site do Winnipeg Arts Council, em www.wac.ca . "River people" recebeu o GOLD National Magazine Award (Canadá) em 2019, e foi destaque na Prairie Fire Magazine e Best Canadian Poetry. Os poemas foram traduzidos para o português por Fernando Serra, e aparecem aqui em inglês e português com a permissão de Di Brandt e Fernando Serra. Di Brandt is an internationally acclaimed poet of Winnipeg, Canada, whose poetry titles include questions I asked my mother (2016, 1987), Agnes in the sky(1990), Now You Care (2003), Walking to Mojacar, with French and Spanish translations by Charles Leblanc and Ari Belathar (2014), and Glitter & fall:  Laozi's Dao De Jing, Transinhalations(2018).  "Mid-afternoon benediction" and "River people" were written during Di Brandt's appointment as the inaugural Poet Laureate of the City of Winnipeg, and can be found (along with other writings) on the Winnipeg Arts Council website, at www.wac.ca.  "River people" received the GOLD National Magazine Award (Canada) for 2019, and were featured in Prairie Fire Magazine and Best Canadian Poetry. The poems were translated into Portuguese by Fernando Serra, and appear here in English and Portuguese by the permission of Di Brandt and Fernando Serra.
15:08
April 13, 2022
Tekahionwake - Duas vidas vividas pela mesma nação
Esse é o segundo episódio do poesia de cozinha. Nessa nossa viagem, vamos explorar um pouco o trabalho de Emily Pauline Johnson, a poetisa, autora e performer canadense, também conhecida pelo nome artístico de Tekahionwake. Vamos também ouvir um pouco sobre o Canadá, sua história, seus aspectos culturais e contextualizar tudo isso, comendo um delicioso Poutine. Os trechos de músicas que você pode ouvir nesse episódio são: This Is My Canada/Mon cher Canada - Jeanette Arsenault; Alberta Bound - Gordon Lightfoot; Heart of Gold - Neil Young; Clube Seamus - Kevin McLeod; Ascending the Vale - Kevin McLeod. Você poderá encontrar mais músicas do Canadá numa playlist em nosso post de apoio no site!  Receita de Poutine Fontes de Pesquisa para esse post: Public Domain Poetry Wikipedia Brasil Escola Não esqueça de conferir nosso Post de apoio!
29:59
April 02, 2022
Causos de Varanda: Contos Mongóis
Olá Pessoal! Não consegui ficar parado e trouxe esse episódio bônus para vocês, com a leitura de dois contos que consegui reunir das pesquisas que fiz. Eu ainda estou praticando e aprendendo cada vez mais, então desde já, peço desculpas pela dicção, que estou trabalhando para melhorar. Nesse programa, eu trouxe o conto, "O velho travesso", um conto da tradição oral mongol, que pode ser encontrado originalmente em inglês, no site: Mongolian Store O conto "O Lobo Bobo", também oriundo da tradição oral, foi encontrado no site: H2G2 As músicas desse episódio são: Cengiz Han'a Övgü - Batzorig Vaanchig Journey to Ascend - Kevin MacLeod Ancient Rite - Kevin MacLeod Temujin - Adrian Von Ziegler
15:17
March 16, 2022
Dr. Haadaa Sendoo, da Mongólia para o Mundo
Nesse primeiro episódio do Poesia de cozinha, vamos visitar a Mongólia, contextualizar um pouco sua história, provar um prato feito com base em uma receita típica desse país e conhecer um pouco mais do poeta que inspirou o Poesia de Cozinha, o Dr. Haadaa Sendoo. As músicas que você pode escutar nesse episódio são: Yuve Yuve Yu, do Grupo The HU, durante a abertura. Chinggis Khaanii, do músico Batzorig Vaanchig durante o bloco dedicado ao primeiro Imperador Mongol  E Arvan Khoyor Jil, do grupo Khusugtun, tocada no encerramento.  As fontes de pesquisa para o episódio foram:  interLitQ.org  Alchetron Toda Matéria Brasil Escola E não esqueça de conhecer a receita de Buuz, que eu consegui graças ao portal G1 do Paraná! Confira o Post de Apoio desse episódio! Forte abraço, e fiquem em paz!
24:11
March 05, 2022
Trailer do Poesia de Cozinha
Bem vindos amantes da poesia! Nesse pequeno trailer, gostaria de convidar vocês para nossa estreia em 05/03/2022, com nosso primeiro episódio analisando um poeta, seus poemas e sua cultura.  Vocês são todos muito bem vindos!  Não esqueçam de deixar sugestões, críticas e comentários nas nossas redes sociais:  Twitter  Facebook  Contato - poesiadecozinha@gmail.com
00:52
February 28, 2022