Skip to main content
Robinson do Futuro

Robinson do Futuro

By Robinson do Futuro
Primeiro podcast transmitido direto do ano de 2029, o RdF mescla comédia, música e ficção científica.

Isolado no Futuro, sem conseguir se comunicar com as pessoas do seu tempo, Robinson encontrou uma maneira de estabelecer contato com ouvintes do ano de 2021 através de seu podcast. Ele e seus afetos tentam lidar com questões do cotidiano e da produção de um programa interativo com pessoas de outro tempo. Preso na Bolha de Dirac 132, Robinson diz ser o podcast mais descolado da internet, embora ele pareça o mais deslocado.

Criado e Produzido por @Igor_o_Jesus
Redes Sociais @diogo.dantas_
Listen on
Where to listen
Apple Podcasts Logo

Apple Podcasts

Breaker Logo

Breaker

Google Podcasts Logo

Google Podcasts

Overcast Logo

Overcast

RadioPublic Logo

RadioPublic

Spotify Logo

Spotify

Currently playing episode

Ep. 04 - Sem Ideias (1ª Temporada)

Robinson do Futuro

1x
Fracturado - Todas as Músicas da 2ª Temporada
Ordem das músicas: 1. Firmão 2. Cansado 3. Aperto 4. Bem Vindos 5. Robinson do Amanha 6. Batalha dos Afetos 2.0 P1 7. Batalha dos Afetos 2.0 P2 8. Batalha dos Afetos 2.0 P3 9. Batalha dos Afetos 2.0 P4 10. Tímido 11. Não é Justo 12. Homem Branco Vive 13. Robinson Perverso 14. Antidescarga 15. Itaipava de Madrugada 16. Monange
40:23
February 26, 2021
Bararararom - Músicas do Café com Ansiedade
Café com Ansiedade – Episódio 03 Barararon Robinson, barararon Com a Ansiedade chegando no mesmo tom Eu sou o Robinson, barararon Com a Ansiedade chegando no mesmo tom (2x) Eu sei que tudo que eu falo quase sempre tem proposito Deposito de angustia esse é mesmo o meu dom Mas é que o som da minha astucia se apresenta na minucia De não ter objetivo no meu barararon Essa é a arte que faz parte de um cenário bem maior Que bate e rebate o Beat nos ouvidos da Fandom Na sua vida cê não ouviu de alguma boca algo melhor Que o chiclete que se repete nesse barararon Robinson, barararon Com a Ansiedade chegando no mesmo tom Robinson, barararon Com a Ansiedade chegando no mesmo tom (2x) Agora é serio que o mistério deste talento incomum É o impropério de criar um som sem critério nenhum Só espero que a música que gero reverbere nos Rogérios Lauras, Anas, Valérios, parques, praias, cemitérios Por todo canto do império, assim nos dois hemisférios Até pra quem acha que o macho da bactéria se chama bactério E quando eu lapido o minério pra dar aquele brilho Esse é o efeito deletério do meu RAP andarilho Tudo bem, não sei o que tô fazendo aqui Me convidaram pra fazer a introdução mas e ai? Qual o tema da canção? Qual o tema Ansiedade? Então Robinson a verdade é que não tem tema algum Mas isso é algo comum nas letras de hoje em dia Basta ter um refrão pegado a galera aprecia É só a gente falar varias coisas meio no Random e deixar soar o barararon barararon Robinson, barararon Com a Ansiedade chegando no mesmo tom Robinson, barararon Com a Ansiedade chegando no mesmo tom (2x)
02:51
February 16, 2021
Meu Nome é Ansiedade - Músicas do Café com Ansiedade
Café com Ansiedade – Episódio 02 Meu Nome é Ansiedade Meu nome é ansiedade E eu tenho o meu próprio programa Sim eu sou a celebridade Que 2020 ama Dizem que tenho dificuldade Em conseguir lidar com a fama Mas seu papel é só levantar a mão O meu é segurar a Genkidama Falaram que eu não conseguiria Olha agora onde eu tô Alguns falam que eu sou vazia Mas só são cheios de cocô Reclamam de como eu trato o Amor-próprio E de fato o ódio que existe entre nós não é brinquedo Aqui no escritório é briga de território Isso não é nenhum segredo Não dá pra entender Porque que demorou esse tempão Não dá pra entender Pra eu ganhar a sua permissão Não dá pra entender Pra Hostear o meu próprio programa Não dá pra entender Robinson todo mundo me aclama Robinson você é burro Digo memo não sussurro Empurro, surro, dou murro De talento em Dom Casmurro Sua vida é entediante Não tem nada interessante É um discípulo de Kant Crítica à razão pedante É o arquétipo patético De um pré-diabético Estático diante Do meu ritmo frenético Estético, elétrico, inédito Mais que isso tudo métrico Meus versos são ecléticos Fáticos, fartos, proféticos Me fala Robinson na batida desse som Porque cê fica na sombra? É de se assombrar O tempo vai te cobrar Tá legal, tudo bem, vou dizer, vou falar Nunca sei se devo me decidir Qual caminho prosseguir A inércia catapulta meu destino Sou assim desde menino Penso demais Por tempo demais, vacilo demais Existo demais Eu quero te contar, Ansiedade Que talvez seja verdade tudo o que você falou Que eu tenho muita dificuldade Para com tranquilidade entender quem sou Sou uma pessoa ou um saco de batata? Nessa vida chata Pacata, sensata, sem sal, sem sonho e abstrata Que acata, que cata alegrias, que agride com agonias Que acolhe apatias encolhe a existência em pura monotonia Borrão indiferença um dia de outro dia No medo de viver a vida com autonomia Me sinto incapaz de tomar decisões Manter o tanto faz evita confusões Eu só desejo paz sem atribulações Quem se desresponsabiliza Se visibiliza perante as ações E fantasmas não deixam funções Me sinto incapaz de tomar decisões Manter o tanto faz evita confusões Eu só desejo paz sem atribulações Quem se desresponsabiliza Se visibiliza perante as ações E fantasmas não deixam funções
03:22
February 14, 2021
Nunca Deixe de Acreditar - Músicas do Café com Ansiedade
Café com Ansiedade – Episódio 01 Nunca Deixe de Acreditar A vida é dura irmão Como caroço de feijão Que não cozinhou bem Veja bem quando alguém te mandar desistir Você precisa insistir, prosseguir Sem parar, pro seu sonho conseguir realizar Persistência é tudo o que há Entre você e seu sucesso Isso é um excesso de otimismo eu sei Mas pensar dessa forma te ajuda A se responsabilizar Pela sua própria vida Realizar o possível Esquecer o impossível Nivelar pelo seu nível Mas que verso horrível Inadmissível que a cabeça do Robinson me atrapalhe No meu Freestyle Não posso falhar, mas pensando bem talvez falhe Provavelmente falhe E me esmigalhe, me embaralhe Não posso errar nenhum detalhe Uma lição pra que você nunca se atrapalhe Baleia que se bronzeia talvez encalhe Faça o que é possível, nunca deixe de acreditar Faça o que é possível, nunca deixe de acreditar Faça o que é possível, nunca deixe de acreditar Faça o que é possível, nunca deixe de acreditar O que eu quero dizer, minha irmã Acompanha o meu verso Aqui não é visão errada É papo de progresso Se você confiar, sempre Desde o começo Pode ser que o seu Robinson Um dia vire do avesso Faça o que é possível, nunca deixe de acreditar Faça o que é possível, nunca deixe de acreditar.
01:49
February 13, 2021
Indica - Músicas da 1ª Temporada
Temporada 01 – Episódio 03 Indica aí o Robinson Robinsão arroba gmail ponto com Pode vir e sugerir pode vir e reclamar Segue lá, no Twitter, no Face, no Instagram Seja por ser curioso ou seja por ser fã Na moral se é a sua primeira vez: escutando o Robinson Escuta mais um pouco: deixa eu te falar um negócio Sê só vai entender os episódios na sequencia De outra forma você vai pensar que eu tenho demência Eu não tô dizendo que eu tenho nem que eu não tenha E isso não importa se no final eu tiver muito mais empenho Mas essa não é a minha discursão Quando terminar a musica faça uma indicação, por favor Indica pra aquele seu amigo Que é intolerante a lactose e não come trigo Indica pra aquele bebê Que na infância usava um relógio do BEN 10 Indica pro seu pai e pra sua irmã Mesmo que você saiba que eles nunca vão ser fã Você vai colocar pontes em lugares Ajudando a espalhar a mensagem do futuro Aê, sem palavras mermão Foi incrível o carinho que eu recebi até agora de vocês Foi importante demais pra a continuação desse trabalho Eu quero dizer que eu tô muito feliz e muito surpreso com a recepção de vocês Só tenho a agradecer e pedir, por favor Indica pra aquele seu amigo Seja ele um padre, um gerente ou um mendigo Indica pra uma multidão É certeza eles darem valor ao Robinsão Vai lá, indica pra uma pessoa Aproveita agora enquanto o beat soa Calma (3x)
02:20
February 11, 2021
Sem Idéias - Músicas da 1ª Temporada
Temporada 01 – Episódio 04 Sem ideias É exatamente o que você tá pensando Mais um Robinson do Futuro está começando É o momento de anunciar para geral Que já tá no ar, esse Podcast excepcional Eu queria simplesmente Começar o programa como eu começo normalmente Mas alguma coisa aqui no meu peito (o que será?) Me levou fazer a introdução desse jeito E o mais triste e o mais trágico de tudo É que esse episódio carece de conteúdo Porque essa semana minha mente, coitada Já espremi foi muito e não sai nada, nada Portanto se instaurou um enorme desafio De criar um episódio sustentado no vazio Uma vez que minha burrice de nível descomunal Fez um chapéu na minha cabeça ter uma crise existencial Não tem jeito, tenho que confessar que essa semana Minha imaginação tá se empenhando em ser profana Por exemplo, presumindo que seria bacana Se houvesse um refrigerante feito de banana Antes de prosseguir alguns recados Robinson do futuro arroba gmail ponto com Twitter, Face e Instagram Recomenda para aquele seu amigo e comenta o que você achou do episódio Se houvesse, se existisse MST de cabeça Vou até anotar logo aqui antes que eu esqueça Eu entregaria a eles de forma definitiva Pra transformar num lugar bom essa cabeça improdutiva Imagine: minha mente é um Stephen Hawking burro Que acha que enxurrada é o coletivo de churro E eu só consigo cogitar onde o guarda-chuva guardaria a chuva E porque que eu nunca vi uma luva em um porta-luvas E eu vou me enlaçando num cogito infinito De como diferencia papagaio e periquito É difícil quando seu pensamento é uma panqueca Careca, cueca, meleca, boneca, peteca o que eu escolho pra rimar? A mente é um céu sem nuvens Areia da praia intocada É uma vastidão de nada Morada de todos os sonhos (2x) Tá bom, já tá bom, já podemo começar Não tem como falar tanto de burrice sem parar Robinson do Futuro agora vai começando E pra fazer a transição o beat vai ficar soando, ok?
02:48
February 10, 2021
Fatos da Minha Vida - Músicas da 1ª Tenporada
Temporada 01 – Episódio 06 Fatos da Minha Vida Uma vez fui num bar Pra comprar um maço de cigarros Eu pedi prum rapaz Que tava em pé perto do caixa Ele olhou esquisito pra mim E aí percebi que não era atendente Era só um cliente Com sua esposa do lado Eu já tô acostumado a passar vergonha Quer rir da minha cara, eu falo disponha Material não falta, minha vida é a nata A humilhação na minha existência é inata Quando eu era criança tomei uma queda No banco da igreja na frente da mina Que eu era a fim, minha vida é assim Quando eu olhei ela ria de mim A vergonha nos lembra do que Melhoramos ao longo do nosso viver É o preço de amadurecer Ninguém cresce e floresce sem antes sofrer Outra vez eu tava cortejando a mina Apaixonado mas ainda tava dando em cima Segurei a mão dela, tava nervoso demais Quis atravessar a rua, mas acabou não fui capaz Era como se eu tivesse cego quando comecei a me mover E o que aconteceu depois eu nunca mais vou esquecer Tinha um veículo parado na nossa frente e eu bati nele que nem um abestalhado Essa foi a primeira vez que um carro foi atropelado O mais triste é que essas histórias são reais São fatos da minha vida Como aquela vez na calourada Em que eu precisei pagar uma prenda E dançar na frente de geral Só que eu não sei dançar nada Parecia um pirata com Mal de Parkinson Tendo uma convulsão A vergonha nos conta do que Aprendemos ao longo do nosso viver É o preço de amadurecer Ninguém cresce e floresce sem antes sofrer
02:48
February 10, 2021
Só Sob o Sol - Músicas da 1ª Temporada
Temporada 01 – Episódio 07 (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Só Sob o Sol O Sol brilhou essa manhã Talvez não seja um bom sinal Tem vez que o que parecem bom É outra face do que é mal Na real, adoro tá em casa Sozinho no meu ninho Fazendo minhas coisas Isolado do mundo E da ansiedade de estar em sociedade A imprevisibilidade da vontade de correr De volta pro lar, aconchegante lar Dá um alívio só de pensar Ixi! É muito bom, fazer um cocozin de porta aberta é muito bom Não estar sempre em estado de alerta é muito bom Não preocupar com o julgamento de ninguém é muito bom Concordo é muito bom, é tudo de bom Mas vou te dizer, marcando no sotaque Que na bolha de Dirac não é legal de se viver É a perfeita solidão, ninguém te enche o saco É verdade, tem um lado bom, mas não resume todo o fato Viver só com seus próprios pensamentos é dureza É como ter os seus afetos todos postos numa mesa E eles falam de surpresa, eles interrompem tudo Fazem um barulho imenso, me lembram que sou chifrudo Me lembram dos meus vacilos Criticam o meu estilo Perguntam se o meu mamilo Já pertenceu a um esquilo Não querem me ver tranquilo Me acordam do meu cochilo Afirmam que sou aquilo Tudo que eu mais repilo Me firo, defiro o tiro no que admiro em mim Auto depreciação, a solidão é assim É esse o protocolo, prometo não extrapolo Dostoiévski já disse em memórias do subsolo O Sol brilhou essa manhã Talvez não seja um bom sinal Tem vez que o que parecem bom É outra face do que é mal.
02:08
February 5, 2021
Batalha dos Afetos 1.0 Parte 4 - Músicas da 1ª Temporada
Batalha dos Afetos 1.0 Parte 04 (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 05 Batalha dos Afetos 1.0 (Parte 04) Que esquisito, é um Beat Flow bonito Pra esmagar o mosquito que quiser me peitar, haha Tô monstrão, segue o som Jão que eu tô de pé no chão Hoje o amor próprio morre porque sou eu quem vou matar Velho sem noção, achar que a vida é brisa É quase certeza tá devendo pro Crefisa Afeto sem presença, MC inexpressivo Não vai sair ileso do meu verso agressivo Vou mandar a verdade aqui no RAP Eu conto ou vocês contam? Ninguém liga pra você Sabe quantas mensagens eu recebi falando bem da ansiedade De mim mermo e também e da consciência? Mas de você, irmãozin, que um zero à esquerda Não recebi UM Feedback da audiência Amor próprio se respeita rapá Tu num sabe encaixar Beat, tu não sabe improvisar Mas eu gosto de você, te comprei uma casa nova Endereço: Cemitério, número: Cova É por isso que eu vou acabando minha rima aqui Pra você ter tempo de ir Haha, que interessante um jumento falante Que semana passada não conseguia ter ideia pro programa E agora fica aí posando de MC Quer dizer um MC que não ama a si, mas a fama Robinson vem cá, que eu quero te gastar Você fica inseguro se ninguém te elogia E fica pirando em número de audiência MC lixo, não sabe a própria competência Hey! Demorou, demorou O seu raciocínio a pegar no tranco Você me falou que ninguém liga pra mim Tá tudo bem, fico de boa assim Essa é a diferença entre nós dois no proceder Eu gosto de elogio, não preciso pra viver Segura a levada da improvisada Meu mano a tua palavra não é nada Tô bem, tô feliz, tenho paz no coração Pra isso não preciso de migalha de atenção Robinsão, né você que diz ser descolado? Então descola do teu ego num Flow mais desapegado E essa foi à disputa do Amor-próprio contra o Robinson Porradaria na rima, na levada e no som E essa foi à disputa do Amor-próprio contra o Robinson Vota lá, batalha três, quem foi o melhor? Come on! E essa foi à batalha do Amor-próprio contra o Robinson Tá na hora de decidir, quem foi ruim e quem foi bom E essa foi à batalha do Amor-próprio contra o Robinson.
02:44
February 4, 2021
Batalha dos Afetos 1.0 Parte 3 - Músicas da 1ª Temporada
Batalha dos Afetos 1.0 Parte 03 (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 05 Batalha dos Afetos 1.0 (Parte 03) Eu vou anunciando essa batalha aqui De dois oponentes, trocação no free Dessa sagacidade Da Consciência e da Ansiedade Olha contra quem cai pra disputar aqui no verso Com um conservador que paga de controverso Consciência, pobrezinho, quer criar mundo ideal Mas vai ser atropelado pela rima do mundo real Ih lá vem a Ansiedade, já quer apanhar de novo Começando com essa rima clichezona pão com ovo Quer falar de mundo real, aqui nessa levada Alguém avisa que no mundo moderno ela tá defasada Defasada você me acusa de estar né não Consciência? MC frustrado, só tem aparência Se passa de filósofo, mas a tua eloquência não envolve A filosofia racional morreu no século 19 Falou do meu ataque, mas não respondeu, vou no Flow Quem não tem mais espaço no mundo hoje é você Djow A filosofia racional serve pra ampliar E as pessoas tomam remédio pra te matar É verdade eu posso ser indesejada às vezes Mas eu salvo bem mais vidas que sua argumentação Meu mano se liga no verso perverso que tá chegando pra te abater Consciência é outro nome pra medo de viver Acha que eu sou medo, mas o teu segredo é que você que é Todo mundo sabe que a ansiedade é o medo dando migué Esse nervosismo é por que você sabe que perdeu a batalha Na sociedade eu sou a dignidade e você é a falha Diz, quem é que cê acha que ganhou aqui? Dessa batalha o melhor MC Vota lá, na humildade Na Consciência ou na Ansiedade.
02:07
February 4, 2021
Batalha dos Afetos 1.0 Parte 2 - Músicas da 1ª Temporada
Batalha dos Afetos 1.0 Parte 02 (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 05 Batalha dos Afetos 1.0 Parte 2 Batalha dos Afetos 1.0 (Parte 02) Começando a segunda batalha aê E é você quem decide qual a dupla que vai vencer Começando a segunda batalha aê E é você quem decide qual a dupla que vai vencer Qual que foi, é batalha de dupla Como supla e o irmão do supla O superman e o superhomem, Zaratustra, Robinson Vai junto com o velhinho pavimentando o caminho pra cultura hip hop florescer Muito fraca, eu te esmago com o peso da minha levada Em zaratustra I don’t trust, confio na improvisada Num chora não, te avisei que a minha rima é desenvolta Prazer sou eu o abismo que te olhou de volta Me olha de volta mas não consegue peitar Psicopereba aqui não é seu lugar Volta lá pra selva onde tu tinha serventia Vou te matar na terapia É o que? Que que esse cara falou aí? Você tá querendo me fazer rir Tá se humilhando no Flow, escuta e aprende aqui Djou Pra que terapia se só ter a pia basta, vai lavar uma louça em vez de tomar cachaça Chego na batida com a minha improvisada De palavra por palavra te dou aula Tua falha na rima te denuncia, fracassada O meu verso é truculento mato teu a machadada Tu é nada vezes nada, Robinson roda dentada Te esmaga, mata e apaga no peso dessa levada Terapia, ter a pia Que rima m****, antes sofria, hoje eu sou fria Ei irmão cala a boca pra falar da consciência Ela que mantém o crescimento da audiência Você é irresponsável no seu proceder Parabéns pra você Ih Ansiedade, fica chateada não Isso aqui é batalha, não leva pro coração Mas eu até compreendo teu comportamento infante Deve tá dolorida depois dessa pisa gigante Amor próprio um micróbio velho, feio e sem função Não sabe rimar direito e fica de pagação Tua mente e os teus dente faz tempo que não tem mais Velho escroque você é a razão do coque na cabeça dos rapaz Vote em quem você achar que ganhou Não deixa pra depois, vai agora Djou? Quem é que foi o pé e quem é que foi o inseto Na segunda fase da batalha dos afeto?
03:16
February 2, 2021
Batalha dos Afetos 1.0 Parte 1 - Músicas da 1ª Temporada
Batalha dos Afetos 1.0 Parte 01 (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 05 Batalha dos Afetos 1.0 Parte 1 Começou a batalha dos afeto Aumenta o som que o RAP é do bom Acompanha o dialeto No final, escolha o seu MC preferido Que pra sempre será lembrado Ou eternamente será esquecido Primeira regra, tá permitida a gastação O TRAP é violento, nós quer ver sangue no chão As ideia tem que acompanhar o instrumental Chuva de Punchline no país do carnaval Eae família, Robinson vai mandando a rima Começando a batalha com o nível lá em cima Dá pena dos falsos MC que vem depois Com rima decorada clichê, feijão com arroz Ae, Robinsão, eu tô com um espelho na minha cara? Você que sempre trás rima já feita pra batalha Eu vou no Trap Flow dessa improvisação Hoje eu sou a proteína no teu arroz com feijão Haha! Ansiedade tá se achando Trapstar Se segura cumpade, que hoje eu vou te gastar Presença desagradável, ninguém gosta de você Conhecido transtorno, pereba na psique Lá vem a consciência outra vez cagando regra Quando tempo falta pra você dar outra daquelas suas dicas merda Se a geração raiz tá falando, Nutella cala Conscientemente apanhando prum velhinho de bengala Mata ele! (7x) É assim... Não faço prece pra quem desaparece Desde a infância esquece de vir comparecer Velhinho, meu versinho é simplório Mas contrata o velório, logo que hoje eu vou enterrar você Qual foi amor próprio? Tá de vacilação Acorda transeunte, é batalha, não é bingo não Ae, paga de elevado Mas deve ser só mais um daqueles velho tarado Ae amor próprio vou ter que concordar A geração Nutella taqui pra te aposentar Consciência trampando por um mundo ideal Desde 91 te dando lição de moral Iiih vê lá, ó o monte de criança Pelo visto amor próprio engatilhou a insegurança Vou ganhando espaço sem sua autorização É o amadurecimento chegando pro Robinsão E tem mais, irmão, aqui só tem MC fraco Uma iludida, um palestrinha e um cadáver fora do saco Três verme parasita dependente, demente, esperando pra crescer na minha fama Ou será que vocês já esqueceram qual o nome do programa? Tá começando a batalha dos afetos Se tá panguando irmão, sai de perto Que aqui a rima é nitroglicerina Explosiva, destrutiva, visceral e assassina (2x)
03:41
February 1, 2021
Um Descanso pra Alma - Músicas da 1ª Temporada
Um Descanso pra Alma (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 03 Um Descanso pra Alma Preciso te falar que vou No Beat Slow seguindo o Flow Manter quem sou, um olho na bola e o outro no gol Indago o estrago que o meu raciocínio causou Dano colateral de um som visceral Evocando e tal o seu lado animal Que vem pra fora com tudo Pensamento mudo e Vrau-vrau Cê já pensou? Quanta preocupação, tristeza e frustração Uma pessoa sozinha é capaz passar Ter que lidar, aguentar firme até superar Uma agonia que vem visitar Um arrependimento ruim de perdoar Aquela vergonha que volta a assombrar Um fantasma que engasga no Flow do pensar Lembro daquele vexame Me dá um derrame se eu faço o menor exame Precisa contar? Não basta explicar? Olha Jesus onde eu fui me enfiar Uma pessoa em situação de rua veio me pedir um trocado Tranquilidade, cotidiano da cidade Só que eu não eu não tinha um centavo pá dá Ele chegou e falou: E aí irmão, arruma um trocado E me olhou decepcionado Desorientado Um pouco irado quando eu respondi Não, Obrigado! Não, obrigado? Como alguém diz: não obrigado? Se uma pessoa te pede um trocado Só pode ser burro ou mal educado Calma, tudo já se encontra dentro da sua alma O que é necessário é só um pouco de calma Um descanso pra alma Só respira e se acalma Às vezes é quase impossível manter esse nível de mansidão Intransponível o abismo, é tudo um vão Você quer se segurar, não sabe onde está, só quer descansar Deixa a tempestade passar, tá? Tudo vai se acertar, tudo vai se assentar Dor, pesadelo e vergonha vão se transformar e vão te formar Como alguém que você vai se orgulhar Nem sempre dá, tá? Às vezes dá saudade da TV globinho De ser molequinho, de brincar sozinho De morar no ninho, onde os espinho da vida não chega A gente pelega, constante peleja, nada é de bandeja Vai quebrar o anel antes de abrir a lata de cerveja Portanto se liga que isso é a vida Doce que cê guarda enche de formiga Mina que cê gosta apenas sua amiga, tudo que é gostoso dá dor de barriga A vida é como enrolar um durex Que cola na mão Que cola na outra ponta do durex É muito mais ser vulgar do que ser sex É no seu ifood nunca ter cupom É não ter dom de fazer um som bom Pro Robinson É como um Cosplay do Coringa na Comicon Mas não pode desesperar Tem que esperar, tudo vai mudar O sofrer constrói, crescimento dói Mas a dor vicia, ela alicia Te prende num ciclo de autofagia Deixa passar, deixa ela ir Aceita que ela é sua antes de fugir Assim que você conseguir ter Calma, tudo já se encontra dentro sua alma O que é necessário é só um pouco de calma Um descanso pra alma Só respira e se acalma Pensou que acabou, te enganei de novo direto de 2028 Robinson do Futuro com muito requinte Levando você a pensar o seguinte Que a próxima rima oh meu caro ouvinte Seria com o ano de 2020 Se eu posso deixar uma lição é Faça seu próprio café E tenha Calma, tudo já se encontra dentro sua alma O que é necessário é só um pouco de calma Um descanso pra alma Só respira e se acalma Permita que tudo te aconteça Beleza e Terror Apenas continue Nenhum sentimento é definitivo -Rainer Maria Rilke
03:29
January 31, 2021
Sorte ou Revés - Músicas da 1ª Temporada
Sorte ou Revés (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 08 Sorte ou Revés Eu sempre achei que Deus não gostasse de mim Pois nunca vi ninguém ter tanto azar assim Agora eu sei que é só a minha interpretação Posso escolher ver o lado mau ou lado bom (2x) Mas é tanta história, que confunde a mente Lembro das desgraças seletivamente Tudo aconteceu de verdade, não chego a inventar A realidade trabalha pra me depreciar Teve uma vez que achei 10 reais Nunca imaginei que seria capaz Guardei no meu bolso feliz demais Mas a ironia do destino é sagaz Em casa olhei meu bolso, não tava lá Comecei desesperado a procurar Inacreditável! Eu sei Mas eu perdi o dinheiro que eu achei Já outro dia teve outra história Que é muito pior chega dói na memória Eu andava de Bike na minha vizinhança Do nada atravessou uma criança E o freio faiô Havaiana faio A criança faiô A distância faiô E tudo de repente ficou lento Consigo lembrar o momento Em que o pimpolho bexiguento Foi dormir no pavimento E ele rodou, rodou, rodou Umas quatro vezes antes de cair Parecia um saquin de batata E a mãe dele quase que me mata Mermão tinha umas cinquenta a sessenta pessoas na rua Tudinha olhando pra mim Não vou mentir, tive que fugir A situação pra mim tava ruim viu man Mas como a vida não é só de flores (Risadas quase imperceptivelmente forçadas) Perai, perai, perai, na moral! Mas como a vida não é só de flores Ela também contém rumas de dores No momento que esse rapaz fugiu (eu no caso) A corrente da Bike (adivinha) Caiu! (exatamente) (caiu, irmão) (a corrente caiu, irmão) Eu sempre achei que Deus não gostasse de mim Pois nunca vi ninguém ter tanto azar assim Agora eu sei que é só a minha interpretação Posso escolher ver o lado mau ou lado bom Eu sempre achei que Deus não gostasse de mim!
03:09
January 30, 2021
Robinson sem Presunto - Músicas da 1ª Temporada
Robinson sem Presunto (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 02 Robinson sem Presunto Você não esperava, mas eu comecei a cantar Você não esperava, eu sei, mas eu comecei a cantar Agora eu pago o preço por ser espontâneo Vou ter que continuar cantando Você já esperava um episódio massa Não adianta nem mentir que já eu entendi tua trapaça A sua expectativa criou uma ilusão Que eu vou decepcionar com toda a satisfação Pois nesse episódio eu quero falar de medo E talvez explorar o teu mais profundo segredo Robinson do futuro, quebrando paradigma Não sabe o que fazer e vai fingindo que é um enigma Ontem à noite fui à cozinha comer um pão com presunto Sinto calafrios pelo corpo só de pensar nesse assunto Antes que minha vista pudesse se dar com certeira Eu gritei amedrontado: só tem ovo na geladeira Você não esperava, mas eu vou parar de cantar Você não esperava eu sei Olha o carro do ovo passando em sua rua São 30 ovos do branco por 3,50 Tem ovo do vermelho, tem galinha, tem ovo de codorna Ooooovos!
01:51
January 29, 2021
Tornozelo Assombroso - Músicas da 1ª temporada
Tornozelo Assombroso (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 02 Se eu cheguei até aqui Dá pra ser feliz Mas como é que diz De um jeito que o medo escute? (2x) Cogitei: será que o futuro vai ser tão mal quanto eu penso? Ou será que é uma Vibe negativa pra qual eu tô propenso? É o medo que sopra no meu ouvido Um incessante alarido que faz o mais são endoidar É difícil até de expressar tal é o medo que isso me dá E só de imaginar já é difícil de lidar Com certeza tá no topo dentre os sonhos assombrosos Que alguém faça um Live Action dos ursinhos carinhosos Outro dia eu tive o pior pesadelo Que uma segunda cabeça nasceu no meu tornozelo E ela tinha uma boquinha em cada cavidade ocular E um olho gigante onde a boca deveria estar Será no futuro eu vou lembrar Dessa imagem horrenda e essa cena não findará Será que ainda haverá gente que não vai descer Em pé na porta do Busão me fazendo perder a parada Forçar uma caminhada Às vezes atrasada de volta pro meu ponto de chegada O Adam Sandler algum dia voltará pra comédia? E algum dia eu terei uma página na Wikipédia? Dúvidas, como são súbitas, uma e então múltiplas Essa é uma parte melódica da música Só pra te provar Que eu sei usar rima proparoxítona E outra vez o medo vem chegando e fala mais alto Usa minha insegurança e me toma de assalto E eu fico me perguntando se eu tenho talento Se durante tanto tempo eu caminhei tão lento Hum! Há o que pensar, há o que pensar! E durante o pensamento o mundo pode acabar E eu chego à conclusão: como é que eu vou viver assim? Se nem chupar uma Halls Preta eu consigo até o fim? Calma lá as coisas não assim tão objetivas Há perspectivas que criam narrativas No final a gente é quem conta a nossa história Tornar-te quem tu és, esse é tua vitória Se eu cheguei até aqui Dá pra ser feliz Mas como é que diz De um jeito que o medo escute? (2x)
02:49
January 28, 2021
Será que Vale a Pena - Músicas da 1ª Temporada
Será que vale a pena (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 01 Será que Vale a Pena Será que vale a pena continuar Será que valeu a pena ter chegado até aqui Tal é o viver, que dá, que tira e que refaz Que faz até o mais forte chorar Eu fico tão confuso ao cogitar Se existir se trata só de se lamentar Já sei devo me alimentar bem, beber bem Sempre fazer cocô.
01:29
January 28, 2021
Extraordinário - Músicas da 1ª Temporada
Extraordinário (Prod. by colocojá) 2020 - 1ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: colocojá // Letra: Temporada 01 – Episódio 01 Extraordinário Robinson do futuro chegando na Podosfera Transmitindo conteúdo pra uma outra era Que que isso quer dizer Você pode perguntar e eu vou te responder Sabe quando alguém fica ilhado? Água e mais nada pra todo lado? O que aconteceu comigo é bem semelhante Mas eu tenho que explicar uns conceitos antes Já ouviu falar no LHC? Não precisa se preocupar vou explicar pra você É uma máquina subterrânea embaixo da Europa Só pra ser construída ela levou três copas Grande Colisor de Hadões Analisa as partículas e detecta padrões Aê, Robinsão? Lerilei de partícula Ou! Deixa de conversa ridícula Calma irmão, já tô chegando lá Se não fosse importante eu não ia falar Tudo aconteceu em 2026 Como Gohar Sahir previu daquela vez Num experimento de rotina qualquer Sem um sobreaviso de perigo sequer A máquina explodiu engolindo Genebra Numa ocasião que o Diabo celebra A humanidade cai e chora Perplexa Diante de uma nova realidade Complexa Tentar entender um paradoxo Requer um pensar heterodoxo Se enlouquecer for necessário Extraordinário! Por todo o planeta, gente afetada Não é ouvida, não ouve nada Parece que tão em outra dimensão Barreira anticomunicação A real só foi descoberta mais tarde Criou-se um campo de Dirac Aê, Robinsão? Dirac, campo? Vim pra me entreter não pra ter um trampo Calma, é simples o conceito geral E seu efeito colateral Uma bolha com uma pessoa no centro E alguma coisa se reverte dentro Ocorre então algo fenomenal Um novo desafio existencial Certas pessoas sustentam o fardo De só poder falar com o passado Tentar entender um paradoxo Requer um pensar heterodoxo Se enlouquecer for necessário Extraordinário! (2x)
03:02
January 27, 2021
Itaipava de Madrugada (Prod. AngelLaCiencia) - Música da 2ª Temporada
Bem-Vindos (Prod. by Bargholz) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: Casper // Letra: To tomando Itaipava de madrugada Depois de passar o dia fazendo nada Dormi até 3 da tarde e mano eu sei To errado, devia até constar na lei É que o tédio tá tomando conta da sessão Minha mãe insiste que eu to com depressão Fico indo no banheiro a cada 10 minuto Bebendo com se tivesse vivendo um luto Faço parte de um grupo que a prerrogativa É ser adulto isolado e sem perspectiva To tomando Itaipava de madrugada Depois de passar o dia fazendo nada Sinto falta do que eu nunca vivi Meus objetivos todos esqueci To conforme o que esperam de mim Mas será que eu queria ta vivendo assim? Saudade das party com amigo Mas eu tenho que entender que tá proibido Será que eu to vivendo minha vida certo? Ou deveria manter os outros por perto? To tomando Itaipava de madrugada Depois de passar o dia fazendo nada
02:53
January 26, 2021
Antidescarga (prod by llbeatz) - Música da 2ª Temporada
Bem-Vindos (Prod. by Bargholz) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: Savage Mode // Letra: Você não presta atenção Que cê tá bem sem noção Seu proceder não tá bom Cê tá vacilando, irmão Eu não vou passar a mão Em cabeça de fanfarrão Cê tá vacilando, irmão Seu proceder não tá bom Cê dá descarga? Man cê tá loco Isso é errado, po, pensa um pouco As criança na áfrica passando sede E tu jogando água potável no esgoto Linhas de soco são minha arte Antidescarga é meu estandarte Meu sanitário guarda tanta bosta Que até tem nome: Regina Duarte To mais interessado em salvar o planeta Com descagadores eu to procurando treta Bolsonaro mito caga num saquito Pra não precisar usar descarga obsoleta É que eu não cedo não, não aperto o botão Antes de tá transbordando bosta no chão Fica um cheiro e tal, mas não pega mal Joga um bom ar que tá sensacional
02:10
January 25, 2021
Homem Branco Vive (Prod. AngelLaCiencia) - Música da 2ª Temporada
Homem Branco Vive (Prod. AngelLaCiencia) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: FROG // Letra: Se percebo que alguém me trata diferente Só porque sou homem branco, eu também sou gente Mano eu fico brabo, o abalo é profundo Não suporto preconceito contra mim no mundo Falando que eu tenho privilégio, mano, que bobage Só porque ando sozin na rua com tranquilidade Mano, cê não faz ideia do que eu passei Meus amigos na escola me acusavam de ser gay Rob WTF te chamaram de machista? Fala pra essas mina que o Pai é progressista Até pq machismo é coisa de gente atrasada Sou evoluído, não preciso (haaan) corrigir nada Mais um dia na vida de um pobre homem branco Tendo medo de assalto quando sai do banco O mundo me olha como se eu fosse um nazista Só pq a polícia me dispensa na revista Fico irritado quando alguém tentar me calar Com esse papinho escroto de lugar de fala Parece que os militante quer que eu seja mudo Só pq eu quero dar minha opinião sobre tudo Fuck! (Fou) Eu não vou nem falar de assédio Será que virou proibido ser um homem branco médio? O meu brother bebeu demais foi lá e se excedeu Mas se ele incomoda as mina é problema dele, não meu Po, me deixa, vo prestar queixa Não vou permitir vc me colocar tal pecha Já tenho problema demais sendo heterossexual Com a heterofobia sendo o novo normal Opressão estrutural? Cala a boca cê só chora A história é passado, mano Eu to sofrendo agora To em crise, analise, não tem quem me represente Quando será que alguém igual a mim vai virar presidente Sim. Estão todos contra mim Meu mano até quando vai permanecer assim É como só em ser eu houvesse algo ruim Eu só espero esse pesadelo chegue ao fim Homem Branco Vive
02:06
January 24, 2021
Aperto (Prod. ZZZ Beats) - Música da 2ª Temporada
Batalha dos Afetos 2.0 - Parte 02 (Prod. YungSwisher x Santo) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: HAIKASS // Letra: Uma vez na escola uma das mina mais bonita que tinha Falou que tava na minha pra uma amiga minha E ela veio me contar, né? Ei, não é pra se achar Mas Elizabeth quer te conhecer E eu fiquei sem saber o que fazer nem falar Mas claro que eu ia aceitar, já sacava essa mina faz tempo Só que lembre que eu tenho talento pra me sabotar De forma que ao marcar um dia pra gente se apresentar Ela veio caminhando na minha direção na quadra do colégio E eu fiquei que nem um leso, parado esperando, ela se aproximando Meus amigos do outro lado olhando e eu pensando O que que eu faço quando ela chegar? Já vou logo pra beijar? Chamo ela pra sentar? Conversar? E a resposta era: eu sei lá! EU SEI LÁ! E ela vinha vinha, cada vez mais próxima, Ansiedade máxima, aquele peso nas costas E a suposta atitude que eu tinha que tomar “Assim que ela chegar aqui eu vou  perguntar: E aí, Elizabeth, tudo bem com você? Robinson, muito prazer. Sempre quis te conhecer. Também reparava em você, você é da sétima B? Pode crer. Eu sou da oitava C, mas cê já deve saber. Vamo sentar rapidinho, trocar uma ideia baixinho. Te acho linda demais… Será que eu seria capaz de falar isso pra ela? Eu preciso ter cautela. Isso é vida, não é novela. E eu sou mesmo um zé ruela. O provável é que ela fez uma aposta com a galera Isso é coisa da gabriela, da thais ou da marcela Querem ver minha mazela, tão olhando de uma janela Dessas de sentinela Não é possível que essa bela moça como ela Esteja dando alguma trela pra esse nerd magricela E vinha ela como que numa passarela Carregando a primavera clareando a atmosfera atrás dela E que doidera, minha cara ficou vermelha, minha testa uma cachoeira de suor sob o olhar da escola inteira E quando ela foi chegando eu tava a beira de perder as estribeira Esqueci até o dia da semana nessa neura E eu pensei “Deus queira que hoje seja sexta-feira porque se eu fizer besteira a zoeira é certeira”. E eu fui sentindo uma coceira por dentro da minha caveira, foi me dando uma caganeira, fiquei branco nem macaxeira. Foi nessa hora que ela chegou na minha frente e eu lembro cada detalhe daquele dia quente Tinha emo, gótico, nerd, metaleiro Tinha as tia da cantina, os chavoso e os marombeiro Tinha futebol no meio da quadra, também é check E a sensação do recreio que é o torneiro de FreeStep O futebol parou, o tica-tica parou, o tora-réia parou, véia do lanche parou, o freestep parou.. Diretor, professor, zelador, monitor parou e olhou Até uma briga apaziguou Não consegui nada mais que Apertar a mão da mina então cê imagina Eu calado, congelado Ela s  e virou e foi embora Esse é o fim da história
03:18
January 23, 2021
Bem-Vindos (Prod. by Bargholz) - Música da 2ª Temporada
Bem-Vindos (Prod. by Bargholz) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: ENVENOMED // Letra: Bem vindos ao Robinson do Futuro Podcast Primeiro transmitido direto do futuro, não conteste Aqui da Bolha de Dirac 132 Eu trago a novidade pra sua realidade pois Ninguém mais faz o que eu to fazendo aqui Eu, profeta ao contrário Poeta do hilário Que é feito de otário Já desde o primário Burrice de nível Interplanetário Memória terrível corpo sedentário Esse sou eu, muito prazer Satisfação em conhecer Amor próprio tão precário Que esqueci meu próprio aniversário Mas esse programa é o melhor Hey Trato a audiência a pão de ló Com Robinson ninguém fica só Prepotente e porco, sou Marquês de Rabicó Na podosfera já sou xodó Inegável notável borogodó E Robinson quebra paradigma Extirpando o Nordeste do Estigma Tem que vez que vou cantar Vez que vou contar Talvez declamar Talvez reclamar Mal fez me calar Querendo agradar Dei uma pausa aqui Pra ir descansar To com celular novo Ânimo novo Robinson novo Fracasso novo Porque nunca é demais Chegar num limite de derrota eu não sou capaz Mas não to sozin (hã) Eles tão comigo aqui Meus afetos são assim Barulhentos eventos do Robinsão São rebentos atentos na escuridão São lamentos e alentos sem rosto Me controlam ao seu próprio gosto Fontes e pontes pro riso e o desgosto Apresento a ansiedade, fala ansiedade Apenas o afeto mais bacana da cidade E a consciência, fala consciência Disciplina diligente dirimindo a displicência E meu amor-próprio, fala amor-próprio To presente na sua mente desde a trompa de falópio E a audiência, fala audiência!!! Isso aqui não é podcast Isso  aqui é uma experiência Tudo puro Podcasts mudos Aprendam como se faz um conteúdo (original) No fundo todo mundo quer imitar nós Inevitável onda robinsoando a minha voz Desaparecido por mais de um mês Reapareço e cresço no coração de vocês Já que o Robinson faz o som que a galera gosta Os outros podcast tão tirando pó das costas Que nada, é brincadeira. Eu amo essa galera. Tem lugar pra turma inteira aqui na podosfera É nossa era, nossa hora, tempo de brilhar Nossos ouvintes tem requinte suficiente pra amar Como será que tá meu povo? Robinson tá aqui de novo!
04:06
January 22, 2021
Batalha dos Afetos 2.0 - Parte 04 (prod_ lilrebaah) - Música da 2ª Temporada
Batalha dos Afetos 2.0 - Parte 02 (Prod. YungSwisher x Santo) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: Among Us Imposter // Letra: Parece que temos um impostor entre nós Só um minutinho, deixa eu consertar minha voz 100% calibrado, pronto pro improvisado Opa, peraí só um minutinho Eita Encontraram a batida perfeita Perversidade entenda, cê jamais será aceita Aceita, todo mundo aqui quer você fora Menos o amor próprio, que eu acho que cê namora Robinson para de falar bobagem Quer dizer, eu sou Robinson, você é camuflagem Enquanto você finge ser alguém normal Eu tô muito preocupado sendo o Rob original Original tô ligado Sincero que nem minha ex Não percebi o seu sotaque Perverso Afeto Chinês É isso mermo, expus minha ex aqui no verso Será que eu sou o Robinson ou serei o perverso? Sou perverso, controverso, admito o que eu faço E enquanto vou cantando me expando no teu espaço Eu cheguei Robinsão porque você não guenta A pressão de ter feijão com arroz sem meu sal e pimenta Cê não é nada, camarada, só mais uma cópia barata de mim Entra na fila, em 2028, todo mundo quer ser ROBIN Seu mérito é patético, qualquer um pode fazer o que você faz Abre a boca pra falar qualquer porcaria sem pensar E ainda quer que eu diga: Pô, cê demais, ein!? Robinson cê tá desesperado Porque sabe que a audiência tá ficando do meu lado Eu sou mais interessante e também mais engraçado Ninguém vai sentir sua falta, isso aqui tá dominado E não se esqueça Robinson disso que agora vou deixar relatado Você pode esperniar, se debater o chorar Mas não vai mudar o fato que a MAGI tá do meu lado Haha, por essa você não esperava Pois vota lá em quem cê acha que tem que ganhar
01:50
January 21, 2021
Batalha dos Afetos 2.0 - Parte 03 (Prod. SOLXCE) - Música da 2ª Temporada
Batalha dos Afetos 2.0 - Parte 02 (Prod. YungSwisher x Santo) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: 100 // Letra: Começou a batalha parte 2 número 3 Quem vai dar o veredito é vocês (é vocês) Todo mundo se porrando em cima do instrumental “Quem vai dar é vocês” é estranho, mas é o correto gramatical Perversidade começa na frente (hmmm) como sempre Uma liberdade Latente pulsando dentro da sua mente E um aviso pros outros MC’s: Nem tentem Tô trabalhada na maldade e a chapa vai ficar quente A perversidade tá se espalhando E quem se espalha se atrapalha. Veja o império Romano Engraçado, nesse caso cê parece a ansiedade Desce o escorrego e quer ser dono do playground Bom que cê falou em dono Nessa tua rima cansativa que chegou a me dar sono Porque cês sabem que o Robinson é quem ocupa esse trono MC talentosíssimo com os afetos de bônus Robinson não se faz de sonso não Cê sabe que no final quem comanda a facção sou eu Sou o Deus, papo reto, Spinoza disse com aval de Nietzsche O pensamento é o mais potente dos afetos Consciência tua competência é limitada O Robinson é preguiçoso, amor-próprio nem falo nada Ainda deu pra ficar me comparando ao Perverso Porque sabe que usar meu nome é a receita do sucesso Ah lá vem, né você a contratante do Fracássio O carteiro caloteiro que é coach de palhaço Isso mesmo, Robinson, é o papel que você passa Dando ouvidos a esses falidos de criatividade escassa Iiiih olhaí, perverso na levada Não lembra que fui eu quem te concedeu entrada Porque aqui no Robinsão sou ancião respeitado Mais tarde eu o velório dos 4 vai ser com caixão fechado Notícias Amor-próprio agressivo é um tubarão de pelúcia Ansiedade confunde indignidade com astúcia Consciência não conversa com o meu sistema límbico E o perverso me copia tanto que ele é mímico Robinson presta atenção na minha rima A Perversidade te assassina escuta eu só posso falar por melodia (Porque se ele me escuta ele me muta) A cada momento que passa ele te copia mais Dentro de pouco tempo vocês serão iguais
02:35
January 20, 2021
Batalha dos Afetos 2.0 - Parte 02 (Prod. Common Cents) - Música da 2ª Temporada
Batalha dos Afetos 2.0 - Parte 02 (Prod. YungSwisher x Santo) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: Spongebob // Letra: Acordando do Dogma pra soltar os Dog Rogue aos seus demônios que seu cérebro hoje explode Pode vazar, não tem espaço pra você aqui Tenha certeza, na mesa perversidade é SUSHI Se liga na fita da rima bonita que eu mando pra ti consciência Te venço e convenço o Robinson a desconsiderar toda sua ciência Cê é chata, pacata, paga de sensata, mas é simplesmente atrasada Por isso que o Beat é do Bob Esponja, por que cê também é quadrada Eu chego no Flow pique Allan Poe No conto do gato já nos alertou Que perversidade surge no detalhe Se espalha e avacalha com a vida de um Jhow Afeto terrível escuta então a lição que a Consciência te traz Quando você cruza um limite nada mais te impede ao cruzar os demais Não sei não consciência Cê é despropositada Robinson te faz pergunta Cê não sabe de nada E parece que eu tô tomando o que não te pertence mais Robinson cansou de você, Superego do Paraguai Mutherfucker cê não se toca que pra nós cê não é comum Se coloca no seu lugar. Qual é? Nenhum Costumo ser racional mas a coisa não tá normal (Pois) Robinson corre perigo e você é o inimigo Eu particularmente não consigo acreditar Num afeto que é repleto de impulsos por controlar Todo mundo ao redor com seu cânone arbitrário Depois reclama que o Robinson desistiu de ser otário Eu quero saber se você Já correu lá para votar A Consciência e a Pervesidade Qual que vai ganhar? Eu quero saber se você Vai agora ou vai vacilar Qual MC vai ascender E qual que vai espiralar?
01:59
January 19, 2021
Batalha dos Afetos 2.0 - Parte 01 - Música da 2ª Temporada
Letra da música: Hey, hey, hey, hey, hey), Eita que tá subindo um arrepio na espinha A batalha dos afetos parte 2 já se avizinha Vocês é que vão decidir o MC vencedor E o que herdará vergonha, humilhação e rancor Eita mano vou chegando no pipoco Parecendo que tô loco mas só um pouco De soco pra dar no coco em MC de papo choco Vai passar sufoco, desorientado pagando e passando o troco Será que eu devo pegar leve na primeira? Afinal você é café com leite na brincadeira Apanhou pra dedéu, faleceu, foi pro céu Mas barraro e veio parar no meu banco dos hells Sou procurador de fraqueza na rima MC fraca aprende o que o Robinson te ensina Você foi acusada de ser inocente Deu de cara no Punchline e perdeu os dente Ansiedade sem maldade tua voz é irritante Azucrina o meu juízo, não da paz nenhum instante Me agonia, me atrapalha, mas te cobro na batalha Pirralha com voz de gralha desencalha de ser canalha ow Robinsão, peraí, segurou, vai com calma Cê tá muito acelerado prum retardado sem alma Todo mundo percebeu que você cantou mal Vai ter que botar legenda pro entendimento geral Outra coisa, sem mim Robinsão não é nada Pois sou eu quem te deixa acordadão de madrugada Que é quando você pensa então as ideia vão vindo E cê encontra motivo pra continuar existindo É verdade, ansiedade. Isso eu não posso negar, ein Por isso chego no Beat aqui pra te arrebentar Me dá pena da cena de Hiphop brasileiro Se cogitar acolher falso artista caloteiro Robinson: Homem branco, 30 anos, deprimido Tantos iguais a você já tão vindo em comprimido Sinto seu cheiro de fracassado mesmo a distância Usando irreverência pra encobrir irrelevância Pegou pesado hein ansiedade!? Tapoooar
01:42
January 17, 2021
Tímido (Prod. YungSwisher x Santo) - Música da 2ª temporada
Tímido (Prod. YungSwisher x Santo) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: MOON // Letra: Não gosto de entrar em lojas Nem chamar garçons Quando alguém me cumprimenta Mal consigo emitir sons Contato visual nem pensar Nem por webcam Me reunir com outras pessoas? Deixa pra amanhã Não gosto de entrar em lojas Nem chamar garçons Quando alguém me cumprimenta Mal consigo emitir sons Contato visual nem pensar Nem por webcam Me reunir com outras pessoas? Deixa pra amanhã Eu vou repercutir aqui no meu versado Que eu tô constantemente paralisado Pela timidez que antes era estado Agora é a condição de vida que mantém nós amarrado Pra me deixar constrangido, meu mano Você só precisa do mínimo Fingir ser alguém descolado não esconde O fato de que eu sou tímido Mano eu sou tipo aqueles cara que não gosta do jogo e já volta pro Save Vou contar a história de uma foto que eu publiquei com a galera na Rave Todo mundo ficou comentando nos grupos de ZAP e eu não aguentei Tanto constrangimento que dei um momento depois eu fui lá e apaguei Sometimes I have nothing to fear But i fear the same way All the laughs make my vision unclear Are just in my Não gosto de entrar em lojas Nem chamar garçons Quando alguém me cumprimenta Mal consigo emitir sons Contato visual nem pensar Nem por webcam Me reunir com outras pessoas? Deixa pra amanhã Não gosto de entrar em lojas Nem chamar garçons Quando alguém me cumprimenta Mal consigo emitir sons Contato visual nem pensar Nem por webcam Me reunir com outras pessoas? Deixa pra amanhã Me sinto observado até tomando banho O meu jeito de andar eu acho mó estranho Numa competição de paranoia eu ganho E quando eu canto RAP eu noto que sou fanho Todo rolê que eu vou alguém faz uma piada que me deixa louco (louco) Nossa o Robinson ele fala demais, né? Peraí deixa eu falar um pouco Se já tava difícil falar antes da tua piada, imagine agora (imagine agora) Não sei qual foi sua intenção mas você me deixou, mano, ainda mais por fora Sometimes I have nothing to fear But i fear the same way All the laughs make my vision unclear Are just in my head!
03:23
January 16, 2021
Cansado (Prod. by Lil Matrix Beats) - Música da 2ª temporada
Cansado (Prod. Magestick Records) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: FU** YOU // Letra: Eu não sei como eu vou introduzir esse assunto Mas eu sei que eu tenho que falar assim tudo junto Porque quando eu me pergunto Se eu tô em condição O meu corpo diz não Minha cabeça diz não (2x) É, meus amigos, que assunto complicado Pra ser abordado com minha audiência do passado Mas o combinado desde principiado esse programa descolado Tem compromisso com a honestidade Eu não posso negar que eu tô cansado pra caramba E em cada episódio me sinto na corda bamba Mas tenho que cuidar pra não perder a relevância E voltar pro mesmo ponto em que eu tô desde criança Mas eu tô precisando de umas férias Tô me exercitando menos que minhas bactérias Acordo todo dia com vontade de dormir Quem me chamar de morto vivo tá ofendendo o zumbi Tô sempre no ponto morto, levanto torto e enguiço Confesso que eu fico tonto toda vez que me espreguiço Não é a toa, que boa parte da minha grana É sugada por trampar 50 horas por semana Tô cansadão, minha função soneca no despertador tem duas horas Atravessei a rua com ajuda de uma senhora Na fila do mercado um idoso me deixou passar E no ônibus um cadeirante levantou pra eu sentar Tomei um Redbull pra ver se melhorava, mas ele me deu asas de mosquito Não me precipito quando admito minha apatia Se um vampiro me morde talvez acorde com anemia Me diz aí Zé, cê sabe como é precisar tomar um café pra fazer o café da manhã? Eu ando tão cansado que quero cagar deitado Nos sonhos, eu tô deitado. Meu sonho é ficar deitado. Tô tossindo ao contrário, tô dormindo no anti-horário. Outro dia pedi um Uber, veio um carro funerário Eu estou tão exausto de um modo tal Que os narcolépticos me processaram por apropriação cultural E se discute o meu caso no curso de medicina Usaram o meu DNA na fórmula do Maracujina Meus movimentos peristálticos estão quase estáticos Prazer eu sou o homem lesma no Quarteto de Apáticos Eu não sei como eu vou introduzir esse assunto Mas eu sei que eu tenho que falar assim tudo junto Porque quando eu me pergunto Se eu tô em condição O meu corpo diz não Minha cabeça diz não (2x)
02:43
January 15, 2021
Não é Justo - Música da 2ª temporada
Não é Justo (Prod. Magestick Records) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: HARD TIMES // Letra: Mãe hoje eu precisei sair Pra espairecer Pois eu não consigo mais sorrir Preciso me resolver (2x) Não dá mais pra aguentar ficar em segundo lugar no Free Fire E aceitar que a Netflix vai precisar cancelar a minha série No controle remoto da TV, acabei de perceber, não tem o botão de mudo Fritei um ovo de manhã, acho que era meio velho, porque ficou borrachuro Fui dormir com duas meias, quando acordei uma delas tinha desaparecido Fui usar o meu cupom no APP de Delivery e já tinha se vencido Fui no mercado outro dia e a cerveja que eu queria não vendia ela gelada Esqueci de estender minha toalha e vou ter me enxugar com ela assim toda molhada Não é justo Não é justo Não é justo Não é justo Eu fui pegar um Busão num horário bem tranquilo, mas ele veio lotado E durante todo o tempo do trajeto eu falhei no meu projeto de pegar canto sentado Meu olhar estrategista foi lendo todas as pistas de possíveis desembarques Mesmo assim foi mais fracasso que uma festa de ricaço com o DJ André Marques Não é justo Não é justo Não é justo Não é justo Mãe hoje eu precisei sair Pra espairecer Pois eu não consigo mais sorrir Preciso me resolver (2x)
02:50
January 14, 2021
Firmão (Prod. by Mixla) - Música da 2ª temporada
Robinson do Amanhã (Prod. Call Me G) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: Eminem x Slim Shady Rap Instrumental Beat 2019 // Letra: Dá um tempo To bem, to show, to 100% To firmão Minha saúde é de ferro E eu não me desespero To no estado que eu quero Não posso ser mais sincero C*rai tinqui winqui deixa de mentir que Eu já to no pique, teu papo é trambique como Hello Kitty Tic Tac Toc Toc (who’s there?) Je suis Magnifique Eu sou o mestre desse podcast Senta, aprende e aplique Alegaram que eu to tão doente que não tenho mais os dente E que uso uma dentadura que precisa de canal urgente Essa é uma informação completamente improcedente E esse alvoroço porque metade do meu rosto tá dormente Todo mundo sabe que isso acontece com o braço Quando se dorme por cima e o sangue fica sem espaço E cada um adormece de acordo com seu gosto Meu costume é sempre dormir em cima do meu rosto E daí que eu sinto várias dores na barriga? Ora até onde eu sei podem ser só 10 lombriga E a ardência que fustiga quando alivio a bexiga Já se tornou minha amiga, companheira das antiga E daí que eu ando entrevado? Qual o jovem de hoje em dia que não se senta errado? Tudo bem que eu não sou JOVEM, JOVEM eu não sou Mas será que eu não posso gostar do estilo de caminhar do meu avô? Ah Robinson suas taxas tão elevadas É que eu miro sempre no alto, baixo a cabeça pra nada Beleza eu como muito doce, né, sabe como é Pelo menos eu não ponho açúcar no meu café Pavezin né Com biscoito maizena Se precisar depois nós faz a ponte de safena Acordar todo dia cansado é só o show Ótima oportunidade pra dormir de novo
02:14
January 12, 2021
Robinson do Amanhã (Prod. Call Me G) - Música da 2ª temporada
Robinson do Amanhã (Prod. Call Me G) 2020 - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro // Composição: Robinson do Futuro // Beat: "COCO" ft. Offset | Free Club Type Beat 2021 | Free Club Banger Instrumental 2021 // Letra: Comi coxinha e cerveja na janta Problema do Robinson do Amanhã Fui dormir tarde precisando acordar cedo Problema do Robinson do Amanhã Pedi demissão do emprego, que pena Problema do Robinson do Amanhã Contei um segredo pra um fofoqueiro Problema do Robinson do Amanhã Toda que eu tomo uma decisão ruim Eu me despreocupo, afinal de contas de que vale enfim Me responsabilizar pelo presente Se eu posso empurrar com a barriga mais pra frente Vou passar no cartão (Hey!) Tem limite né então (Hey!) Tá ligado que é tipo dinheiro mágico né (Hey!) Passaí no crédito (Hey!) Já gastei meu débito (Hey!) Próxima semana fico em casa sem fazer nada (Woooo!) Antes de dormir eu bebi muita água Problema do Robinson do Amanhã Eu tô adiando um trabalho gigante Problema do Robinson do Amanhã Bebo refrigerante diariamente, que pena Problema do Robinson do Amanhã Eu não li nenhum livro esse ano, mas dane-se isso é um Problema do Robinson do Amanhã Olho a pia e preciso de terapia Porque a quantidade de louça Engatilha aquela minha Vontadezinha de morrer Você não crê no que eu preciso fazer É que tá tudo acumulado Que eu fui deixando de lado Porque eu tava então cansado, indisposto ou bem relaxado Eu to todo embananado Mas não vou ficar bolado Because Tomorrow’s Robinson Can do Everything I Can’t Do Do you love me? Stay above me. Soon y’all see that i’m sexy So you lust me or just lost me That will cost me less than nothing  (x2) Canta em inglês sem saber uma palavra Problema do Robinson do Amanhã Uma parte da letra sem nada a ver com nada Problema do Robinson do Amanhã Atrasa o programa uma semana, que pena Problema do Robinson do Amanhã Não explica nada pra audiência, claramente isso é um Problema do Robinson do Amanhã Enche a comida de pimenta sabendo que não aguenta ir no banheiro amanhã Toma uma caixinha de cerveja e não se hidrata isso acaba com pobre o Robinson do Amanhã Come uma caixa de chocolate, talvez isso mate o Robinson do Amanhã Vive a vida assim inconsequente até não mais exista nenhum Robinson
02:38
January 10, 2021
Leitinho - Música da 2ª temporada
Leitinho (2020) - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro Composição: Robinson do Futuro Beat: Jé Santiago x Yunk Vino x Matuê - "Low Times" (prod. by llbeatz) Letra: Eu vou destampar, derramar, meu leitinho em você Vou destampar e esparramar meu leitinho em você Leite de Rosa Sucesso entre muitas famosa Eu deixo sua pele gostosa Tua mãe vai te achar bem mimosa Ninguém me recusa Sou o hidratante das musa Não é só velha que me usa Duvida? Pergunta pra Xuxa.
02:00
January 9, 2021
Robinson Perverso - Música da 2ª temporada
Robinson Perverso (2020) - 2ª temporada - Podcast Robinson do Futuro Composição: Robinson do Futuro Beat: "Chronic" - Rap Freestyle Type Beat | Underground Hip-Hop Boom Bap Type Beat (By KhronosBeats) Letra: Eu sou Robinson Perverso Utilizando dos meus versos pra dominar o universo Eu sou Robinson Perverso Como um foguete acelerando na direção do sucesso Eu tava surdina, cê nem podem imaginar Mas chego repentina pique furacão Katrina Perverso dissemina pura noradrenalina O que me falta de melanina me sobra de rima fina Menina, sou a mais avançada medicina Tipo china faço o vírus e vendo a vacina Minha única doutrina é sair sempre por cima Pra cada mindinho no mundo Perverso é duzentas quina Eu sou Robinson Perverso Utilizando dos meus versos pra dominar o universo Eu sou Robinson Perverso Como um foguete acelerando na direção do sucesso Não tem  espaço procês que são certinho demais Eu vou contar 1, 2, 3, adeus até nunca mais Perverso rei da existência a ti restou desistência Vou ser feliz não vou viver mais nesse estado de dormência Robinson Super Homem De Nietzsche em meu domínio To preparado pra provocar estado de fascínio E mano, já adianto, tudo o que eu penso eu falo Sou super homem nietzscheano, cê oq eu caiu do cavalo Rapper milagreiro eu multiplico a rima Junto com o amor-próprio trabalhando a autoestima Mas vocês são pereba, tem raciocínio raso Afetos sem foco em progresso, zero saco pra atraso
02:42
January 9, 2021
Ep. 10 - Resolução (2ª Temporada)
Esse podcast é um oferecimento Promobit. *quaisquer outras empresas mencionadas no episódio são fictícias e servem apenas a fins narrativos e cômicos* Letras: [-Antidesgarga fodase-] Você não presta atenção Que cê tá bem sem noção Seu proceder não tá bom Cê tá vacilando, irmão Eu não vou passar a mão Em cabeça de fanfarrão Cê tá vacilando, irmão Seu proceder não tá bom Cê dá descarga? Man cê tá loco Isso é errado, po, pensa um pouco As criança na áfrica passando sede e tu jogando água potável no esgoto Linhas de soco são minha arte, antidescarga é meu estandarte Meu sanitário guarda tanta bosta que até tem nome: Regina Duarte To mais interessado em salvar o planeta Com descagadores eu to procurando treta Bolsonaro mito caga num saquito Pra não precisar usar descarga obsoleta Não cedo não, não aperto o botão Antes de tá transbordando no chão Fica um cheiro e tal, mas não pega mal Joga um bom bom ar que tá sensacional [-Conforme-] To tomando Itapiava de madrugada Depois de passar o dia fazendo nada Dormi até 3 da tarde e mano eu sei To errado, devia até constar na lei É que o tédio tá tomando conta da sessão Minha mãe insiste que eu to com depressão Fico indo no banheiro a cada 10 minuto Bebendo com se tivesse vivendo um luto Faço parte de um grupo que a prerrogativa É ser adulto isolado e sem perspectiva To tomando Itapiava de madrugada Depois de passar o dia fazendo nada Sinto falta do que eu nunca vivi Meus objetivos todos esqueci To conforme o que esperam de mim Mas será que eu queria ta vivendo assim? Saudade das party com amigo Mas eu tenho que entender que tá proibido Será que eu to vivendo minha vida certo? Ou deveria manter os outros por perto? To tomando Itapiava de madrugada Depois de passar o dia fazendo nada [-Leite de Rosas Monange-] Eu vou destampar, derramar, meu leitinho em você Vou destampar e esparramar meu leitinho em você Leite de Rosa Sucesso entre muitas famosa Eu deixo sua pele gostosa Tua mãe vai te achar bem mimosa Ninguém me recusa Sou o hidratante das musa Não é só velha que me usa Duvida? Pergunta pra Xuxa.
50:39
January 4, 2021
Ep. 09 - Perverso (2ª Temporada)
Esse podcast é um oferecimento Promobit. *quaisquer outras empresas mencionadas no episódio são fictícias e servem apenas a fins narrativos e cômicos* Letra: Robinson Perverso Eu sou Robinson Perverso Utilizando dos meus versos pra dominar o universo Eu sou Robinson Perverso Como um foguete acelerando na direção do sucesso Eu tava surdina, cê nem podem imaginar Mas chego repentina pique furacão Katrina Perverso dissemina pura noradrenalina O que me falta de melanina me sobra de rima fina Menina, sou a mais avançada medicina Tipo china faço o vírus e vendo a vacina Minha única doutrina é sair sempre por cima Pra cada mindinho no mundo Perverso é duzentas quina Eu sou Robinson Perverso Utilizando dos meus versos pra dominar o universo Eu sou Robinson Perverso Como um foguete acelerando na direção do sucesso Não tem  espaço procês que são certinho demais Eu vou contar 1, 2, 3, adeus até nunca mais Perverso rei da existência a ti restou desistência Vou ser feliz não vou viver mais nesse estado de dormência Robinson Super Homem De Nietzsche em meu domínio To preparado pra provocar estado de fascínio E mano, já adianto, tudo o que eu penso eu falo Sou super homem nietzscheano, cê oq eu caiu do cavalo Rapper milagreiro eu multiplico a rima Junto com o amor-próprio trabalhando a autoestima Mas vocês são pereba, tem raciocínio raso Afetos sem foco em progresso, zero saco pra atraso
32:11
November 21, 2020
Ep. 08 - Homem Branco Vive (2ª Temporada)
Esse podcast é um oferecimento Promobit. *quaisquer outras empresas mencionadas no episódio são fictícias e servem apenas a fins narrativos e cômicos* Letra: Homem Branco Vive Se percebo que alguém me trata diferente Só porque sou homem branco, eu também sou gente Mano eu fico brabo, o abalo é profundo Não suporto preconceito contra mim no mundo Falando que eu tenho privilégio, mano, que bobage Só porque ando sozin na rua com tranquilidade Mano, cê não faz ideia do que eu passei Meus amigos na escola me acusavam de ser gay Rob WTF te chamaram de machista? Fala pra essas mina que o Pai é progressista Até pq machismo é coisa de gente atrasada Sou evoluído, não preciso (haaan) corrigir nada Mais um dia na vida de um pobre homem branco Tendo medo de assalto quando sai do banco O mundo me olha como se eu fosse um nazista Só pq a polícia me dispensa na revista Fico irritado quando alguém tentar me calar Com esse papinho escroto de lugar de fala Parece que os militante quer que eu seja mudo Só pq eu quero dar minha opinião sobre tudo Fuck! (Fou) Eu não vou nem falar de assédio Será que virou proibido ser um homem branco médio? O meu brother bebeu demais foi lá e se excedeu Mas se ele incomoda as mina é problema dele, não meu Po, me deixa, vo prestar queixa Não vou permitir vc me colocar tal pecha Já tenho problema demais sendo heterossexual Com a heterofobia sendo o novo normal Opressão estrutural? Cala a boca cê só chora A história é passado, mano Eu to sofrendo agora To em crise, analise, não tem quem me represente Quando será que alguém igual a mim vai virar presidente Sim. Estão todos contra mim Meu mano até quando vai permanecer assim É como só em ser eu houvesse algo ruim Eu só espero esse pesadelo chegue ao fim Homem branco vive!
22:45
November 13, 2020
Ep. 07 - Injustiça (2ª Temporada)
Esse podcast é um oferecimento Promobit. *quaisquer outras empresas mencionadas no episódio são fictícias e servem apenas a fins narrativos e cômicos* Letra: Não é Justo Mãe hoje eu precisei sair Pra espairecer Pois eu não consigo mais sorrir Preciso me resolver Não dá mais pra aguentar ficar em segundo lugar no free fire E aceitar que a netflix vai precisar cancelar a minha série No controle remoto da TV, acabei de perceber, não tem o botão de mudo Fritei um ovo de manhã, acho que era meio velho, porque ficou borrachudo Fui dormir com duas meias, quando acordei uma delas tinha desaparecido Fui usar o meu cupom no app de delivery e já tinha se vencido Fui no mercado outro dia e a cerveja que eu queria não vendia ela gelada Esqueci de estender minha toalha e vou ter me enxugar com ela assim toda molhada Não é justo (x4) Eu fui pegar um busão num horário bem tranquilo mas ele veio lotado E durante todo o tempo do trajeto eu falhei no meu projeto de pegar canto sentado Meu olhar estrategista foi lendo todas as pistas de possíveis desembarques Mesmo assim foi mais fracasso que uma festa de ricaço com o DJ André Marques
29:58
November 8, 2020
Ep. 06 - O muro onde os bebo mija (2ª Temporada)
Esse podcast descoladíssimo é um oferecimento da lindona @promobitoficial *quaisquer outras empresas mencionadas no episódio são fictícias e servem apenas a fins narrativos e cômicos* Dicas de Jogos: The Red Strings Club; Cube Escape; Machinarium. Letra: Eu sou tímido (4x) Não gosto de entrar em lojas Nem chamar garçons Quando alguém me cumprimenta Mal consigo emitir sons Contato visual nem pensar Nem por webcam Me reunir com outras pessoas? Deixa pra amanhã Eu vou repercutir aqui no meu versado Que eu tô constantemente paralisado Pela timidez antes era estado Agora é a condição de vida que mantém nós amarrado Pra me deixar constrangido, meu mano, você só precisa do mínimo Fingir ser alguém descolado não esconde o fato de que eu sou tímido Mano eu sou tipo aqueles caras que não gosta do jogo e já volta pro save Vou contar a história de uma foto que eu publiquei com a galera na rave Todo mundo ficou comentando nos grupos de zap e eu  não aguentei Tanto constrangimento que dei um momento depois eu fui lá e apaguei Sometimes I have nothing to fear but i fear the same way All the laughs make my vision unclear Are just in my... Me sinto observado até tomando banho O meu jeito de andar eu acho mó estranho Numa competição de paranóia eu ganho E quando eu canto rap eu noto que sou fanho Todo rolê que eu vou alguém faz uma piada que me deixa louco (louco) “Nossa o Robinson ele fala demais, né? Peraí deixa eu falar um pouco” Se já tava difícil falar antes da tua piada , imagine agora (imagine agora) Não sei qual foi sua intenção mas você me deixou, mano, ainda mais por fora Sometimes I have nothing to fear but i fear the same way All the laughs make my vision unclear Are just in my head!
24:45
October 31, 2020
Ep 05 - Batalha dos Afetos 2.0 (2ª Temporada)
Letras: www.letras.mus.br/robinson-do-futuro/
11:31
October 23, 2020
Ep. 04 - Sono Dogmático (2ª Temporada)
Esse podcast é um oferecimento Promobit. *quaisquer outras empresas mencionadas no episódio são fictícias e servem apenas a fins narrativos e cômicos* Letra: Comi coxinha e cerveja na janta Problema do Robinson do amanhã Fui dormir tarde precisando acordar cedo Problema do Robinson do amanhã Pedi demissão do emprego, que pena Problema do Robinson do amanhã Contei um segredo pra um fofoqueiro Problema do Robinson do Amanhã Toda que eu tomo uma decisão ruim Eu me despreocupo, afinal de contas de que vale enfim Me responsabilizar pelo presente Se eu posso empurrar com a barriga mais pra frente Vou passar no cartão (Hey!) Tem limite né então (Hey!) Tá ligado que é tipo dinheiro mágico né (Hey!) Passaí no crédito (Hey!) Já gastei meu débito (Hey!) Próxima semana fico em casa sem fazer nada (Woooo!) Antes de dormir eu bebi muita água Problema do Robinson do Amanhã Eu to adiando um trabalho gigante Problema do Robinson do Amanhã Bebo refrigerante diariamente, que pena Problema do Robinson do Amanhã Eu não li nenhum livro esse ano, mas dane-se isso é um Problema do Robinson do Amanhã Olho a pia e preciso de terapia Porque a quantidade de louça Engatilha aquela minha Vontadezinha de morrer Você não crê no que eu preciso fazer É que tá tudo acumulado Que eu fui deixando de lado Porque eu tava então cansado, indisposto ou bem relaxado Eu to todo embananado Mas não vou ficar bolado Because Tomorrow’s Robinson Can do Everything i Can’t Do Do you love me? Stay above me. Soon y’all see that i’m sexy So you lust me or just lost me That will cost me less than nothing Canta em inglês sem saber uma palavra Problema do Robinson do Amanhã Uma parte da letra sem nada a ver com nada Problema do Robinson do Amanhã Atrasa o programa uma semana, que pena Problema do Robinson do Amanhã Não explica nada pra audiência, claramente isso é um Problema do Robinson do Amanhã Enche a comida de pimenta sabendo que não aguenta ir no banheiro amanhã Toma uma caixinha de cerveja e não se hidrata isso acaba com pobre o Robinson do Amanhã Come uma caixa de chocolate, talvez isso mate o Robinson do Amanhã Vive a vida assim inconsequente até não mais exista nenhum Robinson
25:04
October 15, 2020
Ep. 03 - Retorno (2ª Temporada)
[O retorno do que não foi] Esse podcast é um oferecimento Promobit. *quaisquer outras empresas mencionadas no episódio são fictícias e servem apenas a fins narrativos e cômicos*
27:20
October 8, 2020
Ep. 02 - Cansado (2ª Temporada)
To ofegante só de escrever essa legenda. ______________________________ Letra da Música: Eu não sei como eu vou introduzir esse assunto Mas eu sei que eu tenho que falar assim tudo junto Porque quando eu me pergunto Se eu to em condição O meu corpo diz não Minha cabeça diz não É, meus amigos, que assunto complicado Pra ser abordado com minha audiência do passado Mas o combinado desde principiado esse programa descolado tem compromisso ca honestidade Não posso negar que eu to cansado pra caramba E em cada episódio me sinto na corda bamba Mas tenho que cuidar pra não tornar-me irrelevante E voltar pro mesmo ponto em que eu to desde criança Mas eu to precisando de umas férias to me exercitando menos que minhas bactérias Acordo todo dia com vontade de dormir Quem me chamar de morto vivo tá ofendendo o zumbi To sempre no ponto morto, levanto torto e enguiço Confesso que eu fico tonto toda vez que me espriguiço Não é a toa, que boa parte da minha gana É sugada por trampar 50 horas por semana To cansadão, minha função soneca no despertador tem duas horas Atravessei a rua com ajuda de uma senhora Na fila do mercado um idoso me deixou passar E no ônibus um cadeirante levantou pra eusentar Tomei um redbull pra ver se melhorava, mas ele me deu asas de mosquito Não me precipito quando admito minha apatia  Se um vampiro me morde talvez acorde com anemia Me diz aí Zé, cê sabe como é precisar tomar um café pra fazer o café da manhã? Eu ando tão cansado que quero cagar deitado Nos sonhos, eu to deitado. Meu sonho é ficar deitado. To tossindo ao contrário, to dormindo no anti horário. Outro dia pedi um uber, veio um carro funerário Eu estou tão exausto de um modo tal Que os narcolépticos me processaram por apropriação cultural E se discute o meu caso no curso de medicina Usaram o meu DNA na fórmula do Maracujina Meus movimentos peristálticos estão quase estáticos Prazer eu sou o homem lesma no Quarteto de Apáticos
25:16
August 11, 2020
Ep. 01 - Firmão (2ª Temporada)
Letra da música: Dá um tempo To bem, to show, to 100% To firmão Minha saúde é de ferro E eu não me desespero To no estado que eu quero Não posso ser mais sincero C*rai tinqui winqui deixa de mentir que Eu já to no pique, teu papo é trambique como Hello Kitty Tic Tac Toc Toc (who’s there?) Je suis Magnifique Eu sou o mestre desse podcast Senta, aprende e aplique Alegaram que eu to tão doente que não tenho mais os dente E que uso uma dentadura que precisa de canal urgente Essa é uma informação completamente improcedente E esse alvoroço porque metade do meu rosto tá dormente Todo mundo sabe que isso acontece com o braço Quando se dorme por cima e o sangue fica sem espaço E cada um adormece de acordo com seu gosto Meu costume é sempre dormir em cima do meu rosto E daí que eu sinto várias dores na barriga? Ora até onde eu sei podem ser só 10 lombrigas E a ardência que fustiga quando alivio a bexiga Já se tornou minha amiga, companheira das antiga E daí que eu ando entrevado? Qual o jovem de hoje em dia que não se senta errado? Tudo bem que eu não sou JOVEM, JOVEM eu não sou Mas será que eu não posso gostar do estilo de caminhar do meu avô? Ah Robinson suas taxas tão elevadas É que eu miro sempre no alto, baixo a cabeça pra nada Beleza eu como muito doce, né, sabe como é Pelo menos eu não ponho açúcar no meu café Pavezin né Com biscoito maizena Se precisar depois nós faz a ponte de safena Acordar todo dia cansado é só o show Ótima oportunidade pra dormir de novo
16:46
July 29, 2020
Café com Ansiedade #02
Gente, o Robinson pediu pra avisar que logo logo ele tá por aqui com vocês de novo, tá bom? Vocês mal perdem por esperar.
22:43
July 24, 2020
Café com Ansiedade #01
Pessoal, mil perdões se a edição não tiver lá essas coisas. Por algum motivo o Robinson não quis me ensinar. Ass.: Ansiedade
11:40
July 9, 2020
Música Humana - Todas as Músicas da 1ª Temporada
00:00 - Sem Ideias 02:48 - Tornozelo Assombroso 05:36 - Só Sob o Sol 07:44 - Batalha dos Afetos I 11:25 - Batalha dos Afetos II 14:41 - Batalha dos Afetos III 16:47 - Batalha dos Afetos IV 19:31 - Extraordinário 22:29 - Fatos da Minha Vida 25:10 - Será que Vale a Pena? 26:39 - Sorte ou Revés 29:42 - Robinson sem Presunto 31:33 - Um Descanso pra Alma
35:01
July 9, 2020
Ep. 10 - Sem Nexo (1ª Temporada)
Sartre é do Séc. XX, Consciência. Sua burra. Ass. Ansiedade.
22:36
June 28, 2020
Ep. 09 - Anexo (1ª Temporada)
Apoie o Robinson do Futuro e siga nas redes sociais: www.abre.ai/robinsonfuturo
22:07
June 20, 2020
Ep. 08 - Conexo (1ª Temporada)
Meritíssimos ouvintes de 2020, bebam Itaipú.
19:19
June 13, 2020
Ep. 07 - Perguntas da Audiência (1ª Temporada)
A arte da perguntagem está em alta.
17:04
June 6, 2020
Ep. 06 - Vergonha, Vexame, Humilhação (1ª Temporada)
O objetivo nosso é não economizar na exposição
20:07
May 30, 2020
Ep. 05 - Batalha dos Afetos (1ª Temporada)
Hoje a coisa é diferente. Me diz aí quem você acha que venceu as batalhas: https://pt.surveymonkey.com/r/LXSN8MM
12:16
May 23, 2020
Ep. 04 - Sem Ideias (1ª Temporada)
Será que é possível entender o paradoxo?
20:02
May 15, 2020
Ep. 03 - Calma (1ª Temporada)
Nesse episódio do Robso foi abordada a transtemporalidade da importância de se ter paciência (e autonomia na produção de café para uso individual). O terceiro episódio da primeira temporada do Robinson do Futuro conta com algumas novidades que vocês vão conferir dando o play!
19:58
May 8, 2020
Ep. 02 - Medo (1ª Temporada)
Como vão meus nobres camaradinhas de 2020 em diante. Robinson aqui mais uma vez diretamente do futuro tornando realidade o sonho da nação: O SEGUNDO EPISÓDIO TÁ NO AR. To com uma coisa na cabeça aí pra vcs, acho que vocês vão gostar. Dá o play aí que eu te conto. Não precisa ter medo.
14:22
May 1, 2020
Ep. 01 - Piloto (1ª Temporada)
Olá, queridos amigos do passado! Sigam o Robinson nas redes sociais ou apoie ele clicando no link abaixo: http://abre.ai/robinsonfuturo
15:34
April 24, 2020