Skip to main content
Psicologia Cotidiana

Psicologia Cotidiana

By Sergio Manzione
Sergio Manzione é psicólogo clínico, administrador, mestre em engenharia da energia, escritor, e semanalmente fala sobre temas da psicologia cotidiana na Rádio Câmara e no portal Muita Informação!, onde são analisados assuntos do dia-a-dia e que têm a ver com todos. Alguns temas são: ciúme, traição, depressão e a família, assédio moral, abuso sexual, medos e fobias, ódio nas redes sociais, inveja, machismo, racismo, discriminação social, bullying, suicídio, mentira entre outros sempre presentes em nossas vidas, direta e ou indiretamente. Mais informações em: sergiomanzione.com.br
Listen on
Where to listen
Apple Podcasts Logo

Apple Podcasts

Castbox Logo

Castbox

Google Podcasts Logo

Google Podcasts

Overcast Logo

Overcast

Pocket Casts Logo

Pocket Casts

PodBean Logo

PodBean

RadioPublic Logo

RadioPublic

Spotify Logo

Spotify

Stitcher Logo

Stitcher

PO#53 – Luto na família / Medo de envelhecer / Não conheceu o pai / Síndrome de Peter Pan / Comunicação no trabalho / Ajuda para parar de fumar
Perguntas dos Ouvintes nº 53 1) O que fazer quando o luto domina a minha vida e dos meus familiares também? 2) Tenho medo de envelhecer, isso é normal? 3) Porque problemas paternos me atingem tanto e muda nossa vida completamente. Não conheci meu pai. 4) O que é Síndrome de Peter Pan 5) Tenho problemas em me comunicar com colegas de trabalho, o que eu faço? 6) Fumo muito e não consigo parar de fumar, será que está na hora de pedir ajudar e me internar numa clínica de reabilitação? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência”, que foi ao ar na Rádio Câmara em 18/05/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:13
May 18, 2022
SÍNDROME DO IMPOSTOR – O que é? Quais são os sinais? Quais as características? Tem tratamento?
1) O que é a Síndrome do Impostor? 2) Quais os principais sinais? 3) É possível identificar quais são as causas? 4) A Síndrome do Impostor tem tratamento? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 11/05/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:45
May 11, 2022
PO#52 – Solidão – Comparação com outras mulheres – Sem desejo pelo namorado – Ajuda para quem nega que bebe demais
Perguntas dos Ouvintes nº 52 1. Sinto-me sozinho o tempo todo, será que só serei feliz quando encontrar alguém? 2. Como parar de ficar me comparando às outras mulheres? Sempre acho que elas estão melhores que eu. 3. Não sinto desejo pelo meu namorado há um ano, moramos juntos, será que o relacionamento acabou? 4. Como ajudar meu namorado que tem problemas com o álcool, apesar dele me dizer que não tem? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 04/05/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
14:48
May 04, 2022
DEPRESSÃO - O que é depressão / Causas / Perigo de morte / Prevenção / Tratamento / Depressão X Tristeza / Papel da família
1) O que é depressão? 2) Quais os sintomas? 3) O que pode causar uma depressão? 4) Como é feito o diagnóstico? 5) A depressão tem cura? 6) Existe diferença entre depressão e tristeza? 7) A depressão pode matar uma pessoa? 8) Quais as atitudes para combater a depressão? 9) A depressão e a ansiedade aparecem juntas no mesmo indivíduo? 10) A depressão pode levar a outras doenças mentais? 11) A família ajuda ou atrapalha a pessoa deprimida? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 27/04/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
17:36
April 27, 2022
ANSIEDADE COLETIVA – PÂNICO COLETIVO
1) Por que acontece um ataque de ansiedade coletiva? 2) O que fazer para prevenir crise de ansiedade coletiva? 3) A pressão social pode influenciar esses episódios de ansiedade? 4) Conversar ajuda no processo de prevenção? 5) Como a escola deve lidar com temas de saúde mental? 6) Como a família deve lidar com temas de saúde mental? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 13/04/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
19:03
April 13, 2022
SÍNDROME DE BOREOUT - Depressão causa Boreout ou é o contrário? Síndrome de Boreout X Assédio Moral? Como identificar se tenho a Síndrome de Boreout? Qual o tratamento?
1) Qual a diferença entre Síndrome de Boreout e Síndrome de Burnout? 2) Ambas já são reconhecidas como Doenças Ocupacionais do Trabalho pela Classificação Internacional de Doenças (CID) da OMS? 3) Quem tem histórico de ansiedade, depressão e outras questões emocionais está mais propenso a desenvolver a Síndrome de Boreout? 4) Pessoas que tenham a Síndrome podem terminar influenciando outras pessoas no ambiente de trabalho? 5) Qual o tratamento mais indicado? O afastamento das atividades se faz necessário? 6) As doenças emocionais que afastam as pessoas das atividades laborais ainda são tratadas com muita descrença e preconceito. Como lidar com as piadinhas no ambiente de trabalho, por exemplo? 7) Existem dicas para combater? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 16/03/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
20:38
March 16, 2022
PO#51 – Absorvendo problemas dos outros. Desculpa para não ir ao trabalho. Depressão X desmotivação. Sem paciência com os filhos. Medo da demissão. Adulto com medo da mãe.
Perguntas dos Ouvintes #51 1) Tenho notado que os problemas de pessoas próximas, como amigos e familiares, têm me afetado muito e tirado até o meu sono. Até que ponto isso é normal? 2) Todos os dias para me levantar para ir trabalhar é um sofrimento. Uma luta diária onde, às vezes, acabo inventando uma desculpa para ficar em casa. Mas isso só acontece quando o destino é trabalho. Será que estou com síndrome de Burnout? 3) Não sinto aquela tristeza profunda que quem tem depressão diz sentir, mas ando muito desmotivado para fazer as coisas, que antes me davam prazer, como ir à praia. Será que estou doente? 4) Sinto que não tenho mais paciência com os meus filhos. Eu os amo demais, mas tenho vontade de fugir! Será que estou bem? 5) Estou sempre com medo de ser demitido. Não existe nenhum motivo real para esse medo, mas vivo sempre achando que isso pode acontecer a qualquer momento e, às vezes, acabo extrapolando os meus limites para dar conta de tudo. Será que isso pode gerar um problema mental para mim no futuro? 6) Todas as vezes que a minha mãe me chama tem algo dentro de mim que logo se apavora e entra em estado de alerta, ficando, automaticamente impaciente. É como se ela fosse reclamar por algo, mas normalmente esse não é o caso: está apenas pedindo ou comentando algo. Será que adquiri algum trauma da infância pelas tantas vezes em que ela brigou comigo? Já comprou o livro "Viva Sem Aniedade - Oito caminhos para uma vida feliz"? Então acesse e compre: LIVRO As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 23/02/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:07
February 25, 2022
ATAQUE DE RAIVA – TRANSTORNO EXPLOSIVO INTERMITENTE (TEI) / Síndrome do Hulk X Inteligência Emocional / Pode acontecer com qualquer um?
1) As pessoas podem sofrer de ataques súbitos de raiva? Por quê? 2) O que é Síndrome do Hulk? Quais suas características? 3) O ataque de raiva tem a ver com a falta de “inteligência emocional”? 4) Como a pessoa sabe se tem o Transtorno Explosivo Intermitente? 5) Brigas e mortes no trânsito podem ser resultado de ataques de raiva, do Transtorno Explosivo Intermitente, ou da arrogância e orgulho? 6) Como controlar o ataque de raiva? 7) O Transtorno Explosivo Intermitente (TEI) tem tratamento? 8) O TEI atinge qual faixa etária? 9) Crianças que se jogam no chão, gritam, choram, e fazem birra, podem ter o TEI? Não esqueça de conhecer o livro "Viva Sem Ansiedade - Oito caminhos para uma vida feliz". Acesse aqui: LIVRO As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência”, que foi ao ar na Rádio Câmara em 16/02/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:05
February 16, 2022
PO#50 - Como é a consulta com o psicólogo / Psicólogo ideal / Coach X Psicólogo X Psiquiatra / Sintomas de Ansiedade
1) Como funciona uma consulta com um psicólogo? 2) Como sei quando encontrei o psicólogo ideal? 3) Coach serve como psicólogo? 4) Como identificar os sintomas de ansiedade? 5) Quem procurar: um psiquiatra ou o psicólogo? 6) Em qual idade podem começar as crises de ansiedade? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência”, que foi ao ar na Rádio Câmara em 09/02/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
13:05
February 11, 2022
Viva Sem Ansiedade - Sobre o meu livro
Caros amigos(as), este episódio é sobre o meu livro: "Viva Sem Ansiedade - Oito caminhos para uma vida mais feliz", que foi lançado em janeiro de 2022.  o livro foi escrito com o objetivo de ajudar as pessoas, e, portanto, fiz tudo com muito cuidado e carinho. A linguagem é simples e direta, e o livro traz histórias baseadas na vida real. Leia, abaixo, e o "press release", que circula na imprensa. No final do texto, você tem todos os links para saber mais e comprar o livro. Boa leitura.   ”VIVA SEM ANSIEDADE”: livro ensina oito caminhos que levam a uma vida mais feliz Já está disponível no site www.sergiomanzione.com.br o livro digital “Viva sem Ansiedade”, do psicólogo, administrador e palestrante Sergio Manzione, que tem mais de 35 anos de atividades profissionais. A obra é um roteiro da viagem rumo ao interior de cada um na busca do autoconhecimento, que fará o leitor refletir, seguir em frente, e chegar a um lugar onde a ansiedade não entra  O livro, além de indicar o passo a passo para aprender a andar em oito caminhos viáveis para ter uma vida mais feliz, traz 18 histórias, baseadas em fatos reais, contando como as pessoas passam por situações difíceis, e como conseguem superá-las. Para facilitar essa caminhada, há as seções “Como Eu Faço?”, “Possíveis Obstáculos”, e “Agora é sua Vez”, que mostram a melhor maneira de fazer, os problemas no trajeto, e os exercícios para colocar a teoria em prática. Tudo isso escrito em uma linguagem simples e direta para que o tema seja entendido com facilidade. Os oito caminhos apresentados, que também nomeiam capítulos do livro, mostram a direção para o futuro desejável: 1. Veja a situação de outra forma 2. Aprenda mais sobre você 3. Pare de querer ser perfeito 4. Pare de se culpar 5. Domine o pânico 6. Viva o presente 7. Veja o lado positivo 8. Tenha um projeto de vida SOBRE O AUTOR Sergio Manzione é psicólogo clínico, especialista em avaliação psicológica, psicoterapeuta, administrador, mestre em engenharia da energia, e tem mais de 35 anos de atividades profissionais. Sua realização é ajudar as pessoas a serem felizes. Atualmente, atende em seu consultório e on-line, faz palestras, é colunista da Rádio Câmara FM e do Portal Muita Informação. O podcast “Psicologia Cotidiana” tem mais de 145 episódios, e mais de 400 respostas às perguntas dos ouvintes. O site tem vários de seus artigos publicados, vídeos de entrevistas, lives, gravadas, programas de TV, e diversas informações. Link do livro: www.sergiomanzione.com.br Outro Link do livro: https://sergiomanzione.kpages.online/vivasemansiedade Link do livro na Amazon: https://is.gd/livronaamazon Instagram: @psicomanzione  https://instagram.com/psicomanzione Podcast: http://sergiomanzione.com.br/podcast.html  Este episódio foi apresentado ao vivo na Rádio Câmara em 02-02-2022.
14:50
February 03, 2022
CORONOFOBIA – O que é isso?
1) O medo do “corona” vírus tem algum registro na literatura científica? 2) Como a gente percebe que está com a coronofobia? Quais são os sintomas? 3) O que podemos fazer para diminuir o pavor de pegar o vírus da Covid? 4) Como a vacina funciona? 5) Mesmo vacinados com as três vacinas em dia, porque ainda achamos que vamos morrer de Covid? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 12/01/2022. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
10:34
January 13, 2022
SAÚDE MENTAL E O JANEIRO BRANCO
1) O que é Janeiro Branco? 2) Quais são os caminhos para manter a saúde mental? Meditação? Psicoterapia? 3) Quais são os primeiros sintomas básicos para identificar se há algum problema com a saúde mental? 4) Os governos poderiam trabalhar melhor para manter a saúde mental da população e evitar, por exemplo, um grande número de suicídios? As políticas públicas sociais podem ajudar a saúde mental? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 05/01/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:51
January 09, 2022
ESPECIAL DE FINAL DO ANO DE 2021 - Perguntas dos ouvintes sobre o incertezas e expectativas para 2022
1) Nova pandemia chegando justamente no final do ano de 2021, com a ômicron espalhadas em vários países, com um grande número de infectados, devo ter esperança ou começo a surtar novamente? 2) Será que vamos escapar desta nova pandemia? Consigo ficar viva até 2022? Estou apavorada! 3) Como lidar com as frustrações geradas pelo impacto da Covid 19? 4) Será que vou cumprir as expectativas para 2022? Tenho muito planos, mas não consegui realizar nem a metade delas, o que devo fazer para controlar essa minha ansiedade. 5) Frustração vem do excesso de expectativas? 6) Só de pensar que estamos no final do ano e começo de 2022, já começo ficar apreensivo com este novo ano. Será o ano bom ou ruim para todos nós? 7) A mudança pessoal começa em cada um de nós? 8) Existe Espírito Natalino ou é invenção de nossos pais? 9) Orgulho, humildade, empatia, caridade, ajuda ao próximo... 10) Por que nesta época do ano às pessoas começam a ficar boazinhas, será o Espírito Natalino ou será que elas querem se tornar pessoas melhores? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 29/12/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
29:10
December 29, 2021
SÍNDROME DE BURNOUT 2
1) O que é Síndrome de Burnout? 2) Quais são os sintomas? Tem cura ou tratamento? 3) Burnout pode gerar depressão? 4) Burnout é uma doença relacionada ao indivíduo ou tem outros fatores? 5) Aplica-se a outros contextos além do trabalho? 6) Tem como atenuar os sintomas quando o indivíduo está trabalhando? 7) O tratamento é longo ou curto? 8) A sensação de inutilidade no trabalho, aliado à irritabilidade e baixa autoestima, estão ligados ao Burnout? 9) No final de ano com muito trabalho e a correria para comprar presentes, o quadro de Burnout pode piorar? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 22/12/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:16
December 22, 2021
PO#49 – Tristeza de final de ano. Vazio interior e falta de vontade. Ansiedade e pensamentos negativos. Isolamento social. Desânimo para comprar. Ritual para os entes queridos que faleceram.
Perguntas dos Ouvintes #49 1) Por que nos sentimos deprimidos ente o Natal e Ano Novo? 2) Por que me sinto vazia e sem forças para não fazer uma Ceia de Natal? 3) Quando chega o Natal já começo a ficar ansiosa e cheia de pensamentos negativos. Como enfrentar está sensação de inutilidade? 4) Meu namorado está muito empolgado com o Natal e o Réveillon. Como digo a ele que não vou sair nestas festas? Tenho medo que ele pense que sou maluca. 5) Hora de comprar presentes para familiares e amigos no Natal. Por que não sinto vontade de comprar uma peça de roupa? 6) Não tenho vontade de sair de casa. Como vou recusar os convites para sair no Natal e Ano Novo? 7) Perdi familiares na pandemia, e este será o primeiro Natal sem eles. O que devo fazer para sair dessa tristeza profunda de perda? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 15/12/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
18:03
December 15, 2021
PO#48 – Depressão de Natal. Ansiedade de fim de ano. Esquecimento das atividades diárias. Medo do COVID19. Angústia no trabalho. Dúvida no casamento após dois anos de brigas.
1) Estamos no mês do Natal e já começo a ficar deprimido, o que fazer para sair deste ciclo natalino de tristeza versus felicidade? 2) Nesta época fico muito sensível e quero fazer tudo ao mesmo tempo, isso é normal? 3) A correria começou para comprar presentes e festas de Natal, como diminuir está ansiedade? 4) Esquecer tarefas diárias é normal? 5) Já começou uma nova onda do Covid e, com isso, sinto mais medo ainda de pegar a doença. Devo evitar este pensamento ruim? 6) Como diminuir a angústia que o trabalho gera no dia a dia? 7) Depois de 2 anos brigando com meu marido durante a Pandemia, não consigo me acertar com ele, o que devo fazer para salvar meu casamento ou dar um tempo na casa da minha mãe? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 01/12/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:36
December 03, 2021
TRANSTORNOS DE ANSIEDADE
1) Como identificar se tenho um transtorno de ansiedade? 2) Existe tratamento e cura para Transtorno de Ansiedade Generalizada (TAG)? 3) O quer fazer em uma crise de ansiedade ou pânico? 4) Quando procurar um psiquiatra? E um psicólogo? 5) Psicoterapia resolve a ansiedade ou só medicação? 6) Como funciona a psicoterapia? 7) Remédios fitoterápicos, homeopatia e florais de Bach resolvem a ansiedade? 8) No pós-pandemia teremos mais gente com transtornos psicológicos? 9) Pandemia, crise econômica e pressão social podem gerar ansiedade? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 24/11/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
21:20
November 26, 2021
PO#47 – Não conseguir superar uma perda. Infarto ou ansiedade? Marido ciumento. Falar demais: ressaca moral. Escolha da profissão. O mundo vai acabar? Teorias conspiratórias. Vício em internet.
Perguntas dos Ouvintes #47 1) Há casos de pessoas que não conseguem superar a dor da perda? 2) Doutor, sinto palpitações no coração quando fico nervoso, será que vou enfartar ou estou numa crise de ansiedade? 3) Meu marido é muito ciumento e não me deixa sair de casa. Devo acabar com meu casamento? 4) Falo demais da conta e quando vou ver já contei a minha vida toda até para desconhecidos nos ônibus, meu caso tem solução? 5) Ainda não me decidi qual a profissão que vou exercer. Tenho 21 anos e gosto de fazer tudo, o que o senhor me aconselha a fazer? 6) Acho que o mundo vai acabar a qualquer momento, sou viciado em internet e vejo várias teorias de fim de mundo, acredito 90 por cento em tudo isso, qual a possibilidade de vir a acontecer o reset total de tudo? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 17/11/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
19:51
November 19, 2021
PO#46–Diferenças entre psicólogo, psiquiatra e coach. Marido violento. Separação litigiosa. Fim do relacionamento. Medo de assalto. O que é Agorafobia. Insônia. Covid ou ansiedade? Depressão tem cura?
Perguntas dos Ouvintes #46 1) Doutor, qual a diferença entre psicólogo, coach e psiquiatra? Qual deles posso procurar primeiro depois de uma crise de ansiedade? 2) Meu marido sempre foi nervoso e violento comigo e com meus filhos, o que faço para deixá-lo mais calmo? 3) Quando procurar ajuda mental profissional numa separação litigiosa? 4) Quero terminar com meu namorado, mas ele não aceita a separação e estou ansiosa e tenho medo dele. O que faço nesta situação? 5) Sofri um assalto indo para meu trabalho, e agora sinto medo de sair e ser assaltada de novo. O que eu posso fazer, doutor? 6) O que é Agorafobia? 7) Tenho insônia constante e já tentei de tudo: chás e receitas naturais e não me ajudaram em nada. O que eu faço para dormir bem? 8) Como distinguir se estou com falta de ar de Covid ou se estou terrivelmente ansioso? 9) Tem algum tratamento para angustia e depressão? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 03/11/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
20:06
November 09, 2021
SÉRIE ROUND 6: IMPACTOS NAS CRIANÇAS
Resumo da Série Round 6: No chamado “Jogo da Lula”, um grupo de 456 pessoas, endividadas e desesperadas, são atraídas para participar de um sangrento jogo de sobrevivência no qual elas têm a chance de sair com o equivalente a US$ 39 milhões, se vencerem uma série de seis desafios. Os jogos são simples: brincadeiras da infância dos jogadores, mas os jogadores que perdem, perdem a vida. 1) Crianças e adolescentes podem ver esta série violenta? 2) Porque os roteiristas usaram brincadeiras de crianças, como Batatinha frita 1, 2, 3, como um dos principais ganchos para pegar justamente o público infanto-juvenil? 3) Quais são os gatilhos psicológicos que às crianças e adolescentes podem ter ao assistir está série? 4) A classificação para assistir o Round 6 é para maiores de 16 anos, mesmo assim o senhor acha que adolescentes tem o preparo mental e psicológico para saber que é uma ilusão e não a vida real? 5) O que os pais devem fazer para que os filhos não assistam a série? Tem algum jeito para evitar assistir a estás séries violenta? 6) Com a Pandemia, os pais liberaram às crianças para maratonar séries, o que o senhor acha disso? 7) A criança pode depois manifestar comportamentos violentos com esta série? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 27/10/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
20:34
November 05, 2021
LUTO: PERDAS E MORTE
1) O que é o sentimento de luto e como ele atua no nosso psicológico? 2) O sentimento de luto existe apenas quando alguém morre ou existe em outras situações de perda também? 3) É verdade que o luto é divido em fases? Quais são elas? Todas as pessoas passam por todas as fases e na mesma ordem? 4) Como identificar se aquele tempo de luto já está grande demais? Como saber se alguém precisa de ajuda para sair de um luto que não quer passar? 5) Durante a pandemia precisamos conviver diariamente com uma quantidade grande de morte. Como esse luto coletivo pode afetar a nossa mente? 6) Muitas pessoas relatam sentir medo da morte, mas, infelizmente, ela é algo comum da própria vida. Como lidar com essa certeza, mas sem ansiedade e receio? 7) Conversar sobre a morte não é uma cultura nossa. De forma geral, o brasileiro evita falar sobre o tema, como uma espécie de tabu. Por que agimos assim? 8) Qual é o momento ideal para se conversar sobre a morte com crianças? Muitos pais preferem até não falar sobre o assunto. A criança deve ser introduzida no assunto? De que forma e a partir de qual idade? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada em 01/11/2021, no programa Nossa Manhã da Rádio Nova Brasil FM. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
29:31
November 02, 2021
PO#45 – Ansiedade é hereditária? Enjoo da rotina. Psicanálise. Hábitos contra a ansiedade. Traição ao namorado: culpa. Criança com medo da morte. Pais brigam, mas ficam juntos. Como evitar a ansiedade
1) A ansiedade é uma tendência hereditária? 2) Como fazer para driblar o enjoo da rotina? Sinto que não aguento mais nada na minha vida: nem meu trabalho, nem a minha casa e até mesmo a minha família. 3) Na prática, como funciona a psicologia freudiana? 4) Quais hábitos diários podem evitar que a ansiedade aconteça? 5) Eu traí o meu namorado. Me arrependi e jurei para mim mesma que jamais faria isso novamente. Eu ia esquecer isso e tratá-lo com carinho e fidelidade, mas não consigo tirar isso da minha cabeça. Será que, se eu falar, vou me livrar dessa culpa? Também tenho medo de não ser perdoada. 6) Desde que o meu pai morreu, meu filho criou medo da morte e tem pesadelos constantes com ele e os parentes morrendo. Como posso ajudá-lo? 7) Meus pais estão brigando muito, mas dizem que não querem se separar pois já estão velhos. O problema é que eles não têm um convívio saudável. 8) Quando a pessoa já tem crises de ansiedade, como fazer para identificar quando elas acontecem e evitá-las? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 20/10/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
17:54
October 29, 2021
ANSIEDADE
1) O que é a ansiedade e como ela se manifesta na pessoa? 2) Existem níveis diferentes de ansiedade? 3) A ansiedade tem cura? Ou quem é ansioso tende sempre a voltar a ter, caso não esteja tratando? 4) Qual a diferença entre uma crise de ansiedade e uma crise de pânico? São coisas diferentes? 5) A velocidade com que as informações e as demandas aparecem atualmente tem refletido num maior número de pessoas com ansiedade ou esse não é um fenômeno atual? 6) Banalizaram o uso do termo “ansiedade”, que passou a ser usado para qualquer situação de expectativa por algo. Qual é a diferença entre estar na expectativa de algo ou de realmente estar ansioso? 7) A ansiedade, quando não tratada, pode gerar quais tipos de problemas? O livro Viva Sem Ansiedade, de minha autoria, está chegando... Está bem perto! As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 13/10/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
19:11
October 26, 2021
PO#44 – Depressão é hereditária? Síndrome do Pânico. Receio e falta de identificação com a terapia. Ficar sem redes sociais. Vício é um problema psicológico ou social? Família desunida.
1) Depressão é hereditária? 2) Como fazer quando alguém cria dependência em fazer terapia? 3) A síndrome do pânico e a depressão estão associadas? 4) Como fazer quando a pessoa tem receio de fazer terapia? Como tranquilizá-la de que ela pode confiar no trabalho desse profissional? 5) O que fazer quando a pessoa não se identifica com a linha de tratamento daquele psicólogo? 6) Percebi que ficar sem as redes sociais por parte de um dia me deixou extremamente ansioso. Como fazer para driblar essa dependência se eu trabalho utilizando essas redes o dia inteiro? 7) O que fazer quando um psicólogo percebe que o paciente não está aderindo ao tratamento que ele está realizando? 8) O vício é um problema psicológico ou social? 9) A minha família é complexa e desunida, mas é a família que eu tenho. Como fazer para conciliar o convívio com os meus parentes e a minha sanidade mental? Devo continuar tentando conviver com eles? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 06/10/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
20:08
October 14, 2021
O QUE É TERAPIA?
1) Como funciona uma terapia? 2) Para quem é indicado a terapia? 3) Existem processos diferentes de terapia? Quais são? 4) Quem pode atuar como terapeuta? 5) Como funciona a questão da ética profissional? Tudo pode ser dito em uma sessão de terapia? Quando o psicólogo pode intervir naquilo que é dito e quebrar o sigilo? 6) Quando um paciente de terapia recebe alta? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 29/09/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:23
October 05, 2021
PO#43 - Namorar e trabalhar em outra cidade. Onde buscar ajuda psicológica gratuita? Casal sem diálogo. Mãe, filhos e noras morando juntos. Gestor demite pessoal, cria inimizades e pensa em se demitir
Perguntas dos Ouvintes #43 1) Namoro há 3 anos e agora surgiu uma oportunidade de emprego fora de Salvador. Preciso aceitar, caso não, fico desempregada. Contudo, senti que meu namorado não aceitou bem a mudança. Conversamos e sinto que ele não foi sincero sobre estar bem. Como fazer para dar certo? 2) Caso alguém esteja tendo indicativos de depressão, mas não tenha condições financeiras para buscar ajuda, o que é indicado? 3) Desde que começou a pandemia eu e a minha companheira mal nos falamos. É cada um em um canto e ela insiste que não há problema nenhum, mas tem. Como dialogar melhor? Terapia de casal pode ajudar? 4) Existem muitos que, infelizmente, têm receio de buscar uma ajuda profissional. O que você aconselharia para essa pessoa? 5) Tenho 62 anos, moro com meus filhos e suas esposas. A relação era ótima, mas começamos a ter conflitos e agora eu não sei como conversar isso com eles. Não quero que eles se sintam na obrigação de sair de casa e adoro eles próximos de mim, só que não sei se isso ainda é saudável. 6) Sou gestor e precisei desligar algumas pessoas por um momento de crise na empresa. Desde então tenho perdido amizades no trabalho e estou com sintomas de ansiedade. Preciso aprender a canalizar isso. Já pensei até em me demitir. 7) Tenho uma colega de trabalho que tem rivalizado comigo. Tem inventado coisas sobre mim e chegou ao ponto de se aproximar dos meus amigos para convencê-los de se afastar. Tenho desenvolvido um certo pânico, tido dores de estômagos e dificuldades para ir trabalhar. Devo buscar ajuda psicológica? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 22/09/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
20:00
September 22, 2021
COMO AJUDAR QUEM PENSA EM SE SUICIDAR
Por que as ideias suicidas são um sintoma? Positividade demais ajuda alguém que pensa em se matar? 1) Por que o nosso país possui números tão alarmantes de suicídios? 2) De que forma podemos identificar uma pessoa que possivelmente tenha pensamentos suicidas e que como podemos ajudá-la? 3) A escola tem um grande papel nesse processo, pois adolescência, algumas vezes, pode representar um período de grande complexidade. Como essas instituições podem contribuir para a saúde mental dos seus alunos? 4) As famílias também possuem um papel importante na identificação de transtornos mentais ou emocionais. Como pais, tutores, irmãos e todos podem ficar atentos aos seus familiares e amigos? 5) Quais são os maiores erros que as pessoas podem cometer ao abordar alguém que está em um processo de depressão? O que não deve ser feito? 6) O que fazer caso alguém externe que tem pensamentos suicidas, mas essa pessoa se nega a aceitar ajuda ou procurar um profissional? 7) Com relação à influência de fatores como: a crise econômica, os problemas causados pela Covid-19 e a internet como um ambiente hostil. Como lidar com esses fatores e manter a saúde mental em dia? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 15/09/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
24:00
September 15, 2021
PO #42 - Comparação; Lidar com Idosos; Queda de cabelo; Autoimagem; Readaptação à aula presencial
1) Às vezes eu me comparo com outras pessoas. Eu não gostaria de fazer isso, mas é involuntário. Fico me perguntando por que eu não posso conquistar as mesmas coisas, depois me sinto culpada. Quero parar com isso! 2) As minhas tias moram juntas e estão envelhecendo. Eu fiquei responsável por cuidar das duas na velhice, mas elas não têm aceitado bem isso. Ficam relutantes, reclamam e dizem que eu não mando nelas. O que posso fazer para que o convívio seja mais pacífico?  3) Desde que as aulas presenciais retornaram o meu filho de 7 anos não quer mais estar lá. Ele chora muito para ir à escola. Tentamos duas semanas em uma escola nova, para a adaptação, mas ele parece ter desenvolvido medo de sair em casa. Queria um conselho do que fazer.  4) Eu não me sinto bem com o meu corpo e, por isso, passei a usar sempre as mesmas peças. Roupas que me escondem. Eu não era assim, mas passei a ficar desde que engordei. Sei que devo me aceitar, mas não estou conseguindo.  5) Meu cabelo está caindo muito nos últimos meses. Isso pode ter uma explicação psicológica?  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 09/09/2021.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:25
September 08, 2021
PO #41 - Filha não aceita novo namoro da mãe. Sobrinha mal educada morando junto. Descontrole de dinheiro é psicológico? Como aumentar o autoconhecimento? Filho só joga e assiste filmes de terror.
1) Eu sou divorciada e, depois de quase 2 anos, comecei a ter um novo relacionamento. O problema é que minha filha, de 15 anos, desaprova. Já tentei conversar com ela, entender o que a incomoda, mas ela não se abre. Fico sem saber se devo tomar as rédeas da minha vida e ter direito a ter essas vivências, ou se estou sendo egoísta com a minha filha, que não está confortável. 2) Minha sobrinha veio morar comigo desde o início da pandemia, só que o convívio não está sendo saudável, pois ela sempre foi indisciplinada e não admite que aqui em casa temos regras. Não quero me indispor com a mãe dela, nem com a sobrinha, então queria saber como resolver tudo em paz. 3) Posso resolver problemas de descontrole com dinheiro com a ajuda de um psicólogo? 4) Eu sinto que ainda não me conheço o suficiente. Sei que sou jovem, mas vejo pessoas da minha idade já se encontrando. Já eu, pareço que não pertenço a nada. Como me conhecer melhor? 5) Meu filho só se interessa por jogos e filmes de terror. Já conversamos e ele diz que isso não quer dizer nada e ainda brinca, dizendo que me preocupo demais. Devo realmente me preocupar? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal “A Voz da Consciência” do programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara FM em 18/08/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
12:49
August 19, 2021
Redes sociais: suicídio, aprovação, haters, assédio moral e sexual, Simone Biles etc.
1) Por que as pessoas são tão bravas nas redes sociais? 2) A pessoas podem ter um comportamento público diferente do real? 3) A agressividade nas redes sociais tem a ver com o meio ou com a personalidade da pessoa? 4) As pessoas só devem se expor nas redes se estiverem fortalecidas psicologicamente? 5) A crítica do outro pode ser tão forte para alguém se suicidar? 6) Qual a receita para poder usar as redes sociais de forma saudável? 7) O que as pessoas buscam nas redes sociais? 8) Nos dias de hoje, a velocidade da comunicação influencia na necessidade de aprovação das pessoas? 9) Simone Biles: por que os atletas bem-sucedidos, com fama e dinheiro, entram em depressão? 10) Vivemos para atender as expectativas dos outros? 11) O presidente da CBF (afastado) assediou sexual e moralmente uma funcionária. Por que isso acontece? Tem a ver com o machismo? As respostas a essas e outras perguntas estão nesta entrevista ao programa “Direto ao Ponto” da Rádio Nazaré FM, que foi ao ar em 05/08/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
23:28
August 12, 2021
VIOLÊNCIA PSICOLÓGICA
A criação da Lei 14.188, no dia 28 de julho de 2021, foi um grande passo no combate ao feminicídio. Ela definiu o programa de cooperação sinal vermelho contra a violência doméstica, como uma das medidas de enfrentamento da violência doméstica e familiar. A lei também classifica a violência psicológica como uma possibilidade para a autoridade policial conceder uma medida protetiva. Mas, do que se trata a violência psicológica? 1) O que, do ponto de vista psicológico, pode ser considerado como violência? 2) Esse conceito do que é ou não uma violência psicológica pode variar de uma pessoa para outra? 3) Quais são os tipos de dano que essa violência pode causar na vítima? 4) infelizmente, a mulher costuma ser um alvo de violência psicológica. qual o motivo para isso? 5) Como vítimas desse tipo de violência podem superar os traumas causados por ela? 6) A formação familiar e a escolar podem contribuir na formação de um indivíduo para que ele possa identificar e frear ações que configuram violência psicológica? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 05/08/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
25:02
August 05, 2021
PO #40 - Traumas de infância podem ser tratados na vida adulta? Como falar com um filho gay sobre sua sexualidade? Insônia pode ser de origem psicológica?
1) Eu consigo tratar traumas de infância agora na vida adulta? 2) Acho que meu filho é gay, mas ele não se abre comigo e eu não sei como iniciar essa conversa. Como posso apoiá-lo? 3) A insônia pode ser causada por um fator psicólogo? Estou sem conseguir dormir faz tempo e não sei a causa disso. *Houve um problema técnico no meio da resposta à terceira questão. Peço desculpas. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal "A Voz da Consciência" no programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 28/07/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
11:49
July 30, 2021
OBESIDADE – CAUSAS PSICOLÓGICAS
A obesidade é uma questão que acompanha a vida de muitos brasileiros e esse é um problema de não só da seara da saúde física, mas também da mental.  1) De que maneira a mente humana pode dificultar ou contribuir na adoção de uma alimentação saudável?  2) Muitas vezes o nosso ideal de corpo físico é bombardeado de tabus construídos pela sociedade sobre beleza. O problema é que, muitas vezes, a busca pelo padrão não é feita de forma saudável. Quais danos esses padrões de beleza podem fazer para a nossa saúde mental e física?  3) A obesidade pode ser causada por problemas psicológicos? Quais tipos de síndromes psíquicas geralmente contribuem para comportamentos que podem gerar a obesidade?  4) Como controlar a compulsão alimentar? Agora, na pandemia, episódios desse tipo têm sido bastante relatados por pessoas que costumam descontar suas frustrações na comida.  5) Como condicionar a nossa mente para uma reeducação alimentar, sem estar preso a cobranças sobre o corpo e a busca por um padrão de beleza?  6) Muitas pessoas que já foram obesas relatam traumas que os acompanham para outras fases da vida, mesmo que com o corpo físico dentro dos padrões de saúde. Como lidar com esses receios para que isso não volte a ser um problema futuro?  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 21/07/2021.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:34
July 22, 2021
PO #39 - Dormir à base de calmantes. Filhos não se falam mais. Pânico gerado na pandemia. Menina de 11 anos pede ajuda psicológica. Duas traições seguidas causam bloqueio. Medo da morte de familiares.
1) Nunca tive problemas de insônia, mas agora não consigo mais dormir sem calmantes. Não sei identificar exatamente o motivo disso. 2) Meus dois filhos, um de 17 anos e outro de 21, começaram a brigar e hoje não se falam mais. Moramos nós três juntos, mas sinto que moro só. Como reestabelecer a harmonia na minha casa? 3) Eu e os meus pais tivemos Covid-19 e acho que que transmiti para eles. Estamos todos bem, mas isso me deixou assustado. Desde então, tenho tido crises de pânico ao sair para trabalhar. Não saio para mais nada além disso. Como ter tranquilidade e confiança diante desse cenário incerto? 4) Minha sobrinha de 11 anos me pediu para ir a um psicólogo, mas a mãe dela está relutante e diz que a menina não precisa. Ela está sendo acompanhada, mas como explicar para a mãe a importância do processo? 5) Sofri duas traições em dois relacionamentos seguidos. Não consigo mais confiar em ninguém. Queria lidar melhor com isso. 6) Não sei lidar com perdas e penso muito sobre isso, pois a minha família está envelhecendo. Tenho medo de não aceitar quando partirem. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 14/07/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:22
July 16, 2021
ADOLESCÊNCIA E DROGAS
O uso de drogas é um problema social e sanitário que há tempo vêm preocupando a sociedade. Instituições e famílias debatem o assunto, nem sempre da forma adequada, o que pode trazer reflexos negativos no comportamento de um usuário. A adolescência aparece como um grupo ainda mais preocupante: é nessa fase, com os impulsos emocionais e com as buscas pela formação da própria identidade, que esses jovens acabam ingressando em um universo complexo e sem a devida maturidade. 1) Quais são as razões que, comumente, levam os adolescentes a entrar nesse universo dos entorpecentes? 2) Por quais motivos, do ponto de vista psicológico, o uso de drogas na adolescência pode ser ainda mais complexo? Existem diferenças no uso de drogas na fase da adolescência e na fase adulta? 3) Quais são os comportamentos que podem indicar que aquele adolescente está fazendo uso de drogas? 4) De que forma os pais, as escolas e o estado podem dialogar com os jovens sobre o uso de drogas? Como estabelecer um diálogo efetivo, em que o jovem se sinta à vontade para conversar? 5) No caso de jovens que já fazem um uso recorrente de drogas, como essa frequência pode ser quebrada? 6) O incentivo do consumo de álcool na cultura brasileira é um fator que pode incentivar a transição dos jovens para outros tipos de drogas? 7) Geralmente o uso de entorpecentes aparece como uma válvula de escape para outros problemas. De que forma os responsáveis devem atuar na educação dos menores para que eles estejam protegidos da dependência química? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 07/07/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
25:39
July 09, 2021
PO #38 - Autossabotagem nos relacionamentos. Como ser respeitado(a) onde frequenta? Filho é infantil demais? Achar defeitos quando começa a gostar de alguém.
1) Depois de alguns relacionamentos que não deram certo, eu fiquei traumatizada. Estou conhecendo alguns caras legais, mas nunca vai adiante. Não sei se por medo meu, que acabo colocando tudo a perder, ou se é por eles não me acharem interessante o suficiente. Sei que todos acabam indo embora. 2) Sinto que não sou respeitada nos ambientes que frequento. É assim com parentes, amigos, namorado e colegas de trabalho. Quais posturas eu posso tomar para ser mais respeitada e ter os meus sentimentos e opiniões mais ouvidos? 3) Acho o meu filho infantil demais para a idade dele. Ele tem 11 anos, mas costuma fazer birra, brincar só com crianças mais novas que ele e ele também diz o tempo todo que não quer ser adolescente. O que o senhor me aconselha fazer? É importante a ajuda de um terapeuta? 4) Já estou solteiro há 6 anos e eu sinto que fico buscando defeitos nas pessoas quando estou começando a gostar delas. Não sei se é só exigência ou se realmente eu tenho criado bloqueios, mas tenho medo de ficar assim para sempre. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 30/06/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:08
July 03, 2021
PO #37 - O que o “Like” proporciona na mente do ser humano? É normal ter inseguranças? Existe abordagem psicológica mais adequada? Família envelhecendo e o medo de ficar só.
1) O que o “Like” proporciona na mente do ser humano? 2) Sobre insegurança e incerteza na hora de tomar decisões e nas atividades do meu dia a dia. É normal ter inseguranças? Até que ponto é normal? Insegurança é reflexo de imaturidade? 3) O que levar em consideração na hora de escolher a linha teórica mais adequada para o indivíduo? 4) A minha família está toda envelhecendo e eu tenho medo de ficar sozinha. Não me casei, nem tive filhos e o medo de não ter ninguém me atormenta dia e noite. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 16/06/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
13:28
June 18, 2021
CYBERBULLYING (ASSÉDIO MORAL E VIRTUAL)
1) Por que a internet se tornou esse ambiente hostil? Por que as pessoas se mostram tão agressivas nesse ambiente e descarregam um ódio descontrolado? 2) Essas atividades agressivas podem desencadear uma reação em bando? O ódio contamina? 3) De forma aquele indivíduo que está sendo hostilizado pode reagir a isso? Quais são os danos que isso pode trazer? 4) Como usar a internet de uma forma mais saudável? Como lidar melhor com possíveis ataques e discursos de ódio? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 09/06/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:26
June 12, 2021
PO #36 - Sonho e medo de ser mãe. Relacionamento tóxico. Filho será antissocial? Medo da morte e luto. Não quer trair, mas não consegue. Relacionamento anterior ainda com sentimento impede os novos.
1) Tenho o sonho de ser mãe e já perdi meus bebês duas vezes durante a gestação. Essa experiência de aborto espontâneo me deixou muito mal. todas as duas vezes que perdi, entrei em depressão e agora não sei se devo desistir desse sonho ou se devo tentar novamente. Não sei o que é pior, a dor de outra perda ou de não ser mãe, como sempre quis. 2) Sempre tenho relacionamentos destrutíveis. Percebo que só me apaixono por pessoas que sei vão fazer mal. Sempre noto alguns problemas nessas pessoas, mas penso que isso pode ser resolvido. O problema é que eu sempre sei que não vai dar certo e, no final, é isso mesmo! Sempre quebro a cara e hoje não confio mais no amor. Existe explicação para eu ser assim? O que posso fazer para mudar isso e voltar a ter uma boa imagem sobre amar? 3) Meu filho tem 2 aninhos e, desde cedo, perdeu o convívio com outras pessoas, por causa da pandemia. Somos só eu, ele e a mãe dele. Será que ele vai crescer antissocial? 4) Tenho vivido problemas muito duros ultimamente. Isso tem me deixado mais frio. Não sei se estou só endurecendo ou se já estou em um quadro depressivo, porque sinto que estou só existindo. Quase nada mais me abala ou me alegra. Como posso identificar o que tenho? 5) A morte tem me assombrado desde que perdi os meus dois avós na pandemia. Fiquei impressionado, tenho a impressão de estar vendo coisas... Ando meio paranoico mesmo. Preciso de acompanhamento psicológico ou é um processo natural da perda? 6) Sou casado há 7 anos. Infelizmente, cheguei a trair a minha esposa algumas vezes, mas, de um tempo para cá, resolvi mudar. Não quero mais fazer isso. O problema é que, às vezes, sinto que não consigo. Posso ter algum problema ou a dificuldade vem mais por ser uma mudança de hábito mesmo? 7) Não consigo esquecer um relacionamento que tive no ano passado. Já terminamos, eu sei que ele não gosta mais de mim, mas ainda sinto esse amor. Como fazer para me livrar disso? Já fiz de tudo, mas nada faz passar. Vivo dispensando novos pretendentes pensando em um dia voltar com ele. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 02/06/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
18:05
June 04, 2021
RESPONSABILIDADE AFETIVA. O QUE É?
1. Parece que essa expressão parece que só começou a ser usada ultimamente. Afinal de contas, do que se trata a responsabilidade afetiva? 2. Por que as pessoas não costumavam falar sobre responsabilidade afetiva antes, mas agora resolveram debater isso? 3. Muitas pessoas confundem a responsabilidade afetiva, que é basicamente ter cuidado com o outro, com dizer sim para tudo, concordar com que alguém deseja para não magoá-lo. como equilibrar isso? 4. Qual é o limite entre o autocuidado e o cuidado com o próximo? 5. Crescemos e vivemos em uma sociedade egoísta. No Brasil, inclusive, país de realidade difícil, as pessoas crescem com a ideia de “farinha pouca, meu feijão primeiro”; com a ideia de esperteza, de garantir o seu... Como uma sociedade com essa complexidade pode desenvolver responsabilidade afetiva com o outro? 6. Tem gente que é incapaz de desenvolver uma preocupação com o bem estar do próximo? Ou não, todos podem aprender a ter esse cuidado? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 26/05/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:24
May 28, 2021
PO #35 - Por que as pessoas têm medo de mudar? Há uma mudança coletiva diante de tragédias? A pessoa muda, mas os outros não. Noiva e sogra não se entendem. Como ressignificar um trauma de infância?
1. O que você destaca como fator limitante para que a gente realize a nossa própria mudança? Por que as pessoas ficam tão estagnadas, com medo de mudar?  2. Em uma situação como essa em que vivemos, de pandemia, muito se diz que é uma oportunidade para mudar. Podemos pensar em uma mudança coletiva diante de tragédias? Faz bem a gente esperar por essa mudança coletiva, ou pode ser frustrante?  3. “Seja você a mudança que você quer ser no mundo”. Acredito muito nessa mensagem e ajo dessa forma no meu cotidiano. Mas e quando a pessoa se esforça para ser uma boa pessoa, mas os outros ao seu redor acabam não acompanhando essa mudança e seguem cometendo erros constantes? Como fazer para que isso não nos desanime nesse nosso processo de mudança para melhor?  4. Minha noiva e minha mãe não têm uma boa relação. Já tentei conversar com as duas, tentar entender, mas elas são muito teimosas e não aceitam o meu convívio com a outra. Para mim isso é bem difícil, porque amo as duas e não quero cortar relação com nenhuma. Isso tem me feito muito mal. Tem algum conselho para mim?  5. Como identificar se um medo pode ser um trauma de infância? O que fazer para ressignificar esse trauma, caso seja identificado? Tenho alguns bloqueios severos, inclusive sexuais, e acho que isso vem de quando eu era nova.  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 19/05/2021.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
14:05
May 21, 2021
AS PESSOAS MUDAM?
1) As pessoas são, de fato, capazes de mudar? 2) Quando podemos perceber que devemos continuar insistindo na mudança daquela pessoa ou perceber que ela não está disposta a isso? Até que ponto é saudável investir na mudança do outro? 3) Como perceber se o arrependimento de alguém é genuíno? Se arrepender por um erro que cometeu com alguém significa desejo de mudar? 4) A mãe do menino Henry, que mata o seu próprio filho, pode mudar ou a tendência é piorar? 5) As pessoas estão mais descrentes com relação a mudança do próximo? O sistema prisional mesmo, que deveria ser de reeducação, ressocialização, as pessoas já tratam apenas como se devesse ser uma punição é que aquelas pessoas estão fadadas a ser sempre assim. As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 12/05/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
19:46
May 14, 2021
PO #34 - Luto da mãe. A psicologia explica o fanatismo religioso. Perda de emprego e do apetite.
1) Desde que o meu pai faleceu, minha mãe entrou em uma tristeza profunda. Parou de se cuidar, passa horas vendo televisão no quarto e anda esquecendo coisas importantes. Já vai fazer dois anos e parece que o luto não passa. estou preocupada com a sua saúde mental. Como posso ajudar? Ela é relutante em aceitar ajuda.  2) A Psicologia explica o fanatismo religioso? Esse fanatismo pode ser contornado com ajuda psicológica? Meu irmão entrou para uma igreja depois da pandemia e tem repetido coisas que não condizem com uma religiosidade saudável.  3) Estou sem apetite nenhum desde que perdi o emprego. Sinto fome, mas não sinto vontade de comer. Posso fazer algo para solucionar esse problema? Parece que nenhuma comida parece mais apetitosa.  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 05/05/2021.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
13:57
May 07, 2021
VIOLÊNCIA(S)
1) Falando de uma forma geral, quais são os tipos de violência que podemos estar submetidos? 2) A violência nas ruas, com mortes, assaltos e outras situações traumáticas, têm crescido bastante. Vivemos em uma sociedade sem base econômica e educacional e estamos em crise financeira e mental. É um momento propício para o fortalecimento desses problemas. Como lidar com essa violência sem que o medo tome conta da gente? 3) Você acredita que nós estamos normalizando a violência? Banalizando mortes e ignorando esses problemas sociais? 4) Qual é o ponto de equilíbrio que devemos chegar, sem deixar se levar por esse medo ou sem negligenciar o fato de a violência estar crescendo? Como achar um meio termo? 5) E quando a violência está dentro das nossas casas, como lidar? Vamos falar primeiro sobre a violência doméstica. Quais problemas isso pode acarretar e quais traumas podemos tirar disso? 6) Um tipo de violência dentro do lar que infelizmente tem acontecido muito é a violência contra criança. O caso do menino henry é um exemplo triste disso. E acontece que muitos pais estão despreparados para o convívio com as crianças, o que tem se intensificado durante a pandemia, já que elas estão 24h dentro de casa. Como a violência pode atuar no psicológico dessas crianças? Quais problemas um adulto pode ter por ter crescido em um lar violento? 7) Quais fatores podem transformar alguém em uma pessoa violenta? 8) O sentimento de violência contamina? Podemos passar isso de um para o outro? 9) Quando identificamos a violência dentro de nós, o que devemos fazer para canalizar esse sentimento e não gerar algo maior? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 28/04/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
30:27
April 30, 2021
PO #33 - Comparação entre irmãs. Medo limitante ou precaução? Prazer e culpa. Excesso de atividades na infância. Depressão é genética? Medo da traição. Medo de dirigir. Morte do gato. Falta de ânimo
1) Eu e minha irmã mais velha sempre fomos muito comparadas. Tudo os nossos pais faziam questão de comparar, o que acabou gerando um conflito em mim. Infelizmente eu sinto um pouco de inveja da minha irmã e odeio isso. O que eu posso fazer para n sentir mais isso? Amo a minha irmã e me sinto péssima! 2) Durante a pandemia eu descobri uma paixão por flores. Comecei a plantar, descobri esse mundo e me encantei. Tenho um trabalho fixo que me deixa confortável, mas acho monótono e toma muito o meu tempo. Queria pedir demissão e abrir uma floricultura, mas o medo está falando mais alto e eu não sei o que fazer. Como saber se esse medo está me limitando ou se eu só estou sendo precavido? 3) Eu sou fumante e, com o passar dos anos, passei a tomar muito café. Eu até que estava um tempo sem beber café e estava fumando raramente, mas desde que a pandemia começou, voltei a fazer muito os dois e não tenho conseguido parar. O que eu posso fazer para manter o controle e substituir esses hábitos? Acabam sendo um momento prazeroso, de relaxamento, mas depois vem a culpa. 4) Tenho um filho de 11 anos e, como estava achando seu tempo estava muito ocioso, matriculei ele em um curso de inglês, e um outro que é um curso de desenvolvimento lógico e reforço escolar. Tudo on-line. Ele tem reclamado que está sobrecarregado de tantas atividades, porque ainda tem as aulas da escola. Eu devo manter essas atividades? Estava preocupada dele ficar preso nesse apartamento e sem função. 5) Tenho um histórico de depressão, ansiedade e esquizofrenia na minha família. Isso significa que eu posso ter alguma doença relacionada a mente também. 6) Meu filho criou uma espécie de pânico ou medo do corona vírus depois que minha esposa foi contaminada. Ela está bem, mas ele tem ficado desesperado quando a gente sai para trabalhar. O que podemos fazer para tranquilizar ele? 7) Depois que descobri uma traição do meu marido, eu não tenho sido mais a mesma. Nós conversamos, eu o perdoei e realmente percebi que ele se arrependeu do que fez, mas eu estou insegura e estou sempre com medo de ser traída. Não sei se devo cuidar da minha mente para continuar com meu casamento ou se não tem mais jeito. O que me aconselha? 8) Depois que tirei a minha carteira de habilitação eu ainda dirigi um pouco, mas depois parei, nunca mais peguei no volante e agora estou com medo de dirigir novamente. É um bloqueio que me paralisa. Eu posso fazer algo para contornar isso? 9) Eu resgatei um filhote de gato da rua, cuidei e toda a minha família se apegou a ele, mas ele acabou não resistindo e faleceu na semana seguinte. Desde então minha filha não para de chorar e eu não sei mais o que fazer para ela sair desse luto. Preciso de um conselho. 10) Tenho pensado muito em morte e isso não tem me feito bem. O que fazer para redirecionar meus pensamentos? 11) Eu ando sem energia para nada. Passo o dia deitado, procrastinando no celular e não realizo nada. Por que posso estar assim? Devo buscar ajuda? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 21/04/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
33:14
April 24, 2021
FAMÍLIAS TÓXICAS
Ultimamente tem se falado muito sobre relacionamentos tóxicos. Mas, o que fazer quando essa toxidade vem da própria família? Como driblar os efeitos disso já que, em grande parte das vezes, o convívio é inevitável, principalmente em tempos de pandemia? 1) O que configura um relacionamento tóxico? 2) Qualquer relacionamento com problemas é um relacionamento tóxico? 3) Quando esse relacionamento tóxico está dentro da própria família, como fazer para driblar os seus efeitos, principalmente quando se tem um convívio inevitável? 4) Quando esse relacionamento tóxico vem do pai ou da mãe, que são duas figuras importantes na formação psicológica de alguém, quais efeitos isso pode ocasionar? 5) A comparação entre primos ou irmãos é um hábito tóxico e, infelizmente, muito comum. Quais são os efeitos que essa comparação pode causar? 6) A intimidade na relação familiar, passa a impressão de que tudo pode ser dito e da forma como quiser. Quais são os limites e como impor esses limites, sem causar uma ruptura? 7) Para aqueles que possuem traumas causados por conflitos familiares ou ausência de um elemento dentro dessa família, como superar essa questão para que isso não se reflita em problemas futuros e em outras relações? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 14/04/2021. Este Podcast também está disponível em outras 10 plataformas: ouça pelo seu app de preferência. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
35:11
April 19, 2021
VIOLÊNCIA CONTRA CRIANÇA; SINAIS DE ALERTA; AGRESSORES; PSICOPATIA; PAIS E FAMÍLIA
Infelizmente tem se tornado comum casos de violência doméstica extrema que terminam em tragédia. Em muitos desses episódios, as crianças pedem socorro, sem sucesso. No caso do menino Bernardo, ele chegou a ir ao Conselho Tutelar, mas, com a omissão do poder público, acabou assassinado. Agora, Henry, uma criança de apenas 4 anos, disse ao pai que não queria voltar para a casa onde a mãe vivia com o padrasto. 1. Por que é tão difícil para os pais e familiares em geral enxergarem os pedidos de socorro das crianças em risco real? 2. Como identificar os sinais de alerta em casos de violência contra crianças, sobretudo as menores de 5 anos? Que tipo de comportamento não pode, de forma alguma, ser ignorado pelos responsáveis? 3. Os sinais de alerta dos casos de violência física diferem dos de violência sexual e psicológica? 4. Ao ser alertada pelo pai biológico de Henry sobre as queixas da criança a mãe, disse que era mentira, fruto do difícil processo de adaptação do menino ao divórcio dos pais. Crianças realmente mentem sobre esse tipo de coisa? Ou Leniel, pai de Henry, foi ingênuo ao acreditar na versão de Monique? 5. Na mesma linha de raciocínio, como diferenciar fantasia típica de crianças muito pequenas da realidade? 6. Como superar o luto da perda de um filho que, ainda por cima, vem carregado de um sentimento de culpa causado pelo fato de ter se omitido diante do pedido de socorro da criança? 7. Que atitudes os pais ou responsáveis podem tomar quando se deparam com um ou alguns desses sinais de alerta que partem das crianças vítimas de violência extrema? E qual o papel da escola ou creche neste sentido? 8. No caso das crianças que sobrevivem a episódios de violência doméstica extrema, quais são as consequências? 9. Crianças vítimas de agressão física, psicológica e/ou sexual tendem a reproduzir esses comportamentos na vida adulta? 10. Ao se confirmar o óbito de Henry, o suposto assassino teria dito: “Vamos virar essa página, vida que segue. Faz outro filho”. Você diria que comportamentos com esses, que denotam frieza – para dizer o mínimo – e agressividade, que beira o sadismo, são compatíveis com o perfil de um psicopata? 11. O que dizer da postura da mãe, que não comunicou a agressão prévia à polícia, não afastou o filho do convívio com o agressor e, para completar, acobertou o crime? É um comportamento patológico? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o Podcast do Portal Muita Informação, que está no ar desde 13/04/2021. Psicólogo alerta sobre como identificar sinais de violência em crianças Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
31:31
April 13, 2021
SURTO PSICÓTICO; PROFISSÕES ESTRESSANTES; CUIDADOS COM A SAÚDE MENTAL
No domingo, 28/3/2021, um episódio envolvendo o PM soldado Wesley não teve um desfecho esperado e chamou a atenção de todo o Brasil para a necessidade do cuidado com a saúde mental. Ele veio do interior da Bahia, parou no Farol da Barra (Salvador) e, pintando o rosto de verde e amarelo, proferia frases repetidamente e atirava para cima com um fuzil. Após horas de negociação por parte de equipes da PM e do Bope, Wesley atirou contra os policiais e, na troca de tiros, saiu gravemente ferido e faleceu no final da noite. 1) Falando primeiramente desse caso com o soldado Wesley, a gente pode considerar aquilo como um surto psicótico? O que caracteriza um surto psicótico? 2) Existe todo um caminho de descuidado com a saúde mental para que as coisas cheguem no ponto que chegaram neste caso do soldado Wesley. Quais são os sinais que indicam que algo não está indo bem, para que a gente possa ficar atento? 3) Após esse episódio, muito tem se discutido sobre a falta de assistência psicológica para alguns profissionais. No caso da polícia, esse deveria ser um cuidado fornecido pelo Estado. Como profissional da área, você tem observado um cuidado maior com a saúde mental ou isso ainda é algo negligenciado? 4) Os profissionais de saúde também acabam sofrendo grande pressão psicológica. Não é fácil ter que lidar com vidas. Nesse período de pandemia, isso tem se intensificado. A exaustão mental pode, inclusive, causar um erro médico. Como profissionais envolvidos com saúde podem se cuidar em um período como esse? 5) Além das áreas de trabalho que exigem muito mentalmente das pessoas, existe também o desemprego, que infelizmente tem virado a realidade de muitas pessoas em todo o Brasil. De que forma a preocupação com a questão financeira e a carreira podem afetar alguém? Como fazer para se ocupar nesse período, dentro de casa, para aqueles que estão desempregados? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna "A Voz da Consciência", que foi ao ar na Rádio Câmara em 07/04/2021.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
31:55
April 09, 2021
Perguntas dos Ouvintes #32
1. Estou noivo e a amo, mas nós pensamos muito diferente e eu tenho receio disso virar um conflito dentro do nosso casamento. Como fazer a relação dar certo mesmo com tantas divergências? 2. Meu filho está namorando com uma menina que destrata ele. Termina sempre com ele, manda e desmanda. Eu queria aconselhar, mas sem me meter na relação dele. Como fazer isso? 3. Tenho andado muito frustrada com a minha falta de tempo. Eu tenho deixado de fazer muita coisa que considero importante, como estudar e cuidar de minha saúde. Como posso organizar o meu tempo para caber tudo? 4. Estou estacionado profissionalmente. Isso me deixa desmotivado e, por consequência, meu rendimento cai. Como recondicionar minha mente para mudar essa realidade? 5. Meus filhos estão crescendo e mudando os interesses. Eles estão se distanciando de mim também, mas eu queria buscar uma forma de me reaproximar. O que você me aconselha? 6. Qual acompanhamento devo buscar para uma criança que tem dificuldade de aprendizado? Não sei do que se trata, mas sei que meu filho tem uma dificuldade enorme de aprendizado e concentração. 7. Eu tenho muita vontade de ser mãe, mas nunca achei um companheiro para isso. Não sei se devo desistir desse sonho ou se devo apostar em alternativas como a adoção ou a inseminação artificial. Tenho medo de criar um filho só, mas não sei se eu seria feliz sem ser mãe. 8. Muitos casais têm tido problemas durante a pandemia. O que pode ser feito para amenizar essa tensão? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 17/03/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
22:14
March 19, 2021
Voltamos para o começo!
1. Quais são os impactos que a pandemia tem sobre a vida das pessoas? 2. Qual é a avaliação do momento atual da pandemia? 3. A situação atual é melhor ou pior do que o do início da pandemia? 4. Havia a expectativa que as pessoas ficariam melhores diante de um problema tão grave como o Covid-19. Aprendemos alguma coisa com a pandemia do ponto de vista psicológico? 5. Quais lições devemos colocar como prioridade para que todos possamos atravessar essa jornada? 6. Este momento é propício para olharmos para dentro de nós e para o outro com generosidade? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o Podcast do Portal Muita Informação, que está no ar desde 03/03/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
10:34
March 08, 2021
REJEIÇÃO
1. O que a gente pode considerar como rejeição, seja pela gente ou por alguma ideia que a gente levante, e de que forma essa rejeição pode interferir no nosso psicológico? 2. A rejeição pode fazer com que uma pessoa, por medo de viver isso novamente, acabe se escondendo, escolhendo não encarar a vida e os desafios de frente? 3. A rejeição faz parte das nossas vidas. Como fazer para aceitá-la? Como se preparar e até preparar os nossos filhos para os momentos de recusa sem levar isso para o pessoal ou deixar se abater? 4. E quando a rejeição é amorosa, como conviver com ela? Tem gente que, após uma separação perde o chão. Como cuidar da nossa mente para não permitir isso? 5. Ontem, na eliminação do Big Brother, muito se falou sobre rejeição. A pessoa que foi eliminada vai ter que lidar com a pressão das redes sociais e com um nível pesado de exclusão. O que vai precisar ser feito para que ela mantenha a saúde mental diante de tudo isso? 6. As pessoas estão cada vez mais necessitadas de aprovação e aceitação? O fenômeno de likes e visualizações nas redes sociais pode ser um exemplo disso? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 24/02/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
17:58
February 27, 2021
Perguntas dos Ouvintes #31
1- Meus pais se divorciaram faz alguns meses e, depois disso, minha mãe passou a ter comportamentos que ela não tinha. Mudou tudo, começou a beber muito, dançar sozinha, saindo com muitos caras... Não sei se ela sempre quis ser assim e não tinha liberdade ou se ela está descontando o divórcio da forma errada. Não sei como falar com ela. Tenho receio dela achar que estou sendo ciumenta ou machista por agora ela ser uma mulher livre. O que devo fazer? 2- Até que ponto é normal sentir ciúmes? Tenho receio de der ciumenta demais. 3- Meu filho está querendo morar fora com uma moça, que acabou de conhecer. Eu acho que ele está sendo precipitado e essa moça não me causa uma boa impressão. Ele vai aventurando, sem muito dinheiro ou segurança e fico assustada com o que pode acontecer. Como devo aconselhar meu filho? Devo me meter? 4- Já sou adulto e ainda tenho muito medo de palhaço. Isso é normal? Não posso ver um que gelo; passo até mal. 5- Quero ajuda psicológica, mas ainda sou adolescente, não trabalho e os meus pais acham besteira. Tem algum serviço que eu possa procurar? 6- Algumas pessoas falam que eu sou muito viciada em cuidar da beleza, que me cuido excessivamente e nunca estou satisfeita. Na minha cabeça eu só me cuido. Como eu posso saber se eu tenho uma vaidade saudável? 7- Convivo com uma pessoa da família que não socializa de forma nenhuma. Essa pessoa é calada, sem amigos e acho que nunca teve um relacionamento. Como posso ajudar ela a se abrir mais? Isso pode significar alguma questão psíquica? 8- Meus sobrinhos são crianças e já falam sobre ter namorado e namorada; fazem perguntas sobre sexo, vida amorosa e tudo mais. Como e quando nós já podemos conversar sobre isso com eles? 9- Sou uma mulher mais velha, solteira e ainda moro com minha mãe. Meu pai faleceu há 2 anos. A convivência com a minha mãe não é fácil... Ela se mete nos meus horários, minhas saídas e meus relacionamentos. Queria sair de casa, mas estou com receio de deixá-la sozinha. O que posso fazer? 10- Meu chefe me diz coisas indelicadas, dá a entender que dá em cima e eu fico muito sem graça, sem saber como reagir. Pior que a esposa dele trabalha com a gente. Já pensei em pedir demissão, mas emprego não está fácil e eu não acho isso justo. Tem algum conselho? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 17/02/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
27:53
February 22, 2021
Os vários tipos de Amor e a Paixão
1. O que é o amor e de que forma ele mexe com a nossa mente? 2. O amor pode se apresentar de diferentes formas. Quais são os tipos de amor? 3. Qual é a diferença entre amor e paixão? 4. Qual é a importância do amor próprio? O que o excesso e a falta desse tipo de amor podem desencadear? 5. Existe um limite para o amor? Como saber se um amor está extrapolando o limite saudável? Quando deixa de ser amor para ser uma dependência ou obsessão? 6. Por que o amor é um assunto tão popular, que rende tantos filmes, músicas, novelas e livros? 7. Muito se diz que o amor está escasso, que as pessoas estão buscando mais relações rasas. Isso é verdade ou as pessoas ainda estão buscando um amor? 8. O amor também é sobre doação e aceitação, mas quando saber qual é o limite do aceitável? Até onde deve ir essa doação? 9. Existem almas gêmeas? Metades de uma laranja? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 10/02/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
24:43
February 13, 2021
Perguntas dos Ouvintes #30 – O que é o “cancelamento”?
1- De que forma a cultura do cancelamento pode interferir no psicológico de alguém? A gente tá vendo isso acontecendo muito no Big Brother. Uma pessoa erra e automaticamente já é excluída pela sociedade. 2- Como aprender a lidar com a rejeição? 3- Minha mãe não tem carinho por mim. É triste, mas é verdade. Nunca me deu afeto e parece que fala comigo por obrigação. Como fazer para me aproximar dela depois de adulta? Será que ainda tem jeito ou ela realmente é fria demais pra isso? 4- Ouço muito falar que dores são psicológicas. É possível bloquear uma dor através do controle da mente, com a meditação ou algo assim? 5- Existem pessoas que são genuinamente boas ou genuinamente ruins? Ou não tem isso de vilão e mocinho na vida real? 6- Como lidar com o vício pelo uso de celulares e eletrônicos se eu trabalho com isso todos os dias? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 03/02/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
19:04
February 06, 2021
Big Brother Brasil - Ver e ser visto
1. Por que é tão bom olhar a vida alheia? 2. Projetamos no outro nossos valores, desejos e críticas? 3. Acompanhar um reality show serve como referência para nossos comportamentos? 4. Acompanhar a vida dessas pessoas, algumas vezes vira uma espécie de obsessão. Criam fã clubes, mandam presentes caros, começam a depender da atenção daquela subcelebridade para ficar bem. Por que acontece? 5. Por que a necessidade de ser visto, de ser famoso? 6. Por que as pessoas se inscrevem no Big Brother? 7. Até que ponto é saudável expor a sua vida em rede nacional? O que deve e o que não deve ser exposto? 8. Quais problemas emocionais ou psíquicos uma pessoa pode desenvolver estando confinada dessa forma, sendo testada de diversas formas diferentes? 9. O Big Brother é um programa de entretenimento. Nesse período de pandemia, as pessoas estão isoladas, carentes e, muitas vezes, entediadas, então um programa como esse acaba sendo uma válvula de escape. Isso é positivo ou negativo? Há problema em absorver um entretenimento raso de vez em quando? 10. Dentro da casa do Big Brother é o que vem acontecendo na quarentena? As dificuldades de comunicação e o estresse gerado tem a ver com nossa vida cotidiana? 11. O reality show retrata nossa realidade do dia-a-dia? 12. A estética tem mais importância do que a essência das pessoas? 13. Podemos nos reavaliar através dos comportamentos dentro da casa do Big Brother As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 27/01/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:45
January 29, 2021
Perguntas dos Ouvintes #29
1. Meus pais estão se separando e querem que eu assuma um lado. Eu já sou adulto e eles acham que eu já tenho condições de escolher quem tem razão. Os dois estão cometendo erros, mas não quero ter que deixar de falar com ninguém ou me afastar dos dois. 2. Quero fazer psicologia. Em quais áreas eu poderia atuar? Preciso necessariamente prestar atendimento, ou tem outras formas de exercer a profissão? 3. A psicologia explica a ufologia, que é a crença em alienígenas? 4. Eu sinto vontade de trair todos os meus namorados. Isso é normal? 5. Passei boa parte de 2019 e 2020 triste, mas não sei identificar se foi uma depressão, o início de uma ou só tristeza mesmo. Como eu poderia saber? 6. As pessoas podem realmente mudar? Devo confiar em alguém que já cometeu uma falha grande como marido ou como pai? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 13/01/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
24:27
January 25, 2021
Janeiro Branco, Saúde Mental, Redação do ENEM
1. O que é o Janeiro Branco 2. O tema da redação do ENEM foi sobre o estigma associados às doenças mentais 3. Ainda existe o preconceito para procurar o psicólogo ou psiquiatra? 4. Quando procurar um psicólogo? Qual o principal sinal para pedir ajuda profissional? 5. As festas de fim de ano podem ser um gatilho para suicídio ou depressão? 6. Quais foram os efeitos da pandemia na saúde mental da sociedade? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa “Café das 6”, da Rádio Globo, que foi ao ar em 19/012021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
17:53
January 23, 2021
Saúde mental: o que é e como mantê-la
1. O que a gente pode chamar de saúde mental? Existe alguém que tenha plena saúde mental ou esse é um trabalho para a vida toda? 2. Muitas vezes nos colocamos em situações que não nos fazem bem, mas não percebemos isso até que algo realmente grande aconteça. como a pessoa pode identificar que não está vivendo um bom momento? Qual é o primeiro passo que uma pessoa deve tomar para sair dessa inércia e começar a buscar a sua saúde mental? 3. Como diferenciar os problemas e estresses diários de falta de saúde mental? qual é o limite disso? 4. É verdade que todo mundo deve fazer análise? 5. O que fazer quando um paciente cria dependência de ter aquele amparo do analista ou psicólogo? O que fazer quando essa busca constante por ajuda também mascara a falta de saúde mental? 6. A ansiedade é um outro grande problema social. A rotina que nós temos nos leva, muitas vezes, para esse caminho. Contudo, é um assunto que também tem sido cada vez mais discutido. Por que os casos de ansiedade continuam aumentando, mesmo que esse assunto esteja sendo tão debatido, bem como as soluções para conseguir driblar essa ansiedade? 7. Por que o Brasil tem números tão grandes com relação à depressão e a ansiedade? Não existe um estereótipo de que povo brasileiro é um povo feliz “mesmo diante de tudo”?  Isso condiz ou é uma imagem que tentam vender da gente? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 13/01/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
21:10
January 14, 2021
Perguntas dos ouvintes #28
1. Não tive um bom ano em 2020 e gostaria de mudar tudo isso em 2021. O que devo fazer para mudar meus hábitos? Por onde devo começar? 2. Tenho poucos parentes e os que eu tenho, não sou tão próximo. Queria mudar essas relações, mas não depende só de mim. Sinto que eles não fazem a mínima questão e eu sinto necessidade de ter uma família. 3. Passei as festas de fim de ano sozinha e isso não me fez bem. O que eu posso fazer para amenizar a solidão durante esse período, já que não há perspectiva de mudanças? 4. Acho que quero terminar o meu noivado de anos, mas envolve as nossas famílias. temos negócio juntos; eu sou fisioterapeuta e faço o tratamento da avó dele e já são todos muito apegados. Queria saber como lidar com tudo isso e poder me decidir. 5. Quero buscar ajuda psicológica para o meu filho, mas a minha esposa não quer. Ela acha que é um gasto que não podemos ter agora e não acredita que ele precisa. Como conversar para que ela entenda isso? Sei que seria bom para a minha filha, que reclama sempre que não tem amigos e que odeia a escola. As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 06/01/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
19:40
January 07, 2021
Saúde Mental: como mantê-la
1. O que é saúde mental? 2. O que é o princípio do prazer e o da realidade? 3. Como lidar com o outro? 4. Tudo o que a gente faz tem de dar certo? 5. O ano de 2020 nos mostrou que temos controle de tudo? 6. Como encarar a realidade e as pessoas? 7. O aprendizado está em perceber que a gente não se conhece. 8. Qual a vantagem de ter mais autoconhecimento? 9. As pessoas recebem educação emocional? 10. Maturidade tem a ver com a idade? 11. Devemos nos fixar na solução dos problemas? 12. Construção das coisas exige esforço de cada um? 13. É uma tendência nossa pensar mais no negativo do que no positivo? 14. A psicoterapia é um caminho viável para aumentar o autoconhecimento? 15. A ansiedade aumentou durante a pandemia? 16. Como identificar situações que podem tirar nosso equilíbrio emocional? 17. Como usar a inteligência emocional? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa “Café das 6”, da Rádio Globo, que foi ao ar em 31/12/2021. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
23:38
January 01, 2021
Adeus 2020 e que venha 2021
2020 foi um ano difícil, mas importante. Agora chega o 2021. Seja bem-vindo.
09:05
January 01, 2021
Especial de final de ano 2020
Final de ano, é tempo da gente rever nossos comportamentos. Pensamos sobre as metas cumpridas e não cumprias, fazemos planos para o próximo ano e alimentamos a esperança da mudança, principalmente se tratando da despedida de um ano tão difícil como foi 2020. Muita gente sente melancolia, saudade dos parentes que partiram... Já outros ficam mais positivos, aproveitando a oportunidade de estar em família, feliz por um ano novo cheio de possibilidades estar chegando. São muitos os sentimentos. 1. Chegamos ao fim de um ano complexo como esse. todo mundo pedindo pra 2020 acabar, buscando essa energia de renovação. Esse clima de mudança contribui psicologicamente para que a gente realmente tome novos rumos e mude questões que precisamos mudar ou a virada de ano não interfere em nada, a mudança é individual e independe disso? 2. Foi um ano de muitas perdas. estamos passando por uma pandemia. como lidar com esse sentimento de saudade em datas tão familiares quanto o Natal, por exemplo? 3. Esse é o período que muita gente tira pra fazer um balanço de sonhos e metas. Como lidar com a frustração de não ter alcançado algumas metas? Até que ponto é saudável você estipular metas para a sua vida? 4. E para aqueles que sempre planejam as mesmas coisas, mas entra ano, sai ano, a pessoa transfere o objetivo para o ano que vem. O que você indica para que a pessoa foque no que deseja, vencendo a preguiça, a procrastinação e até o medo? 5. Muita gente tem medo do inesperado e um ano novo é justamente isso. Como encarar esses novos desafios sem medo ou ansiedade do que tá por vir? 6. Nessa espera pela vacina para a Covid-19 e esse desejo de virar a página por causa de tudo de ruim que possa ter acontecido nesse ano, algumas pessoas criaram bastante expectativa para o ano que vem. Como manter a positividade caso algumas continuem saindo do eixo, como é muito natural na vida? 7. Esse ano muitos vão passar o natal afastados da família por causa do isolamento social. Isso pode gerar um sentimento maior de melancolia e solidão? Como fazer para alegrar os nossos parentes mais velhos, como os nossos avós, que costumam comemorar essa data ao nosso lado, mas estão bem tristinhos por que esse ano vai ser diferente? 8. As pessoas costumam usar o natal para exercitar o perdão, tanto que alguns até acham que é um período de falsidade, pois brigam o ano todo e no final que paz. O que nos leva a ter esse sentimento de união no final de ano? Esse ano isso vai ser mais intenso, já que as pessoas estão mais afastadas e mais carentes? 9.  Tudo é uma questão de perspectiva. Enquanto a maioria insiste em dizer que o ano não foi bom, outros preferem tirar algo bom disso tudo. Realmente não foi um bom ano? Será que aconteceram mesmo mais coisas ruins do que boas ou isso é uma visão pessimista? O que podemos tirar de aprendizado ou benefício desse ano? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 23/12/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
29:33
December 25, 2020
Perguntas dos Ouvintes #27
1. Estou com mania de arrancar fios de cabelo. Não consigo parar e queria muito! Às vezes fico constrangida porque sei que as pessoas reparam. 2. O que você acha de tratamentos alternativos como aromaterapia e cristaloterapia? 3. Na minha cabeça nenhum psicólogo pode resolver nenhum dos meus problemas. Eu nunca me senti confortável em me abrir para nenhum deles. Às vezes acho que posso resolver isso sozinho. Você acha que posso resolver só? 4. Estou sempre malhando e odeio meu corpo. Por mim já tinha feito inúmeras cirurgias. Sei que a gente deve se aceitar, mas sinceramente não consigo. 5. Vivo esquecendo coisas e acho que já está passando do normal. Tenho medo de perder a memória jovem. Posso reverter isso com práticas ou exercícios? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 16/12/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
14:13
December 20, 2020
Perguntas dos Ouvintes #26
1. Por que as pessoas só acreditam vendo? A gente até sabe de certas coisas, mas só entende mesmo quando acontece com a gente. 2. Eu e meu noivo abrimos um negócio juntos de venda de bijuterias e acessórios. Abrimos até uma lojinha faz pouco mais de um ano. Um investimento alto. Só que eu não estou feliz. Quero terminar, mas penso em tudo, nas nossas famílias e no nosso negócio. O que fazer? Acho que não dá para terminar e continuar o convívio na empresa. 3. Está certo dizer a alguém que ele pode alcançar tudo o que desejar? Uma vez ouvi dizer que isso podia ser tóxico, porque nem todos vão conseguir alcançar tudo. 4. Voltei a sair com a minha ex-mulher cinco anos depois que terminamos. Na época, ela havia me traído, então acabou. Hoje estamos mais maduros, somos outras pessoas e os amamos muito, mas estou com medo e vergonha de contar para a família e para os amigos. Sei que eles vão julgar. 5. Eu estou gostando de alguém que não devia. Como eu faço pra esquecer de vez? Ele é casado com alguém próximo a mim, vive na minha casa e acho que nem imagina. Já tentei de tudo, mas não consigo deixar de pensar As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 09/12/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:32
December 12, 2020
Mães Narcisistas
1. O que são, de fato, mães narcisistas? 2. Como identificar uma mãe narcisista? 3. Por que a escolha do termo “mães narcisistas” e não apenas “pessoa narcisista”? 4. Por que a expressão é sempre atrelada às mães? 5. Mães são, muitas vezes, o nosso elo mais forte. Como lidar com o fato de ter uma mãe narcisista e buscar ter saúde mental e não permitir que isso lhe abale tanto? 6. A sociedade machista impõe, de certa forma, que as mulheres sempre tenham filhos, sendo que nem todas possuem essa vontade ou vocação. A mulher que se vê obrigada a procriar tende a ser uma mãe narcisista? Existe diferença entre não querer ou não gostar de ser mãe para ser, de fato, uma mãe narcisista? 7. Mulheres que engravidam de uma forma traumática, como um estupro, por exemplo, tendem a se tornar mães narcisistas? 8. Existe alguma relação entre depressão pós parto e a mãe narcisista? 9. Existem pais narcisistas? O fato deles não serem citados é um reflexo de uma sociedade machista, que sempre coloca a mulher no lugar de mãe, ou não tem relação nenhuma com isso? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 02/12/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:05
December 05, 2020
Perguntas dos Ouvintes #25
1. Sou mais velha, quero prestar vestibular, mas tenho medo de não passar, de não conseguir acompanhar ou de me sentir ridícula no meio de tantos jovens. Quero perder esse boqueio. 2. É normal quando a pessoa não naturaliza afeto, tipo, recusa abraço e beijo? 3. No meu trabalho ou numa entrevista de emprego eu sempre acho que sou o pior, o menos talentoso e o menos preparado. Queria saber se isso é coisa da minha cabeça ou se estou só reconhecendo um fato. 4. Tenho medo de me relacionar, mas continuo me envolvendo com as pessoas. A situação fica séria e eu me autossaboto. Como mudar isso? 5. É normal não estar sentindo saudade da vida social durante a quarentena? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café Duplo, que foi ao ar na Rádio Câmara em 25/11/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
14:34
December 01, 2020
Relacionamentos abusivos e a naturalização da violência
1. As pessoas reconhecem uma relação abusiva? 2. A cultura do estupro naturaliza as ações violentas? 3. A violência é só quando há agressão física? 4. O excesso de exposição transforma a violência em algo natural? 5. A cultura machista é um pano de fundo para a violência?  6. Os homens podem demonstrar sentimentos ou é um sinal de fraqueza? A mulher demonstrar seus sentimentos significa que ela é fraca? 7. Uma agressão pode ser uma manifestação do amor? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista dada para o programa Café das 6 da Rádio Globo, que foi ao ar em 09/11/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:59
November 25, 2020
FELICIDADE
1. O que é a felicidade? 2. O certo é falar que “é feliz “ou “está feliz”? 3. A felicidade ou a falta dela são determinadas por questões químicas, fisiológicas ou hormonais no nosso corpo ou tem mais a ver com a forma como levamos a vida? 4. Como manter a nossa felicidade em tempos mais complexos como o que vivemos agora, de crise sanitária mundial, de crise econômica em muitos lares? 5. De acordo com a música “Felicidade” de Marcelo Jeneci, “felicidade é só questão de ser”. Podemos dizer que ser feliz é uma questão de escolha ou afirmar é uma insensibilidade com aqueles que não conseguem ser felizes? 6. As pessoas gostam de sofrer? Existe um certo vício em não estar bem, em viver dramas? Muitas pessoas conhecem aqueles que vivem se lamentando e parecem gostar daquela situação. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 18/11/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
17:21
November 23, 2020
Perguntas dos Ouvintes #24
1. Minha filha mais nova está muito agressiva com outras crianças e animais. Já conversamos com ela, mas não tem jeito, tivemos até que mandar nossa cadela pra casa dos meus sogros. Temos receio porque não ensinamos isso e a nossa mais velha nunca fez também. 2. Por que os homens sempre traem ou acham que podem trair? 3. Eu estou há nove anos com a minha namorada e a amo muito, mas eu não sinto vontade de casar e morar junto. Fico me perguntando se isso é normal, se existem pessoas que simplesmente preferem morar sozinhos mesmo, porque realmente a amo. Além disso, também não sei como explicar isso tudo para ela. 4. Depois que fui assaltada, nunca mais consegui pegar um ônibus em paz. Fico nervosa, com taquicardia e mãos suadas, ainda passei a gastar muito dinheiro com Uber. Queria ajuda pra controlar esse pavor. 5. Trabalho com o meu ex-noivo e a gente terminou de uma forma inacabada. Uma decisão dele, que eu não entendi. Eu pensei em pedir demissão, mas não quero abrir mão dos meus objetivos. Como superar ele se eu vejo todo dia? 6. Existem exercícios que me ajudem a curar pequenas fobias, como de palhaço, de aranha e de ambientes fechados? 7. Quando a minha avó faleceu, a gente já tinha mais de 2 anos sem se falar. Hoje eu sinto uma culpa horrível e me dá um desespero saber que não tem nada que eu possa fazer agora. 8. A psicologia explica os sonhos premonitórios ou é algo mais voltado para crença ou espiritualidade? 9. Como convencer um parente que ir ao psicólogo é algo comum, não de alguém louco? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 11/11/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Facebook, Twitter).
25:04
November 12, 2020
TRAIÇÃO
1. Por que as pessoas traem? 2. Por que as pessoas que traem não aceitam quando são traídas? A traição é um ato de egoísmo? 3. É verdade que quem trai uma vez trai sempre? As pessoas realmente podem mudar? Como identificar se houve ou não uma mudança de comportamento em alguém que já te traiu, de alguma forma? 4. Quais são os efeitos psicológicos de uma traição? 5. Como uma pessoa pode superar uma traição e recuperar a segurança nela mesma, nas relações e nas outras pessoas? Uma confiança pode ser reestabelecida? Uma pessoa pode voltar a confiar em alguém que a fez muito mal? 6. Qual é a traição mais difícil de se lidar ou superar, a traição amorosa, amigável, familiar ou por colegas de trabalho? 7. Quando a traição é familiar, como fazer para se desvencilhar daquele relacionamento? Afinal de contas, não existe ex-parente. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 04/11/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
25:28
November 04, 2020
Perguntas dos Ouvintes #23
1. Como conviver com pessoas desagradáveis sem perder a minha paz? Meu trabalho só tem gente problemática e isso tem tirado o meu gosto de trabalhar. Saudade do home office! 2. É verdade que as cores do ambiente podem causar sentimentos diferentes? 3. Estou grávida, não tenho contato com o pai e isso não foi planejado. Já estou no sexto mês e não estou feliz. Como posso aceitar melhor isso? Tenho receio de não ser uma boa mãe, pois não me sinto como uma. 4. Às vezes acho que gosto de meninos, às vezes de meninas, mas a grande maioria das vezes, acho que não gosto de nenhum dos dois. Fico muito bem só, nunca tive relações sexuais e me sinto bem assim. Não sei como me identificar. 5. Criei compulsão pelo uso de celular. Não consigo ficar sem e nem tenho mais moral de pedir para minha filha usar menos também. Tem algum conselho para a gente mudar de hábito? 6. Quando identificamos que a ansiedade deixou de ser algo simples para ser algo que deve ser tratado? Como eu posso identificar uma crise de ansiedade? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 28/10/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
19:09
October 31, 2020
Cultura do Estupro
1. O que é a cultura do estupro? 2. A maioria das pessoas concorda que a sociedade é machista, mas poucas se consideram machistas. Quais são os comportamentos comuns do cotidiano, que podemos identificar como machistas? 3. A sociedade machista traz um peso para a mulher: tem que ter um corpo perfeito, tem que ser delicada, saber cozinhar, ser casada, ser mãe depois de casar... além de tudo isso, existe o medo da violência, do estupro, do feminicídio... Como viver, diante de tudo isso, com leveza, sem se amedrontar? 4. Em casos de mulheres que passaram por algum tipo de abuso, como fazer com que essa mulher supere esse trauma? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 21/10/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
14:33
October 21, 2020
Perguntas dos Ouvintes #22
1. A partir de qual idade já podemos falar de assuntos mais adultos com crianças, como sexo, morte ou depressão? 2. A psicologia pode condicionar o meu cérebro pro foco nas atividades físicas e na alimentação saudável? 3. Apetite sexual em excesso ou em falta são coisas da mente ou somente hormonais? 4. A profissão do Coach é confiável? Eles dizem trabalhar com a mente, mas a maioria não possui formação para isso. 5. Síndrome do Pânico tem cura ou só é controlada? 6. Eu e meu marido paramos de conversar. Falamos só de coisas da casa, de contas e dos filhos. Não sei como retomar o convívio com naturalidade, até porque ele me olha estranho sempre que tento aproximação. O que faço? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 14/10/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:41
October 18, 2020
O trabalho e as emoções
1. Em tempos de crise, infelizmente, muitos perdem o emprego. As cobranças sociais são muitas. Como lidar com essas frustrações sem prejudicar a saúde mental? 2. A competição dentro das empresas contribui para um ambiente de animosidade. Como conviver de maneira harmoniosa, saudável, em um ambiente que nem sempre vai ser hospitaleiro? 3. O auxílio emergencial ajudou as pessoas a tomar um rumo na vida e ter segurança? 4. Como separar relações de trabalho e relações pessoais? Dá para fazer amizades ou até mesmo relacionamentos amorosos dentro do trabalho e manter o profissionalismo? 5. E quanto às demandas grandes de trabalho, como saber qual é o limite? De que forma o trabalho excessivo pode reduzir a qualidade de vida de alguém? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 30/09/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
18:53
October 11, 2020
Perguntas dos Ouvintes #21
1. Às vezes vejo casos trágicos que ganharam a mídia, como o de Suzane Von Richthofen, o caso da menina Isabela Nardoni... Coisas assim me chamam a atenção. O que faz uma pessoa, ou várias pessoas, chegarem a esse ponto? Como saber se não convivemos com pessoas assim? 2. Não consigo me abrir para a minha família. Sinto que estou em uma competição ou que todos estão ali para me julgar. Passo por muitos problemas e não abro para ninguém. Às vezes só queria alguém para desabafar. 3. Tomar sol faz bem para o psicológico ou é mito? Ouvi falar nisso e não tomo sol desde o início da pandemia. 4. Todo mundo diz que sou extremamente competitivo, de um jeito não saudável. Já briguei com minha família e amigos por causa de jogo. Eu posso reverter isso com a psicologia? 5. Inicio relacionamentos que sei não vão dar certo, com pessoas que sei que não são tão legais, mas acho que, por carência, me envolvo. Gostaria de mudar isso. 6. Acho que estou com mania de limpeza desde que a pandemia começou, fico o tempo todo pensando em tudo que pode estar infectado. Queria saber se estou mesmo. 7. Como conviver com os parentes mais velhos que dependem de você, já que não conseguem fazer as atividades sozinhos, mas se recusam a cooperar? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 16/09/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
19:03
October 03, 2020
Setembro Amarelo: outras questões!
1. Por que o nome da campanha de prevenção ao suicídio é Setembro Amarelo? 2. Quais são as principais causas do suicídio? 3. O suicídio está sempre relacionado à depressão? Quais são as outras causas? 4. Como identificar uma situação de risco de suicídio? 5. O que fazer quando a pessoa está claramente com problema, mas não quer ser ajuda? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 16/09/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
28:45
September 24, 2020
SUICÍDIO: COMO LIDAR? Setembro Amarelo - Yellow Ribbon
Se você está sofrendo e precisa de ajuda, saiba que você não está só e é possível achar a solução para seus problemas. No Brasil, ligue 188 e fale com o Centro de Valorização da Vida (CVV). 1) Por que é Setembro Amarelo? Qual a história de Mike? 2) Quantas pessoas se matam no Brasil e no mundo? 3) Quais os sinais de alerta que o suicida dá? 4) O Padre Fábio de Melo buscou métodos de suicídio na internet? 5) Como podemos ajudar alguém que está pensando em se suicidar? 6) O que não se deve fazer? 7) Como identificar se uma pessoa idosa pode ser uma suicida? 8) Quais são as principais causas do suicídio? 9) Quais são os fatores de risco que podem levar ao suicídio? 10) Todo mundo precisa de terapia? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio 100 FM em 11/09/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
22:55
September 13, 2020
Aumento dos Crimes de Ódio nas Redes Sociais
1. Por que a pandemia aflorou tantos comportamentos nocivos nas redes sociais? 2. A quarentena trouxe apenas o combate ao Covid-19 ou também às ideias alheias? 3. O discurso do ódio é resultado de quê? 4. O “politicamente correto” incentiva o discurso do ódio? 5. Nas redes sociais as pessoas podem se esconder, mas as pessoas vivem em sociedade. Como identificar essas pessoas no dia-a-dia? 6. Os robôs disseminam discursos extremados? 7. A velocidade de propagação das informações nas redes sociais favorece o discurso do ódio. 8. Vale a pena comentar um assunto colocado nas redes sociais? 9. O “cancelamento” pode trazer alguma consequência emocional? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 02/09/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
17:46
September 03, 2020
Perguntas dos Ouvintes #20 Sobre Ciúmes
1. É normal sentir ciúme da namorada dos outros? 2. Ciúme é prova de que existe sentimento? 3. Existe ciúme entre colegas de trabalho? 4. Quando a gente odeia uma pessoa é sinal de ciúme? 5. “Meu estado civil é feliz”. É mais ou menos por aí, Sergio? Quem é feliz não tem ciúmes? 6. Por que a sociedade faz a gente acreditar que sentir ciúmes é bom? 7. É normal sentir ciúme depois que um relacionamento terminou há mais de três anos? 8. Sentir ciúmes caracteriza um relacionamento abusivo? 9. Por que o silêncio incomoda? Isso tem a ver com ciúme? 10.  As vezes não sei se sinto ciúme ou inveja. Qual é a diferença? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 26/08/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
21:09
August 26, 2020
CIÚMES 2
O tema “ciúmes” volta a ser discutido. Existe outro podcast meu de 19/11/2018. 1. O ciúme é um tema popular? 2. É possível descrever os ciúmes? 3. Você sabe se é uma pessoa ciumenta? 4. Ciúme “do bem” aponta um problema na relação? 5. O ciúme pode ser uma paranoia? Como é isso na prática? 6. Como lidar com os ciúmes? Ele indica o quê? 7. O ciúme pode ser uma prova de amor? 8. Uma agressão pode ser aceita e justificada pelo ciúme do parceiro(a)? 9. O ciúme pode ser provocado como forma de autovalorização? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 19/08/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
17:35
August 19, 2020
Perguntas dos Ouvintes #19
1. Como reconstruir uma imagem destruída? 2. Como trabalhar contra o bloqueio emocional? 3. Como lidar com o lado emocional, quando se tem um parente com Covid-19? 4. Sobre o caso do motoboy que foi destratado por um homem, que além de diminuir a sua condição social, foi racista. A família desse homem afirma que ele tem um laudo médico comprovando ter alguma questão psíquica, alguma doença mental. Caso ele realmente tenha, como proceder em uma situação assim? 5. Como identificar se alguém está tendo um surto psicótico? 6. Um laudo médico pode ser contestado por outro profissional da saúde mental e ser refeito? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 12/08/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
18:49
August 12, 2020
Negacionismo: por que algumas pessoas negam a realidade?
1. O que é o negacionismo? 2. Por que uma pessoa nega a realidade, mesmo diante de fatos concretos? 3. Aceitar a ciência como fonte segura de informações é um risco para quem? 4. Por que os negacionistas formam grupos? 5. O “achismo” tem a ver com desconhecimento? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 05/08/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
15:41
August 06, 2020
Drogas lícitas e ilícitas: quais as mais letais?
1. O álcool mata mais do que as drogas ilícitas? 2. Qual a droga mais letal de acordo com a percepção do brasileiro? 3. Qual a droga mais letal na visão da OMS (Organização Mundial de Saúde)? 4. O consumo de álcool está associado às mortes de trânsito e violência doméstica? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 22/07/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
10:18
July 22, 2020
Convite
sergiomanzione.com.br e @psicomanzione
00:36
July 17, 2020
Aumento dos divórcios: definições das relações durante a quarentena
1. Houve o aumento no número de divórcios. O que está acontecendo? 2. Qual foi o aumento na busca no Google por divórcios on line gratuitos? 3. Houve aumento de homicídios, feminicídios e violência doméstica? 4. Quando saber o momento exato de terminar o relacionamento? 5. Quais são os sinais que se deve estar atento para identificar uma personalidade violenta? 6. O álcool e outras drogas podem intensificar a violência doméstica? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 15/07/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
14:00
July 15, 2020
Perguntas dos Ouvintes #18
1)Tenho mudanças de humor repentinas. Fico grosseira com as pessoas sem perceber, mas sempre fui alto-astral. Já disseram que pode ser bipolaridade, mas não sei ao certo. Tenho receio de ir a um psicólogo e descobrir que realmente não estou bem. 2)Qual a forma de encarar os traumas da infância? 3)Como lidar com a família tóxica? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar em 08/07/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
10:56
July 08, 2020
Como lidar com as crianças na quarentena (e fora dela)
1. A partir de que idade é preciso explicar para a criança o que está acontecendo no mundo e o real motivo pelo qual ela tem que ficar em casa e como isso deve ser feito? 2. Depois de tanto tempo em casa, muitas das crianças estão com sono desregulado, dormindo demais ou não dormindo. É necessário organizar isso e os horários para se alimentar? 3. É comum perder o estímulo para fazer as atividades escolares? O que fazer em cada faixa etária? 4. Os pais têm se queixado que já não têm mais criatividade para entreter os filhos. O que fazer? É preciso mantê-los ativos sempre? 5. Muitos pais estão trabalhando de casa e não conseguem dar atenção frequente aos filhos e acabam os deixando mais tempo em frente a tablets, TVs e jogos. Como isso pode ser prejudicial e o que fazer? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 01/07/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
13:27
July 01, 2020
Perguntas dos Ouvintes #17
1. Tem dias em que eu simplesmente acordo completamente desanimado, de corpo mole, preguiçoso. Outros em que eu estou bem. Essas mudanças acontecem sem nenhuma alteração na minha rotina. Isso pode ser alguma questão psicológica? 2. Gosto de colecionar coisas, mas me dizem que essa não é uma mania saudável. Não vejo problema nenhum, nem acho que passo dos limites, mas meus parentes acham que sou acumulador. Será que sou? 3. Por que odiamos a segunda-feira? É psicológico? 4. Nunca passo mais de 3 meses com o mesmo cabelo. Enjoo de mim mesma. É normal? Meu marido diz que já é maluquice. 5. Não consigo alcançar nenhuma meta financeira e fico desestimulado de buscar meus objetivos. Sinto que existe uma cobrança também dos meus familiares mais próximos. Eu recebo pouco e, por enquanto, não vejo condições de melhora. Como conviver com esse desestimulo? 6. Tenho muito ciúmes dos meus filhos. Já tentei trabalhar isso em mim. Sei que criamos eles para o mundo, mas é mais forte do que eu. Toda vez que eles estão com alguma namoradinha eu perco a minha paz. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar em 24/06/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
12:58
June 24, 2020
Como organizar meu tempo?
O que é administração do tempo? Organizar nossas coisas ajuda para ter mais tempo? É preciso dizer não para as pessoas e tarefas? Quais as diferenças entre importante, urgência e emergência? Como fazer (na prática) para organizar meu tempo? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar em 17/06/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:52
June 21, 2020
Perguntas dos Ouvintes #16
1. Existem estudos relacionando a astrologia e a psicologia? 2.Meu pai é alcoólatra e eu bebo socialmente, mas tenho medo de desenvolver alcoolismo. Não tenho nenhuma dependência, mas tenho medo de não saber qual é o limite. 3.Tudo que eu vejo na TV eu choro. Sou assim emotiva desde pequena. Por que isso? 4.Por que a gente tende a sempre voltar para o que nos machuca? 5.Meu filho é muito tímido e introspectivo e tem dificuldade de socializar na escola e, às vezes, até com parentes. Quero levar ele a um psicólogo, mas ele e o pai são relutantes. Como posso convencê-los? 6.Eu sempre sinto necessidade de mudança e não suporto nenhuma rotina. Por isso nunca consigo levar nada para frente: emprego, relacionamentos amorosos, amizades e projetos. É natural esse sentimento? Ou seria imaturidade minha ou medo do futuro? 7.O que é aromaterapia? Tem relação com psicologia? 8.Como começar a falar com crianças sobre morte ou sobre situações difíceis como essa em que estamos vivendo? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar em 11/06/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
18:42
June 12, 2020
Narcisismo, sociopatia e psicopatia: o que são e como identificar
1. Qual a diferença entre narcisismo, sociopatia e psicopatia? 2. Como identificar alguma característica desses transtornos em amigos e parentes? 3. O psicopata é sempre um assassino? 4. Qual a melhor atitude que a família deve ter com o psicopata? 5. Muito se vê de violência contra as mulheres, mas o inverso é raro. Essas pessoas são psicopatas? 6. Como agem os narcisistas no início de um relacionamento amoroso? 7. Narcisistas, sociopatas ou psicopatas mentem? 8. As redes sociais, onde as pessoas se mostram mais, podem contribuir para se ter mais narcisistas na sociedade? 9. É possível se blindar contra os comportamentos prejudiciais dos narcisistas, sociopatas e psicopatas? 10. Profissionais com cargos altos e políticos podem ser psicopatas? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar em 20/05/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
29:26
May 27, 2020
Perguntas dos Ouvintes #15
1. Não tenho um bom convívio com minha família, principalmente a minha mãe. Essa quarentena tem sido um tormento pra mim. Já queria sair de casa, mas não tinha grana. Agora isso se intensificou. Como manter a sanidade mental? 2. Nesses dias de isolamento passei a me exercitar todo dia, coisa que não tenho foco na rotina normal. Como faço para manter o foco? Existe alguma terapia para manter o foco nas coisas? 3. Tenho um filho de 11 anos que está entediado e não consegue dormir à noite. O que posso fazer? 4. Tem dias que estou bem, tem dias que estou super ansioso, sem sono, angustiado... Como faço em momentos assim? 5. Como os psicólogos estão trabalhando nesse período de quarentena? 6. Sou muito sonhadora. Uns acham que eu sonho demais, outros incentivam isso em mim. Devo ou não alimentar esse meu lado? 7. A psicologia ajuda a cortar o uso do álcool? 8. Tenho parentes que, com o passar dos anos, desenvolveram algumas doenças ou transtornos psicológicos. Isso é genético? Quais cuidados eu devo tomar para manter a minha saúde mental? 9. Vício em trabalho tem cura? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar em 13/05/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
22:37
May 13, 2020
Ageísmo: preconceito contra idosos
1. O pânico gerado pela quarentena pode levar ao suicídio? 2. É difícil receber a notícia de que se está com o covid-19? 3. A juventude é idolatrada é os idosos são esquecidos? 4. Existe diferença entre idoso e velho? 5. Como as pessoas que estão, de fato, preocupados com os idosos deve agir? 6. Os jovens de hoje são os idosos de amanhã. A sociedade atual está se preparando para ser idosa? 7. Como fazer com aquela pessoa que tenha problemas de locomoção, por exemplo, podem participar das festas de família e outros eventos sociais? 8. As políticas públicas voltadas para os idosos são eficazes? 9. Qual a importância da fala neste momento? É possível acionar o 188? 10. Neste isolamento social com medo ou pânico, além da violência doméstica, é preciso entrar em contato com terceiros? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar em 06/05/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
22:46
May 09, 2020
Perguntas dos Ouvintes #14 – Parte 2
1. Pais que são separados e dividem a guarda do filho. Como lidar com esse processo? Como falar da situação da criança? 2. Com essa quarentena eu perdi tudo que eu tinha conquistado na academia, parei de ver meus amigos e perdi o interesse pela faculdade. Estou triste por retroceder. Como posso retomar tudo? 3. Sou muito positiva e as pessoas se irritam com isso; não forço, sou naturalmente assim. Tem problema? 4. Queria ser psicólogo só que eu tenho medo de não conseguir ajudar os outros. Existe isso? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar em 29/04/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
08:58
May 04, 2020
Perguntas dos Ouvintes #14 – Parte 1
1. Com manter a saúde mental dentro e fora da quarentena? 2. Amo meus filhos, mas está duro conviver com duas crianças dentro de casa 24h por dia kkkkk.  Como manter a paciência? E como fazer atividades que unam a gente? 3. O excesso de uso no de TV e internet pode ser prejudicial para a criança? 4. Desconto tudo em comida. Alegria, tristeza... Tudo é comida. Depois que eu como fico triste e resolvo comer mais para tentar me sentir melhor. Estou cansada desse ciclo. Como controlar a compulsão alimentar? 5. Eu nunca consigo tomar decisões, fazer mudanças, tirar meus projetos do papel. Não sei se por medo, preguiça ou os dois, mas sei que odeio isso em mim. 6. A psicologia pode me ajudar a ter controle financeiro? 7. O que falar para uma pessoa que tem um parente internado em um hospital e não pode ter contato com ele? Não sabe se está sendo tratada, como está o parente... 8. Como falar com uma pessoa idosa ou outra no grupo de risco de ter covid-19? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar em 29/04/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
13:41
May 04, 2020
Inteligência Emocional
1.Como equilibrar as emoções? 2.O que é inteligência emocional? 3.Alguém muito emotivo ou sentimental é uma pessoa com baixa inteligência emocional? 4.O turbilhão de ideias e pensamentos pode atrapalhar uma decisão racional? 5.Quais são os pilares da inteligência emocional? 6.Como diferenciar se uma pessoa é "fria" ou tem inteligência emocional? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar desde 22/04/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  www.sergiomanzione.com.br ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
11:13
April 27, 2020
Perguntas dos Ouvintes #13
1. Dá para controlar o ciúme? Eu sou muito ciumenta e isso me faz muito mal. 2. Como lidar com a ansiedade e o lado psicológico durante a quarentena do coronavírus e com tantas informações negativas, com a solidão, com o tempo vago? 3. Com o tempo livre durante a quarentena e gastando menos energia, a minha insônia voltou. Tem alguma dica do que posso fazer para contornar a insônia? 4. Acho que meu amigo é gay, mas não quer me contar. Como abordar esse assunto com ele?  5. Estou amando ficar em casa, em quarentena. Não quero voltar para a minha rotina, para o meu ambiente de trabalho, com pessoas tóxicas... Isso é normal? Será que é um sinal que eu funciono melhor em home office?  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna semanal do Psicólogo Sergio Manzione na Rádio CAM e que foi ao ar desde 15/04/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
15:46
April 15, 2020
Relacionamentos em quarentena. O que fazer?
1) Como lidar com o momento atual estando em isolamento social 2) É possível ficar em casa 24 horas com o(a) parceiro(a)? 3) A comunicação entre o casal pode ser motivo para problemas? 4) Quem tem de propor soluções de conflitos nos relacionamentos? 5) Todos os casais resolverão seus problemas? 6) É um momento de novas dinâmicas nos relacionamentos com ajustes? 7) A qualidade da comunicação é um pilar dos relacionamentos? 8) Como desenvolver a comunicação emocional? 9) O diálogo deve começar consigo mesmo? 10) Primeiro devo de melhorar ou esperar o que o outro melhore? 11) É preciso perdoar e pedir perdão? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar em 08/04/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
15:58
April 14, 2020
Perguntas dos Ouvintes #12
1. A maioria dos casais que vejo, quando terminam o relacionamento e depois voltam, não terminam a vida juntos. Por que isso? Realmente é assim que acontece? 2. Ansiedade é o que mais tem acometido as pessoas neste momento de quarentena?  O que fazer? 3. Eu me aposentei, minha mulher também, e eu quero me mudar para o interior, morar em um sítio, mas ela não. Já estou olhando terreno e tudo. O que fazer? Como manter o casamento bem mesmo com a distância? 4. Estou comendo muito mais do que antes da quarentena. O que fazer? 5. Ultimamente tenho acordado no meio da noite, com o coração acelerado e assustada. O que pode ser?  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 01/04/2020 . Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
11:53
April 02, 2020
Corona vírus: medo, excesso de informações e pontos positivos
1. Por que as pessoas estão assustadas? 2. Isolamento social é necessário? 3. O excesso de notícias ajuda ou atrapalha? 4. A comoção social ganhou grande proporção por que atinge ricos e poderosos? 5. As "fakes news" podem matar? 6. É possível tirar algum aspecto positivo dessa crise com o covid-19? As respostas a essas e outras perguntas estão nesta entrevista dada ao podcast do portal Muita Informação! e que está no ar desde 19/03/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
14:31
March 25, 2020
Pânico coletivo e outras ameaças do Covid-19
1) Como fica a cabeça de quem tem uma vida agitada e precisa ficar confinado? 2) O clima de medo aumenta com as manchetes da imprensa? 3) Por que existe o pânico coletivo? 4) Por que o corona vírus apavora e a dengue não, mesmo esta matando muito mais? 5) No Brasil já houve esse tipo de controle em aeroportos como hoje? 6) Devemos acompanhar as notícias da imprensa ou isso aumenta a insegurança? 7) O clima de medo pode levar alguém a ter uma crise de pânico? 8) O mundo de hoje está mais preparado do que 1918 com a gripe espanhola? 9) Existem aspectos positivos na pandemia do Covid-19? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 18/03/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
14:39
March 18, 2020
Perguntas dos Ouvintes #11
1) Questões psicológicas têm cura ou apenas são controladas? 2) Às vezes não sinto vontade de sair ou fazer coisas que eu gostava muito antes. Só sinto vontade de chorar. Queria saber se isso possivelmente tem algo a ver com depressão ou o que eu posso fazer para sair dessa? Não falo sobre isso para não tomar o tempo de ninguém. 3) Como amenizar a ansiedade causada pelas redes sociais? É preciso se desligar por um longo tempo? 4) Como trabalhar, como agir para restituir o amor próprio e se colocar em primeiro lugar para evitar passar por relações abusivas, tanto em amizades, amores ou pessoas do trabalho? 5) Agora que passaram as festas, como botar o pé no chão, parar de procrastinar e retomar os planos e a vida? 6) O que fazer para melhorar a concentração e o foco? 7) Na hora de dormir, como fazer a mente parar de ficar pensando e conseguir dormir de fato? 8) Como lidar com a dificuldade financeira? Isso me tira o sono! As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 04/03/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
16:16
March 04, 2020
O que esperar e o que fazer no Carnaval?
Qual a recomendação para o período de Carnaval? O respeito e a tolerância são as palavras de ordem? As respostas a essas e outras perguntas estão na entrevista feita pelo portal Muita Informação com o Psicólogo Sergio Manzione, que está disponível no muitainformação.com.br, inclusive com o vídeo, desde 23/02/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
08:32
February 23, 2020
No Carnaval tudo está liberado?
O Carnaval pode dar a sensação de que tudo está liberado, mas, na verdade, não é bem assim. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
01:48
February 21, 2020
Perguntas dos Ouvintes #10
1) Eu e o pai da minha filha não moramos juntos. Ela mora comigo, mas sempre que dá ele vem ver ela, só que ela estranha o pai e n quer ficar com ele. Tenho até medo de deixá-la sozinha com ele e ela ficar desesperada. Como a gente pode mudar isso? 2) Eu tenho algumas manias, alguns tiques. Fico torcendo o pulso e o pescoço e mordendo a língua, as vezes até machuca. A psicologia explica isso? O que eu tenho? 3) Não consigo ser fiel. Eu amo minha esposa e não é falta de amor. Isso não muda em nada o que eu sinto por ela, mas eu não consigo deixar de ficar com outras pessoas. Sinto prazer nisso. Eu consigo controlar ou mudar indo a um psicólogo? 4) Minha filha está com sintomas parecidos com depressão e se recusa a conversar comigo ou ir em um psicólogo. Só fica no quarto. Chamo para fazer de tudo e ela mente, diz que não está se sentindo bem. Estou preocupada! 5) Meu filho já cresceu, mas eu não consigo desapegar. Tenho medo dele ir pra algum lugar sozinho. Acho que é porque ele já foi assaltado e eu criei trauma. Só de pensar nele ir em uma festinha eu fico nervosa. Quero aprender a conviver com isso. 6) Meu chefe está dando em cima de mim. Eu já recusei com educação e até menti, dizendo que tenho namorado. Não aguento mais essa situação. 7) Cresci longe do meu pai. Até já estabelecemos contato algumas vezes, mas sempre algo rápido e meio sem se falar direito. Eu tenho vontade de me aproximar, mas não sei como. 8) Eu acho que não sou boa em nada. Nunca descobri uma vocação. Tenho medo de n ter nascido com nenhum talento e n sei o que fazer da vida. Quero descobrir! 9) Como faço para me concentrar? 10) Meditação funciona? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 29/01/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
11:43
January 29, 2020
O que é JANEIRO BRANCO?
O que é Janeiro Branco? O que é psicoeducação? As redes sociais influem na saúde mental? Como reconhecer que se está com um problema? Os "haters" são um sintoma de que os indivíduos não estão bem? Família e amigos podem atrapalhar a psicoterapia? O dependente químico está doente ou é criminoso? Qual a importância do autoconhecimento?  O machismo é ruim para os homens? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 22/01/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
16:46
January 25, 2020
Verão: coisas boas e ruins
Quais são os aspectos positivos e negativos do verão? Existe uma depressão de verão? Muitos têm férias, mas e os que não tem como ficam? Casais podem se separar no verão para curtir uma "solteirice"? O calor e a luminosidade podem influenciar no humor das pessoas? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 08/01/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
13:60
January 16, 2020
Perguntas dos Ouvintes #9 - Parte 2
1. Me cobro muito e isso acaba influenciando meu rendimento. Travei em todos os vestibulares que fiz. Não quero mais me cobrar assim. 2. Como uma relação conturbara dos pais podem afetar uma infância? 3. Quero morar fora do Brasil, mas minha mãe está doente e me sinto culpada de deixar ela aqui e ela acabar falecendo e eu perder a oportunidade de estar com ela. Minha família está me chamando de egoísta, mas a oportunidade que estou tendo agora não sei se vou ter mais. 4. Como conviver melhor com os colegas de trabalho? 5. Quanto tempo leva pra se curar um desamor? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 08/01/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
13:33
January 10, 2020
Perguntas dos Ouvintes #9 - Parte 1
1. Ansiedade tem alguma relação com depressão? 2. Tenho depressão, mas minha família não só ignora como diminui isso. Ainda dependo dos meus pais. Já pensei em desistir da vida. Quero viver em paz, mas não sei como começar. 3. A cleptomania é uma doença? O tratamento é feito pela psicologia? 4. Meu filho tem 13 anos, mas ainda tem um comportamento muito infantil. O que pode estar contribuindo para esse comportamento dele? 5. Todo trabalho que eu consigo eu começo bem, mas depois fico de saco cheio, entediado e já começo a odiar o ambiente, as pessoas... Até que ponto isso é normal e como controlar? 6. Vi um documentário sobre pessoas acumuladoras, que guardam objetos desnecessários, se apega a eles. Eu acho que sou uma. Como diagnosticar? Tem tratamento? Não sei porque desenvolvi isso. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 08/01/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
14:30
January 10, 2020
Especial de Ano Novo: os planos que podem dar certo
Ano Novo vida nova e velhos problemas? A solução dos problemas vem da pessoa ou de fora dela? Como lidar com a frustração de 2019? O culpado são sempre os outros?  A pessoa é sempre a vítima? Como definir os objetivos e metas para o ano novo? Como lidar com as pressões sociais crescentes, inclusive de idade? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 01/01/2020. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
20:38
January 01, 2020
Especial de Natal: alegrias e tristezas
Por que as pessoas ficam mais solidárias no Natal? Os novos arranjos familiares podem mudar a maneira de celebrar o Natal?   Por que muitos vão para as baladas de Natal ao invés de estar com a família? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 25/12/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
19:27
December 25, 2019
Perguntas dos Ouvintes #8
1. Gostaria que falasse mais sobre como manter ou controlar as crises de ansiedade. Quando me percebo com muitas pendências (trabalho, vida etc.) sinto taquicardia. 2. Por que as pessoas não tem o hábito de dialogar? Estão sempre passando por cima da conversa da pessoa para falar de si. Não acabam de me ouvir e dizem: "poxa", "legal", "vai dar certo"... e voltam o assunto para elas mesmas. Gostaria de saber como lidar com pessoas assim. 3. Eu não consigo me apegar as pessoas. Já tive vários relacionamentos, mas não sei se já cheguei a amar de verdade. Isso é normal? Será que eu tenho algum tipo de sociopatia? 4. No ano que vem eu queria mudar várias coisas na minha vida, inclusive meu visual. Mas entra ano, sai ano, e eu não consigo mudar nada. Tenho até medo de mudar o visual e não gostar. Sinto que fico sempre presa ao mesmo, com medo de mudar. Queria saber se posso tratar isso. 5. Eu não participei de nenhum amigo secreto. Nem de amigos, nem da família, nem da empresa... sempre fazia por educação, mas esse ano eu cansei. Me chamam de fria. Eu sou? Nunca fui de me importar com data nenhuma. 6. De que forma a fé pode me ajudar a passar por obstáculos? As pessoas sempre falam com muita certeza sobre a fé delas e a existência de Deus, mas eu não sei bem se acredito. 7. Minha filha está crescendo. Está começando a falar de garotos, de viagens com as amigas e eu confesso que não estou preparada pra perder ela para o mundo. Me dá apreensão só de pensar nela vivendo a vida sozinha. Como aprender a lidar com isso já que não tem jeito? 8. Quero mudar de profissão, estudar novas coisas, mas acho que já estou velho pra isso. Já vou pra casa dos 50. Como saber se não é só uma crise de meia idade? Quando saber se isso é um impulso? 9. Depressão tem cura ou só tem um controle? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 18/12/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
20:07
December 19, 2019
Comprar sem limite - Transtorno Compulsivo por Compras
Quando se ultrapassa o limite de comprar? Quais os prejuízos dessa compulsão?    Quais as possíveis origens desse transtorno? Há tratamento para o Transtorno Compulsivo por Compras? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 11/12/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
08:51
December 14, 2019
Perguntas dos Ouvintes #7
1. Como é entender o próprio eu e não me autossabotar? 2. Tenho uma filha de 5 anos, mas, ultimamente, ela passou a ter um comportamento muito agressivo. De que forma posso mudar essa conduta agressiva? 3. Como identificar se o mau rendimento da minha filha na escola é descaso dela ou um problema mais grave, como depressão? 4. Separei-me recentemente e percebo uma mudança de comportamento do meu filho em relação a mim. Será que a mãe está praticando alienação parental? 5. Perdi meu Avô e meu Pai em um espaço de 2 meses há pouco mais de 2 anos atrás. Até hoje sinto que não fui o melhor neto e filho para eles e me culpo diariamente por isso. Esta sensação, este sentimento de tristeza, frustração e decepção pessoal com isto, é algo que pode ser tratado com um psicólogo?! 6. Como se faz para deixar uma pessoa ir mesmo apegado a ela? 7. Quero mudar algumas coisas da minha vida, mas tenho muito medo de mudanças. Como lidar com esse medo? Quando saber qual passo devo tomar? 8. Sempre que digo ao meu companheiro que quero me separar, ele surta, diz que vai se matar, entre outras coisas. Quero sair da relação, mas tenho medo que ele realmente faça uma besteira. O que fazer? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 04/12/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
13:47
December 09, 2019
Discriminação - Parte 2
Esta é a segunda parte sobre o preconceito e a discriminação. O discurso de ódio é discriminatório?  Quais são as discriminações mais comuns em nossa sociedade? O padrão de beleza é discriminatório apenas para as mulheres negras? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 27/11/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
12:34
November 27, 2019
Discriminação - Parte 1
O preconceito e a discriminação nascem com a pessoa?  Qual a diferença entre injúria racial e racismo? Preconceito é crime? Quais são os preconceitos mais comuns em nossa sociedade? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 20/11/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
06:42
November 23, 2019
Perguntas dos Ouvintes #6
1) Como lidar comportamentos psicopatas no ambiente de trabalho? 2) Como manter o equilíbrio emocional fazendo o TCC?  3) Estou sofrendo assédio moral no trabalho. Já direcionei a questão ao RH e ainda não foi solucionada. Preciso dinheiro, não posso sair, mas a situação está insustentável. 4) Acredito que tenho passado muito tempo no celular e nas redes sociais. Como saber se estou me excedendo? Quando o uso do aparelho passa a ser nocivo? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 06/11/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
08:10
November 15, 2019
Relacionamentos Tóxicos
Como são e como identificar os relacionamentos saudáveis, tóxicos e abusivos?  Qual a estrutura básica de um relacionamento (1+1=3)?  Os relacionamentos de família e de trabalho também podem ser tóxicos? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 06/11/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
14:14
November 08, 2019
Perguntas dos Ouvintes #5
Perguntas dos Ouvintes #5. Como recuperar um trabalho mal desenvolvido por um psicólogo? Minha irmã que é descrente e não acredita na possibilidade de que nenhum outro profissional possa ajudá-la. Eu tenho uma compulsão alimentar. Já tentei me reeducar várias vezes, mas é mais forte que eu. O que posso fazer para controlar isso e mudar de vida? Eu sinto que o serviço de auxílio psicológico ainda é muito elitizado. As pessoas, como um todo, não possuem acesso a um acompanhamento psicológico ou não têm consciência dessa importância. Como propagar essa cultura para a população, como um todo? Eu não consigo concluir nada que eu começo. No início eu fico empolgado, sigo meu plano, mas depois de um tempo me desinteresso e abandono tudo. Tem explicação para isso? Posso reverter? Como a meditação pode melhorar a minha rotina? O cansaço mental tem me abatido muito. Como descarregar isso? Meu rendimento no trabalho caiu bastante nos últimos meses. Minha família tem histórico de problemas de memória. Quais tratamentos posso buscar para prevenir a falta de memória precoce? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 30/10/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
17:09
October 30, 2019
Orgulho e Egoísmo
O que são orgulho e egoísmo?  Como pensa quem é orgulhoso? Existe orgulho positivo?  Como age o(a) egoísta?  Você é orgulhoso(a)?  Você é egoísta? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 23/10/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
11:03
October 25, 2019
Perguntas dos Ouvintes #4
O déficit de atenção pode ser tratado pela psicologia? Como identificar se a criança é agitada ou hiperativa? Existe dependência de tratamento psicológico? Tenho uma sobrinha de 18 anos, estudando para o vestibular, que sempre foi alegre, mas agora só anda assustada, chora à toa, não quer sair de casa e até teve taquicardia. O que pode ser? Quando alguém diz que vai se matar só está querendo chamar a atenção? Como um advogado pode utilizar a psicologia ao seu favor? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 16/10/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
18:00
October 18, 2019
Violência e Tolerância
Quais as causas da violência?   A violência é inata ou é um comportamento adquirido? O comportamento individual é o mesmo quando em um grupo?  Músicas e jogos podem causar um espírito violento nas pessoas? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 09/10/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
06:35
October 14, 2019
Perguntas dos Ouvintes #3
Qual a diferença entre as linhas de trabalho dos psicólogos? O que são florais? Para que servem? Como funciona uma crise de pânico? Como saber se estou em uma? Problema de relacionamento e de falta de dinheiro leva ao suicídio? Até que idade a gente pode considerar normal imaturidade e irresponsabilidade? Como fazer uma pessoa praticar a autoavaliação? Quais exercícios podemos fazer para buscar questões que estão na gente e não no outro? Como o autoconhecimento e o auto-amor podem nos ajudar? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 02/10/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
16:02
October 04, 2019
Suicídio - É preciso falar deste assunto!
Quais os sinais dados pela pessoa que quer se matar?  O que deve ser feito para evitar o suicídio?  Onde procurar ajuda?  Debater o tema aumenta os casos de suicídio?  É possível prevenir o suicídio?   Vamos falar abertamente, pois são mais de 800 mil casos por ano em todo o mundo, 13 mil no Brasil e, ainda, para cada suicídio há mais outras 20 tentativas mal sucedidas. As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo  Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 25/09/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
12:40
September 25, 2019
Agradeço a você!
Agradecimento aos inúmeros acessos ao podcast de ouvintes de todo o Brasil e de vários países como EUA, México, Rep. Checa, Argentina, Japão, Portugal, Espanha, Peru, Nova Zelândia e mais outros 23!!!. Acesse Instagram @psicomanzione ou linktr.ee/psicomanzione
01:23
September 20, 2019
Perguntas dos Ouvintes #2
Neste programa foram feitas as seguintes perguntas: 1. Como tratar a depressão? 2. Como curar um amor não correspondido? 3. Se você pressentisse que está iniciando um processo de depressão você procuraria um profissional? Ou, por ter conhecimento do que se trata, poderia tentar se curar por si só? 4. Tenho coisas no corpo que eu não gosto, mas não tenho dinheiro para mudá-las. Como conviver com isso? Não sou feliz dessa forma. 5. Qual a diferença entre psicólogo, psiquiatra e psicanalista? 6. Por que as pessoas têm preconceito com a terapia? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo  Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 11/09/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
09:19
September 11, 2019
O mundo "perfeito" das redes sociais
Exite pressão para sermos sempre felizes?  A vida do outro é muito melhor que a minha?  Ter um baixo número de "likes" significa que estou sendo rejeitado pelos grupos sociais?  Quais problemas emocionais podem resultar dessa busca pela perfeição nas redes sociais?  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo  Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 04/09/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
14:59
September 04, 2019
Perguntas dos Ouvintes #1
Neste programa foram feitas as seguintes perguntas: 1. Quais são os sintomas da síndrome do pânico? 2. Quando sei que preciso procurar um psicólogo?  3. Até que ponto os avanços da ciência têm contribuído para a psicologia? 4. Em que a psicologia melhora a vida da pessoa? 5. Eu não sei se estou só triste ou com depressão. Como saber? 6. A felicidade incomoda? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo  Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Cam em 28/08/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).  
15:32
August 28, 2019
Transtorno Afetivo Bipolar
O que é e como se caracteriza o Transtorno Afetivo Bipolar (TAB)? É possível curar ou controlar os sintomas?  Quais são os tratamentos? Uma pessoa com TAB pode levar uma vida normal?  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo  Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Cam em 21/08/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).  
10:37
August 23, 2019
Medos e Fobias 2
A pedido dos ouvintes o tema retornou e aqui está o segundo áudio. Medo e Fobia são a mesma coisa?  Por que sentimos medo? O medo pode ser passado de geração em geração? Existe tratamento para os casos em que o medo atrapalha a vida cotidiana? As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo  Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 14/08/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
11:23
August 14, 2019
O Papel do Pai
Qual o papel do pai? Qual a função paterna? Como é a formação do(a) filho(a) que não tem pai ou ele é ausente? Como fica a figura do pai nos novos arranjos familiares?  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo  Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 07/08/2019.  Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse:  linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter). 
14:59
August 09, 2019
O tempo está passando muito rápido (?!)
Por que temos a sensação de que o tempo passa rápido?  A percepção do tempo pode ser diferente para cada pessoa?  A tecnologia influencia em como sentimos o tempo?  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 31/07/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
07:21
July 31, 2019
Drogas e dependência química
As drogas lícitas e ilícitas são uma pandemia mundial e um problema de saúde pública grave.  Usuário e dependente de drogas são a mesma coisa?  Há drogas que não fazem mal? O usuário/dependente de drogas deve ser tratado como criminoso?  O consumo de álcool acarreta em muitas morte (diretas e indiretas) no Brasil.  A política nacional sobre drogas no atual governo é um avanço ou retrocesso? As respostas a essas e outras perguntas são dadas pelo Psicólogo Sergio Manzione em sua coluna, que foi ao ar em 24/07/2019, pela Rádio Câmara. Saiba mais sobre o autor: linktr.ee/psicomanzione - @psicomanzione (Instagram e Facebook).
21:51
July 29, 2019
Síndrome de Burnout ou Síndrome do Esgotamento Profissional
 A Síndrome de Burnout  é um distúrbio psíquico caracterizado pelo estado de tensão emocional e estresse provocados por condições de trabalho desgastantes.   A principal causa da doença é o excesso de trabalho e as situações ameaçadoras gerado por ele. Esta síndrome é comum em profissionais que atuam diariamente sob pressão, com metas a serem atingidas e responsabilidades constantes, como médicos, enfermeiros, professores, policiais, jornalistas, bancários dentre outros.  O aumento da doença no mundo é tão grande que passará a constar na próxima versão do Código Internacional de Doenças (CID-11). A síndrome pode levar à depressão? Pode causar afastamento do trabalho?  Quais são os sinais e sintomas da Síndrome de Burnout?  A resposta a essas e outras perguntas são dadas pelo Psicólogo Sergio Manzione em sua coluna que foi ao ar em 17/07/2019, pela Rádio Câmara. Saiba mais sobre o autor: linktr.ee/psicomanzione - @psicomanzione (instagram e facebook)
11:07
July 17, 2019
Ética e Moral
Ética e moral são a mesma coisa?  Elas podem existir ao mesmo tempo? Nossa vida é pautada pela moral, pela ética ou por ambas?  Os políticos têm ética e moral? Roubar um remédio para salvar um filho é imoral, antiético ou não?  As respostas a essas e outras perguntas estão na coluna apresentada pelo Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar na Rádio Câmara em 10/07/2019. Quer saber mais sobre o autor, comentar e dar sugestões, acesse linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face, Twitter).
12:22
July 11, 2019
Luto e Perdas
O luto se dá apenas com a morte de alguém querido?  Pode haver luto ao término de relações amorosas ou com a perda do emprego?  Quais são as fases do luto? Quanto tempo dura o luto? As respostas a essas e outras questões estão na entrevista com o Psicólogo Sergio Manzione realizada em 03/07/2019. Para saber mais sobre o autor ou enviar sugestões acesse linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (Instagram, Face e Twitter).
11:49
July 03, 2019
TDAH - Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade
O tema deste programa é o TDAH - Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade. Afinal, o que é TDAH?  Existe tratamento? Como é feito o diagnóstico? TDAH é o mesmo que a ansiedade?  Os sintomas podem se confundir? As respostas a essas e outras questões estão na coluna (semanal) do Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar em 26/6/2019. Quer saber mais sobre o autor: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (IG, Face, Twitter)
11:05
June 30, 2019
Machismo
O machismo é algo natural ou cultural?  Existem mulheres machistas?  O machismo pode fazer mal ao homem?  O machismo está presente nos relacionamentos abusivos? As respostas a essas e outras questões estão na coluna (semanal) do Psicólogo Sergio Manzione, que foi ao ar em 19/6/2019. Quer saber mais sobre o autor: linktr.ee/psicomanzione ou @psicomanzione (IG, Face, Twitter)
14:58
June 25, 2019
Relacionamentos amorosos: existe fórmula para a felicidade?
A entrevista aborda os relacionamentos amorosos e sua dinâmica.  A relação de um casal pode ser abusiva e quais circunstâncias?  E por quê?  Como deve ser um relacionamento para ser duradouro?  Existe uma fórmula para que o casal possa ser feliz sem depender ou sufocar ou outro?  As respostas a essas e outras questões são discutidas pelo Psicólogo Sergio Manzione em sua coluna semanal na Rádio Câmara.  Quer conhecer mais sobre o autor? Entre em linktr.ee/psicomanzione ou no instagram como @psicomanzione. 
13:24
June 14, 2019
Individualidade e Individualismo
Existe diferença entre Individualidade e Individualismo?  No mundo contemporâneo a individualidade diminui e o individualismo aumenta  ou é o inverso. Neste episódio Sergio Manzione explana sobre os dois conceitos, à luz do pensamento do sociólogo Zygmunt Bauman, e faz a ligação entre eles e a vida cotidiana.  Este episódio também está disponível no Youtube:   https://www.youtube.com/watch?v=B3D7lulmQc0 Aproveite e veja demais conteúdos aqui em: http://www.linktr.re/psicomanzione  
03:51
May 30, 2019
A relação com o Dinheiro
O dinheiro faz parte, direta ou indiretamente, de nosso cotidiano. Como podemos lidar com o dinheiro de forma saudável?  Ter ou não ter dinheiro afeta a saúde mental?  Neste áudio são discutidos alguns pontos desse abrangente assunto. Foi ao ar em 29 de abril de 2019 na Rádio Câmara FM 105.3 MHz.  Acompanhe outros conteúdos acessando www.linktr.ee/psicomanzione
06:29
May 13, 2019
Violência e Infância
Os jogos eletrônicos violentos são prejudiciais às crianças?  Qual o papel dos pais?  A criança e o adolescente sofrem influências da internet?  Qual o papel positivo das brincadeiras infantis?  Essas e outras questões estão presentes no Café Duplo Entrevista, que foi ao ar em 22/04/19 pela Rádio Câmara Salvador, FM 105.3.
11:27
April 23, 2019
Sofrimento e fé
O sofrimento é necessário para a evolução psíquica?  A fé pode eliminar ou amenizar o sofrimento?  O sacrifício é uma demonstração de fé.  As respostas a essas perguntas e outras ponderações estão na entrevista de Sergio Manzione que foi ao ar em 15 de abril de 2019 (Semana Santa).
13:38
April 17, 2019
Câncer e o impacto psicológico
8 de abril é o Dia Mundial de Combate ao Câncer.  Como lidar com o impacto da notícia de estar doente?  O que fazer para amenizar a ansiedade e desesperança?  O estresse pode causar câncer?  Como lidar com essas questões e outras mais? Ouça agora a entrevista com o psicólogo Sergio Manzione.
14:27
April 08, 2019
Mentira
Por que as pessoas mentem?  Quando a mentira aparece? Mentir demais pode se tornar uma compulsão?  Há tratamento? Ouça a coluna de Sergio Manzione na Rádio Câmara, que foi ao ar em 02 de abril de 2019.
09:58
April 03, 2019
Pós-carnaval: princípios do prazer e da realidade
Com o fim do carnaval somos trazidos de volta para nossas realidades nuas e cruas. Freud formulou os conceitos denominados de Princípio do Prazer e de Princípio da Realidade.  Veja como eles se "encaixam" no período do carnaval e depois dele.
02:16
March 13, 2019
Carnaval - Alegria e respeito
O Carnaval é um momento mágico em que muitos gostam de curtir a festa, mas também é um momento de amadurecer e aprender a conviver com o outro e com as diferenças. Curtir como se não houvesse amanhã, lembrando que, de fato, existe o amanhã.
01:48
March 01, 2019
Brumadinho: o lado humano
Tragédias como a de Brumadinho nos mostram o pior e o melhor do ser humano. Mostram o descaso com a segurança das pessoas e o desprezo pelo outro, mas também a solidariedade e a caridade. Infelizmente, o lucro está acima de tudo e o descaso acima de todos.
02:24
February 01, 2019
Fanatismo Religioso
Quais são as causas que levam uma pessoa (ou um grupo) a ter atitudes radicais e se transformar em um fanático? Por que as pessoas passam a defender cegamente uma ideia, instituição ou time de futebol? O fanatismo religioso pode ter o racismo como pano de fundo?
18:13
December 03, 2018
Racismo e Saúde Mental
O racismo é inato ou construído culturalmente? A opressão sobre a vítima de injúria racial ou racismo pode causar algum problema psíquico?
08:46
November 28, 2018
Ciúmes
Sentir ciúmes é normal e "apimenta" a relação? Ciúmes em excesso é uma doença? O que fazer?
17:40
November 19, 2018
Inveja
Por que alguém sente inveja? Existe inveja "do bem"? Somos invejosos e não sabemos?
14:33
November 12, 2018
Assédio Moral
Afinal, o que é assédio moral? Como identificá-lo? O que fazer se você for a vítima?
09:43
November 12, 2018
Síndrome do Pânico
A ansiedade por chegar no extremo e desencadear um conjunto de sensações angustiantes e assustadoras. O que é a Síndrome do Pânico? Tem cura? O que se pode fazer para prevenir um ataque? O que fazer se o ataque de pânico vier?
16:11
November 12, 2018
Ódio nas redes sociais: haters e trollers
O tema foi abordado novamente na Rádio Câmara. O que é esse fenômeno social que dissemina o ódio pelas redes sociais? Há como se proteger dos ataques?
21:29
November 12, 2018
Medos e Fobias
Medo e fobia são a mesma coisa? Ter medo é algo normal? A fobia é uma doença? Existe tratamento?
04:13
November 12, 2018
Depressão e a participação dos familiares e amigos
A depressão é uma doença e precisa ser encarada como tal por todos. Muitas vezes o desconhecimento de quem convive com o deprimido pode atrapalhar o tratamento. Como lidar com isso?
18:14
November 12, 2018
O ódio nas redes sociais: haters e trollers - Rádio CBN
The very first episode of Psicologia no dia-a-dia!
22:41
November 09, 2018